Altar de são Cipriano ©

Magias, encantamentos, magia branca, magia negra, ritos, conjuros, feitiçaria secular, conjurações, esconjurações, intercedências, invocações, rituais. Santeria, culto religioso, místico e espiritual aos santos.

 

Mestre Jorge; Mestre Daniel; Mestre Tiago; Mestre Paulo

 

 

Altar de são Cipriano e santa Maria Madalena - O caminho dos santos, Culto religioso aos santos; estatutos, fundação e constituição segundo «Manifesto Doutrinário», constante de registo em Oficio5244-MC ; averb. Reg. Nº 5847/2009 © .

 

atendimentoonline2

Veja aqui:

Trabalhos segundo saberes espirituais de s.Cipriano

Consulta gratuita:

e-mail: altar.cipriano@gmail.com

Tl: 925 709 899

altar_sao_cipriano_magia_negra_magia_branca_santeria_666

Altar são Cipriano © - Santeria – O caminho dos santos

Santuário sem fins lucrativos. Altar privado de culto religioso, místico, espiritual e esotérico.

Magia Negra e Magia Branca, o caminho das bênçãos e maldições de Deus, conforme a fé no caminho dos santos.

 

altarCiprianoMagiaNegraMagiaBrancaFeiticariaBruxaria

 

100 RELATOS VERIDICOS

mais de 100 casos reais

mais de 100 prodígios reais

mais de 100 testemunhos verídicos

 

-» Pagina 2 de Relatos Verídicos 

 

 

 

46

 

A Dn.a Cláudia O. estava desesperada, pois o amor da sua vida tinha-a abandonado e há meses que não respondia ás suas chamadas, não respondia aos seus e-mails e dizia para quem queria ouvir que não queria sequer ouvir o nome da menina Cláudia. O altar de são Cipriano aceitou o trabalho e fez uma poderosa amarração segundo os saberes de São Cipriano.

O trabalho foi duro, pois a Dn.a Cláudia não seguiu todas as instruções que o altar de são Cipriano tinha ditado, o que atrasou os resultados. No entanto, no tempo por Deus marcado ,passados tempos de silêncio e negações, o reencontro aconteceu. Não só isso, como o espírito do rapaz foi «tocado» e ele voltou a ser meigo e simpático com era no passado. A Dn.a Cláudia viu o rapaz mudar a olhos vistos, ficando manso e aberto e abrindo por ele mesmo uma porta ao futuro daquele amor. Muito esforço foi empenhadamente investido pelo Altar de São Cipriano, apesar dos erros da Dn.a Cláudia, e no fim, as portas ao amor foram abertas, criando uma oportunidade que até ali era impossível e impensável.

 

 

47

 

A Dn.a Isabel A. amava um homem, contudo esse homem tinha uma outra mulher. Essa outra mulher muitas humilhações e tormentos causou á Dn.a Isabel. Sofrendo e com sede de justiça e vingança, a Dn.a Isabel contactou o altar de são Cipriano , que aceitou o trabalho e a missão era punir aquele terrível mulher que tantos sofrimentos havia causado. Assim, no tempo por Deus marcado a mulher em questão sofreu um terrível acidente de carro. Do carro não restou nada que se aproveitasse, e a mulher podia ter morrido. Isso foi a vingança mostrada aos olhos da Dn.a Isabel, foi uma porta aberta para os tormentos pessoais que aquela mulher de mau coração sofreu. Vingança foi encomendada, e com a justiça de são Cipriano a vingança foi entregue sem hipótese de escapatória. Os saberes de são Cipriano são capazes, tanto do maior bem, como da mais terrível retribuição.

 

 

48

 

O Sr Carlos G. amava demais uma mulher, desejava demais uma mulher. Amava essa mulher profundamente, mas sofrendo em silêncio, pois um problema pessoal impedia essa mulher de aceitar um relacionamento mais íntimo e de forma totalmente aberta, de coração totalmente aberto. A mulher que o Sr Carlos desejava não se conseguia entregar totalmente, e aquele amor parecia impossível. O sr Carlos sofria de paixão, o Sr Carlos sofria de desejo, O Sr Carlos perseguia aquele sonho de mulher há 8 anos, havendo consultado outros mestres e feito outras amarrações, contudo sem sucesso.  O Sr Carlos trouxe o problema ao altar de são Cipriano. O altar de são Cipriano explicou que tratando-se de uma situação muito delicada, seria uma conquista difícil. No altar de são Cipriano, fez-se um trabalho de amarração, entregando o assunto ás mãos de são Cipriano, celebrando-se  poderosas missas esotéricas para fins amorosos, sendo que afinal obteve-se total sucesso. No entanto, um incumprimento da parte do Sr Carlos deitou tudo a perder. O Sr Carlos admitiu ou seu erro, e solicitou um segundo trabalho ao altar de são Cipriano. Realizou-se então um segundo trabalho. Foi um trabalho duro, em que alguns erros do Sr Carlos atrasaram os resultados. Entre os dois trabalhos, decorreram longos e longos tempos. No entanto, ao longo de todo esse tempo, o Sr Carlos agiu sempre com grande amizade, elegante cordialidade e total fé no trabalho do altar de são Cipriano. E assim, todos os possíveis e impossíveis foram feitos para conseguir um bom resultado, um resultado que o altar de são Cipriano verdadeiramente tinha um gosto pessoal em apresentar ao Sr Carlos, por ele ser uma pessoa que, apesar de tantas adversidades, apesar de contratempos, apesar de tantos revezes, apesar de tanto tempo de luta,  nunca desistiu, nunca duvidou nem um segundo da honestidade do trabalho feito, nunca sequer vacilou perante os esforços feitos, manteve sempre uma inabalável fé nos resultados sem sequer discutir, sempre acreditando. Findo o trabalho, eis que os resultados estavam lá. No tempo por Deus marcado , o Sr Carlos escreveu dizendo que o inacreditável tinha acontecido. Escreveu dizendo:

 

«A mulher anda maluca por mim, não me larga»; «Eu digo “deita”, e ela deita, eu digo “levanta” e ela levanta (…) Agora, tudo mudou e  é ela que quer estar sempre comigo, coisa que nunca tinha  acontecido.»

 

Os resultados foram esmagadores. Todos os desejos do Sr Carlos estavam finalmente ali, diante dos seus olhos, e foi este o momento em que depois de tempos e tempos de árduos procedimentos, se provou que São Cipriano pode abrir as portas que nunca antes ninguém conseguira abrir.

 

 

49

 

A Sr.a Maria A. estava sofrendo de graves problemas financeiros e profissionais sua vida .Por isso, a Sr.a Maria A. contactou o altar de são Cipriano com a finalidade de se livrar de tantos problemas e de ter uma vida novamente próspera. O altar aceitou o desafio e realizou um trabalho de abertura de portas á boa sorte, para que a Sr.a Maria A. pudesse ultrapassar todos os problemas que estavam a bloquear a sua felicidade. O trabalho foi feito. No entanto, verificou-se que o trabalho foi obstruído por condutas que a Sr.a Maria A. optou por realizar, ( contra as recomendações expressas do altar de são Cipriano), e que, atrasaram os resultados tão desejados pela Dn.a Maria A.

Contudo, e apesar de todos os obstáculos, o altar não desistiu e realizou todos os esforços para que o trabalho tivesse o devido sucesso. Passados tempos, a sr.a Maria A. contactou o altar de são Cipriano, agradecendo por tudo o que este fez e confessando que: 1- já estava num posto de trabalho melhor que aquele que possuía antes de contactar o altar;  2- a sua vida financeira, ao contrario do que sucedia antes de falar com o altar, estava finalmente a orientar-se; 3- tinha recebido excelentes propostas de trabalho e tinham-se assim aberto oportunidades financeiras que antes não existiam. O trabalho do altar de são Cipriano mais uma vez demonstrou que, quando alguém se entrega de corpo e alma, não interessa o tempo nem o prazo…. mas sim o resultado. E nesse caso, quando as pessoas estão interessadas não em prazos mas em resultados verdadeiros e fortes, o resultado da ajuda espiritual de São Cipriano aparece em força, oferecendo tudo aquilo que a pessoa deseja.

 

 

50

 

O Sr, Filipe M. procurou a ajuda do altar de são Cipriano porque a sua esposa o tinha abandonado e não queria mais nada com ele. O altar de são Cipriano fez o seu trabalho espiritual, trabalho forte e feito com toda a força da magia negra. Assim feito o trabalho, no tempo por Deus marcado 5 resultados começaram a revelar-se. E eis os resultados: 1- a sua esposa confessou chorando, que toda a sua vida lhe corria mal; 2- a sua esposa teve um acidente com o carro; 3- A sua esposa acabou por concluir e disse ao Sr. Filipe M. que só estava com o seu actual companheiro por pena dele; 4- A sua esposa deixou de dormir com o actual companheiro; 5- A sua esposa ficou calma, serena, e receptiva ao Sr. Filipe M.

 

Em resumo: Ou seja, a devoção e a entrega a são Cipriano alterou uma situação em que a esposa do Sr. Filipe M. não o queria ver mais, para uma situação em que a esposa do Sr. Filipe M. foi separada do seu amante, a esposa do Sr. Filipe M. foi levada a ver que não amava o seu amante, a esposa do Sr. Filipe M. foi separada do seu amante, a esposa do Sr. Filipe M. sofreu contratempos e revezes que a deixaram completamente mansa, a esposa do Sr. Filipe M. ficou totalmente á mão do Sr. Filipe M.

No tempo por Deus marcado, são Cipriano transformou uma mulher decidida a divorciar-se, numa mulher totalmente quebrada, numa mulher fragilizada e confusa, numa mulher totalmente vergada, numa mulher aberta a receber o seu marido de volta.

 

51

O Sr Ricardo M. ama demais uma mulher que tinha acabado tudo com ela. Ela estava com outra pessoa, e segundo o Sr Ricardo M ela nao aceitava nem morta a hipótese deles voltarem a ficar juntos. A mulher que o Sr Ricardo M. ama tinha-se separado dele e todos os amigos comuns a ambos eram unânimes em dizer que estava tudo acabado pois aquela mulher estava nos braços de outro homem e não ia nunca mais voltar atrás na decisão dela. O Sr Ricardo M fez inúmeras tentativas para estar com ela, mas a verdade é que ela repudiava de tal forma e Sr Ricardo que uma reconciliação parecia impossível. O Sr Ricardo chegou mesmo a dizer que parecia que ela se tinha transformado noutra mulher, que não era mais a mesma pessoa. O Sr Ricardo pediu ajuda ao altar de são Cipriano, o Sr Ricardo pagou sem demoras as missas esotéricas recomendadas e o auxílio espiritual logo começou. O Sr Ricardo soube esperar o tempo que era preciso, o Sr Ricardo soube manter a calma e serenidade que eram devidas, O Sr Ricardo teve a força espiritual e fé, o Sr Ricardo seguiu sem falhas nem desvios todas as instruções que o altar lhe deu. E assim sendo, tempos passaram e porem Sr Ricardo reencontrou a sua amada. Pois para seu espanto, ela estava totalmente diferente. O Sr Ricardo disse:

«Ela parecia novamente a mulher que eu conheci, meiga e doce..E todos á nossa volta ficaram espantados com a alteração que antes julgavam ser impossível.»

Um novo caminho foi aberto, onde antes não havia nada senão um grande deserto de desprezo, de frieza e de distância. Por tempos e tempos, essa mulher não queria ver a cara do Sr. Ricardo M, ela não queria ouvir nem uma palavra dele, ela não queria saber dele. E depois do trabalho do altar de são Cipriano, no tempo por Deus marcado tudo mudou e essa mulher abriu-se ao Sr Ricardo, essa mulher ficou mansa e onde antes havia uma porta fachada a ferros, agora há uma porta aberta que o Sr Ricardo M. pode usar para entrar e ser feliz.

 

52

Sr.a T., (de naturalidade brasileira), amava demais um homem que não queria mais saber dela. não havia nada entre ambos, e a separação ja ocorrera há bastante tempo, pelo que parecia bem difícil recuperar um amor que parecia perdido para sempre. A Sr.a T já tinha tentado fazer alguns trabalhos para recuperar os afectos desse homem, mas sempre sem sucesso. Já desesperada e sem saber o que fazer, a Sr.a T. encomendou uma amarração ao altar de são Cipriano, que aceitou sem demoras o desafio de, com a ajuda dos saberes de São Cipriano,  reabrir o coração a um homem que já não queira ver a Sr.a T «nem pintada de ouro». Pois no tempo por Deus marcado, o homem que nunca mais tinha querido saber da Sr.a T, o homem que desapareceu para sempre da vida da Sr.a T, o homem que tinha sumido para sempre da vida da Sr.a T, esse mesmo homem tinha inacreditavelmente telefonado para ela, tinha procurado a sua pessoa, tinha voltado a falar com ela e reatar contacto. Ele assim telefonou á Sr.a T, coisa que nunca antes tinha sucedido. Pois no tempo por Deus marcado , o homem estava aberto, o homem estava com saudade, o homem estava com a cabeça feita na Sr.a T, o homem estava manso e pronto para ser reconquistado. E assim: no tempo por Deus marcado ,onde antes nada havia senão frieza, o altar de são Cipriano fez reflorescer saudade e dialogo, que são as portas abertas ao amor eterno, se foram sabiamente usadas.

 

53

A Dn.a Rita S. queria demais que o homem da sua vida e pai do seu filho voltasse para si, pois o relacionamento deles terminou de forma inexplicável. A Dn.a Rita descreveu um quadro negro ao altar de são Cipriano, pois os obstáculos ao sucesso deste trabalho eram imensos: o amado da Dn.a Rita estava muitas vezes longe dela por longos períodos de tempo; o amado da Dn.a Rita ja tinha um outro relacionamento e outra mulher na vida dele; O amado da Dn.a Rita morava agora longe da mesma; O amado da Dn.a Rita estava totalmente frio para com ela. Em resumo: basicamente o homem não queria saber dela nem por nada deste mundo. Pois então o altar de são Cipriano começou o seu trabalho.

Passados tempos a Dn.a Rita notou uma diferença no seu amado, pois ele começou a falar-lhe muito bem a enviar-lhe beijinhos, coisa que desde há meses nunca mais tinha feito e que agora estava a fazer novamente. E tempos decorridos sobre o trabalho estar em curso, a Dn.a Rita informou o altar que o homem estava calmo, gentil, amigo e manso para com ela. E mais um sucesso ocorreu com os trabalhos do altar de são Cipriano: onde antes havia um homem que não queria mais ver a cara da Dn.a Rita um homem agressivo, um homem indiferente, um homem frio e distante, agora estava um homem alterado, um homem aberto, um homem gentil, um homem amigo, um homem manso. No tempo por Deus marcado , o trabalho do altar, feito através do poder de São Cipriano,  vergou o homem e deixou-o aberto ás investidas da Dn.a Rita, para que ela pudesse assim trabalhar para recuperar o seu amor antes perdido, e agora novamente na vida da Dn.a Rita. Não fosse a Dn.a Rita ter incumprido em certas instruções do altar de são Cipriano, e os resultados daquele trabalho teriam sido ainda mais esmagadores.

 

54


A Sr.a Célia P. sofria pois um grande afastamento entre ela e o seu amado estava causando grande tormento na vida dela. A Sr.a Célia P. desejava que o seu amado ficasse um pouco mais manso, ao mesmo tempo que desejava que ele se reaproximasse dela. O altar de são Cipriano executou o seu trabalho espiritual, no tempo por Deus marcado os resultados foram claros. A Sr.a Célia escreveu confessando os resultados do trabalho feito. Logo num primeiro momento, ela viu que o seu amado já andava atrás dela; num segundo momento, ela viu que houve uma calorosa reaproximação entre ambos e que, sexualmente o relacionamento ficou bem bom; e finalmente, num terceiro momento, ela confirmou que as coisas em casa da Sr. Célia P. melhoraram a olhos vistos. Invocando-se o auxílio de São Cipriano através dos mais secretos saberes místicos, conseguiu-se amansar o homem, conseguiu-se faze-lo ficar com saudade e cheio de desejo pela Dn.a Célia, conseguiu-se que o ambiente entre ambos melhorasse bastante.

 

55

A Sr.a Dulce P. desejava ardentemente exercer a sua profissão, para a qual tinha estudado ao longo de 4 anos e pela qual tinha feito grandes sacrifícios. No entanto, ela tentava e tentava e nenhuma porta se abria. Após tanto tempo tentando, já parecia impossível que alguém estivesse sensível ao problema da Dn.a Dulce P, e parecia impossível que alguém alguma vez fosse dar uma hipótese de trabalho á Sr.a Dulce p. A Sr.a Dulce P. contactou o altar de são Cipriano e depositou nele todas as suas esperanças. Esperanças que ao fim de tanto tempo de portas fechadas apos portas fechadas , estavam completamente arruinadas. Após grande luta e esforço por parte do altar, que trabalhou incansavelmente para ajudar a sua cliente, a Sr.a Dulce P. foi finalmente chamada a uma entrevista para o trabalho que ela sempre sonhou. Melhor ainda, e mais impossível ainda, não só o trabalho que ela sempre sonhou e que sempre lhe negaram, como ainda por cima, situado no local geográfico que ela queria. Nunca antes tal tinha sucedido, e ela já perdera toda a esperança. Mas após o trabalho do altar de são Cipriano ter aberto aquela porta que antes sempre esteve fechada, ela escreveu dizendo:

«Um grande Bem Haja para si e para o seu esforço ,empenho e todo o seu trabalho.Obrigada por ajudar as pessoas e conseguir fazer com que elas sejam felizes e se tornem em pessoas realizadas. Muito atentamete...DULCE P.»

No tempo por Deus marcado, a Dn.a Dulce estava finalmente com as portas abertas a poder trabalhar na área que tanto ama.

 

56

A Sr.a Lídia M. desejava demais um homem que muito amava. No entanto o seu amado era um homem casado, e por isso o amor teimava em falhar na vida da Sr.a Lídia . O homem que ela amava tinha terminado tudo com a Sr.a Lídia M., e por isso ela estava desesperada e precisava que ele regressasse á sua vida. Assim, . A sr.a Lídia M. escreveu ao altar de são Cipriano pedindo-lhe ajuda. O altar de são Cipriano consultou sobre o problema e aceitou prestar a sua ajuda espiritual ao assunto. Os resultados foram claros. O trabalho foi feito, no tempo por Deus marcado o homem que a Sr.a Lídia M. ama regressou á sua vida. Assim, eis que homem que ela ama estava telefonando á mulher dele, declarando que a ia deixar em troca da Sr.a Lídia M. Os resultados foram por isso fortíssimos: 1- trazendo de volta um homem que tinha partido; 2- colocando na cabeça desse homem a ideia da separação total com a esposa dele. As portas á felicidade foram assim abertas, e não fosse cometer erros com as instruções do altar, os resultados da Sr.a Lídia M. teriam ido ainda mais longe, se é que isso é possível.

 

57

A Sr.a Cármen S tinha perdido o amor da sua vida e estava verdadeiramente abatida e desesperada. O altar consultou sobre o seu problema, de forma a ver se podia ajudar a Sr.a Cármen. Vendo que era possível, o altar de são Cipriano aceitou tratar do assunto, e deu inicio a um poderoso trabalho de magia negra. Assim, tempos decorridos depois do trabalho estar feito, a Sr.a Cármen escreveu confessando:

« Já ando outra vez com ele!»

No tempo por Deus marcado ,os resultados foram ainda mais fortes. A Sr.a Cármen escreveu mais uma vez, confessando que ela e o seu amado estavam «muito felizes», e ele estava finalmente a caminho de a apresentar á família e oficializar o relacionamento. De um homem que não queria mais saber da Sr.a Cármen, o seu amado estava transformado num homem dedicado e com intenções serias. Mais uma vez o altar, ( por muito que digam o contrario com difamações por parte daqueles que invejam o trabalho feito com São Cipriano, porque não conseguem fazer igual), venceu e conquistou mais uma vitoria, alterando o rumo de vida de mais uma pessoa. O poder milagreiro de São Cipriano é por demais evidente.

 

58

A Dn.a D. vivia na Madeira, e escreveu ao altar de são Cipriano porque tinha um grave problema pessoa. A Dn.a D. da Madeira, explicou ao altar de são Cipriano que desejava ardentemente afastar uma pessoa do seu caminho, uma vez que essa pessoa de má-fé apenas lhe tinha causado grandes dissabores familiares. A Dn.a D. contactou o altar com a finalidade de fazer afastar de vez aquela pessoa da vida dela e da família dela. O altar de são Cipriano face a todos os problemas que a Dn.a D tinha sofrido devido a essa pessoa mal intencionada, aceitou realizar um fortíssimo trabalho de afastamento segundo saberes de São Cipriano. Pois assim feito, no tempo por Deus marcado assim sucedeu na defesa da Dna D., e assim ela contactou o altar, confirmando que sucedera um problema familiar e que, finalmente a pessoa indesejável estava totalmente afastada da vida dela. Mais uma vez, com resultados fortes através dos saberes de São Cipriano, a vida de mais uma pessoa foi ajudada

 


59

O altar de São Cipriano não para de receber mensagens de pessoas agradecidas pelo seu trabalho. Uma delas, para exemplificar o poder do trabalho do altar, segue conforme a citação:


«não podia deixar de agradecer o que o sr fez por mim. ha uns meses atrás solicitei um trabalho de amarração, e tudo o que eu queria acabou por se realizar. Graças a si hoje sou novamente feliz. O meu muito obrigado!
A.G- Évora»

São Cipriano, continua operando milagres por todo o mundo, todos eles semeados na fé, e florescidos no tempo por Deus marcado.

 

60

O sr. José A. procurava ajuda para o seu filho, um excelente futebolista que contudo entrou numa maré de má sorte e que não conseguia arranjar emprego em nenhum clube. Tudo estava a correr mal na vida do filho do Sr José A., e assim, desesperado, o Sr. José A. procurou a ajuda do altar de são Cipriano. O altar não hesitou em aceitar o assunto, pois já tinha ajudado imensos futebolistas na mesma situação, e sempre com sucesso. O Sr. José confiou no altar de são Cipriano apesar de muita calunia e difamação sobre altar correr na Internet. No tempo por Deus marcado , eis o auxilio espiritual clamado a são Cipriano, e eis que os resultados foram esmagadores. O Sr. Jorge A. escreveu confessando que o seu filho tinha obtido um contrato com um clube de futebol Inglês. Assim, os caminhos que antes estavam fechados foram abertos, e se antes do trabalho do altar de são Cipriano o filho do Sr. José A. não conseguia emprego em nenhum clube de futebol, depois do trabalho do altar o filho do Sr. José A. encontrou emprego num clube de futebol inglês, abrindo-lhe assim uma oportunidade para demonstrar o seu talento e poder vencer na vida.

 

61

A Sr.a J contactou o altar de são Cipriano porque estava em tormentos. Na verdade ela tinha 2 problemas: o homem que amava não estava com ela assumidamente, ao passo que ele tinha um terrível vicio que ela desejava que ele abandonasse. O altar de são Cipriano aceitou o trabalho, e meteu mãos á obra. No tempo por Deus marcado, a Sr.a J. assim observou suceder: o homem que ama regressou para si com decisão e firmeza, ao mesmo tempo que uma série de eventos fez com que a Sr.a J, tivesse na sua mão a chave para que ele abandonasse para sempre o vício. Dois problemas que atormentavam a Sr.a J, foram 2 problemas que em semanas foram curados. Não há por isso dúvidas: São Cipriano é milagreiro em todo o tipo de assuntos,

 

62

 

O Sr António P. tinha dois problemas: uma mulher que lhe estava fazer a vida num inferno, e a ruína financeira que lhe tinha atingido a vida. O Sr António confiou sem reservas no trabalho do altar de são Cipriano, e no tempo por Deus marcado a sua vida alterou-se por completo: a mulher que lhe desgraçava a vida foi castigada com severa punição, ao passo que o Sr. António venceu um processo de mais de 800.000 Euro, abrindo-se assim as portas á renovação de uma vida que antes do auxílio do altar de são Cipriano, parecia condenada ao fracasso. Feito com sabedoria e paciência, e no tempo por Deus marcado , eis que um trabalho espiritual de São Cipriano pode ter resultados espantosos.

 

63

 

A Sr.a Esmeralda era vítima de um grande enguiço: os negócios corriam-lhe muito mal, tudo que ela queria não se concretizava, cada passo em frente resultava sempre em dois passos para trás. A Sr.a Esmeralda contactou o altar de são Cipriano, e  pediu-lhe apenas 2 coisas: que o dinheiro voltasse a entrar na sua vida, e que conseguisse a casa dos seus desejos. O altar de são Cipriano aceitou lutar contra o mal que estava a empatar a vida da Sr.a esmeralda, no tempo por Deus marcado então os resultados foram claros e fortes: a Sr.a Esmeralda conseguiu a casa que desejava, ( quando antes nada lhe corria bem), e os seus negócios começaram a evoluir e o dinheiro a entrar. As portas foram-lhe assim e a seu tempo abertas á boa sorte, e não fossem as atitudes da Sr.a Esmeralda, muito maior teria sido o seu fruto. São Cipriano, é sem dúvida um santo milagreiro

 

64

 

O sr João era vítima de um grande enguiço que lhe bloqueava a vida no aspecto financeiro e material. Os problemas acumulavam-se, os negócios não se concretizavam, e o Sr João não via solução para os seus problemas que cada vez mais pioravam. O altar de são Cipriano aceitou ajudar o Sr João F. , tendo depositado o assunto nas mais de São Cipriano e das legiões de espíritos que ele permite comandar.

Uma vez realizado o seu trabalho, no tempo por Deus marcado , o Sr João F. viu diante dos seus olhos um negócio de 200.000 Euro que estava morto e parado….renascer e ser bem sucedido. Assim a porta que antes estava fechada abriu-se, e ao Sr João foi oferecida uma grande oportunidade para reconstruir a sua vida. Quando temos fé e serenidade, e sabemos confiar no Altar de São Cipriano, o santo pode revelar-nos os mais fantásticos milagres. 

 

65

 

A Dn. Clarice C. procurou o altar de são Cipriano, porque a sua vida estava afundada em grande tormento. As portas ao amor estavam fechadas, e muitos problemas reinavam na sua vida, impedindo-a de conseguir ser feliz.

A Dn.a Clarice C. não hesitou em depositar nas mãos de são Cipriano,  toda a sua confiança.

E o altar de são Cipriano retribuiu com um poderoso trabalho espiritual.

A verdade é que no tempo por Deus marcado depois do auxilio intercedido a são Cipriano, entao a Dn.a Clarice Cunha viu os resultados ocorrerem-lhe:

A boa sorte estava-a acompanhando em todos os níveis, fosse no trabalho, fosse profissionalmente. A família que antes arruinada desfazer-se, estava sólida e unida. O homem que antes fugia, agora procurava pela Dn.a Clarice, demonstrando-se apaixonado, cheio de desejo e assim aberto aos seus desejos.

Os caminhos que antes estavam fechados foram assim abertos, e assim foi concedida á Dn.a Clarice C. a oportunidade de poder conquistar a felicidade que antes lhe era totalmente negada.

 

 

66

 

A Dna N. desejava atingir o seu amado, que se encontrava presentemente casado com outra mulher. Pois no tempo por Deus marcado após o tratamento espiritual estar em curso, as discussões, os desencontros e a desarmonia gerada na vida do seu «ex» com a outra mulher atingiu tais proporções, que a dn.a N. pode constatar sem margem para dúvidas todo o poder das influências espirituais geradas por São Cipriano naquele casal. Não fossem graves assuntos espirituais que se vieram a opor ao processo espiritual em curso, e a vitória teria sido total. No entanto, uma coisa a Dna N. conseguiu: a vida daquele homem jamais foi igual, desde que o poder da magia negra realizada pelos saberes de são Cipriano, entrou na vida dele. Por assim ser, assim se afirma: Nem todas as graças concedidas através do Altar de São Cipriano possuem a mesma intensidade para todas as pessoas, pois os favorecimentos dos espíritos dependem de motivos celestiais que não nos cabe questionar, mas apenas com fé observar e respeitar. No entanto, muitos daqueles que acreditam com fé e humildade, e que aguardam com confiança e serenidade, acabam de alguma forma ou por algum caminho, vendo uma centelha de graças concedida pela intervenção de São Cipriano.

 

 

67

 

O Sr Paulo C. amava demais uma mulher, e contudo uma série de circunstâncias infelizes levaram ao afastamento dessa mulher. O Sr Paulo C procurou e colocou sem hesitar o assunto nas mãos do Altar de São Cipriano. Pois uma vez realizado o trabalho místico, no tempo por Deus marcado assim o Sr Paulo C. escreveu ao altar de são Cipriano, confessando que a sua amada tinha entrado em contacto com ele, ( tinha-o feito pela sua própria iniciativa!!), confessando-lhe todo o seu amor e todas as suas saudades. Os resultados estavam aí: onde antes havia apenas abandono e desolação, voltou a haver amor e esperança. A amada do Sr Paulo C. estava novamente aberta ao amor do Sr Paulo C., e os caminhos foram abertos para que o Sr Paulo C pudesse novamente lutar para reconquistar aquilo que antes lhe era negado.

 

68

 

A Sra L.Martins, sofria imenso por amor, uma vez que o homem tão amado tinha comportamentos de extrema distância e frieza. Por isso, a Sra L. Martins procurou a ajuda do altar de são Cipriano, na tentativa de ultrapassar o abismo que parecia separa-la do homem amado. O altar de são Cipriano aceitou a missão, e levou o assunto ás mãos de São Cipriano e as hostes de espíritos por ele comandados. Pois assim tendo acontecido, no tempo por Deus marcado a pessoa amada tinha alterado completamente a sua conduta antes fria e distante, para uma postura de abertura, carinho e boa disposição. A Sra L.Martins assim o verificou, e assim atestou que o auxilio espiritual de São Cipriano tinha ajudado claramente no desbloqueio daquela difícil situação.

 

69

 

O Sr Pedro L estava a ver a sua vida afundada num caos de problemas, perdas e revezes. O Sr Pedro L procurou por isso a ajuda do altar de são Cipriano, a fim de conseguir sair do «fundo do poço» onde tinha «caído». No altar de são Cipriano realizou-se assim um forte pedido de intercedência, e assim tempos decorridos finalmente o Sr Pedro L escreveu, confessando:

 

«muita coisa mudou na minha vida, (…) vícios, companhias, (…) o género de vida que levei durante muito tempo apenas me trouxe perdas»

 

Claro que nem tudo são rosas, a felicidade não caiu do céu directamente para os braços do Sr Pedro L. Ele teve de lutar imenso, lutou arduamente ao longo dos tempos, e dessa luta vieram tanto sabores como dissabores. No entanto, uma coisa é certa: no tempo por Deus marcado e depois do auxílio espiritual de São Cipriano ter entrado na vida do sr Pedro L, a sua vida foi alterada e novos rumos se abriram para que a sua vida pudesse ser edificada de forma totalmente diferente e positiva.

 

70

 

A Sra S.F procurou o altar de são Cipriano já com algum desespero. Na verdade, confessou a Sra. S.F. que o desemprego, os problemas financeiros e muita má sorte insistiam em perseguir a Sra S.F e o seu marido. Nada dava certo nas suas vidas, e um grande bloqueio parecia impedi-los de alcançar as suas metas de uma vida estável e normalizada.

O altar de são Cipriano aceitou sem hesitar o desafio, celebrando rituais poderosos de auxílio espiritual á Sra S.F. e ao seu marido. Pois assim feito, no tempo por Deus marcado e após, a Sra S.F. ter confiado o seu assunto ao Altar de São Cipriano e aos poderosos saberes de São Cipriano, ela logo escreveu, informando que o seu marido tinha sido admitido numa grande empresa de nível nacional. Não se tratava de um emprego de dinheiro fácil, mas sim de um trabalho exigente. Contudo, era um bom emprego que podia ser imensamente compensador se encarado com empenho, entrega, dedicação e muito trabalho. Pois assim se verificou aquilo que os poderes dos saberes de São Cipriano são capazes: onde antes não haviam oportunidades, onde antes não havia nada senão portas fechadas, desemprego, desespero e desolação, passou a haver uma porta aberta, passou a haver esperança, passou a existir um emprego, passou a haver uma oportunidade de conquista da prosperidade e da felicidade. Mais um favorecimento de São Cipriano, poderoso e expedito.

 

71

 

A Sra Cláudia M estava a passar por um imenso tormento. A Sra Cláudia M sofria por amor, e o assunto era complicado, uma vez que envolvia não só a pessoa amada, como os seus próprios pais. Na verdade, por um lado os seus pais opunham-se fortemente ao relacionamento da Sra Cláudia M, ao passo que por outro lado o homem amado também não ajudava, pois revelava atitudes por vezes contraditórias e de algum distanciamento. A Sra Cláudia M. estava a começar a ficar desesperada com tanta pressão a recair ao mesmo tempo sobre si, e resolveu pedir um apoio espiritual urgente ao altar de são Cipriano . No altar de são Cipriano foram intensamente submetidos pedidos místicos a favor da Sra Cláudia M. Assim depois do trabalho espiritual do altar, no tempo por Deus marcado a situação começou a alterar-se substancialmente: os pais do homem amado, passaram a apoiar fortemente o relacionamento dela, desejando mesmo um neto e favorecendo completamente o amor dela por aquele homem. Assim, onde antes apenas portas se fechavam,( onde a Dna Cláudia M apenas encontrava resistências e adversidades), depois do processo espiritual outras portas se abriram, e a Dna Cláudia M encontrou uns fortíssimos aliados para ajuda-la não só a conquistar o seu amado, como a conquistar a liberdade relativamente a todo aquele pesadelo dos seus próprios pais. Assim se vê: se a vida fecha 1 porta, um auxílio espiritual forte logo pode fazer abrir outras 2 novas portas. Basta confiar e acreditar com serenidade e força, assim como aproveitar os caminhos abertos pelos espíritos.

 

72

 

A Sr.a Maria D. estava atormentada, pois o seu marido fazia-lhe a vida num inferno. A Sr.a Maria D. procurou a ajuda do altar de são Cipriano, confiando-lhe inteiramente a sua vida.

Realizaram-se missas esotéricas no Altar de São Cipriano. Resultado: no tempo por Deus marcado, a Sr.a Maria D. escreveu confessando:

 

«O meu marido esta totalmente diferente, esta completamente mudado (…) ele procura por mim e trata-me carinhosamente (…) ele esta manso»

 

Assim pediu a Sr.a Maria D. que o marido ficasse manso, e assim em poucas semanas o marido da Sr.a Maria D. ficou manso.

São Cipriano ajudou expeditamente!!

Contra tais resultados, não há argumento !!!!

 

73

A Sr.a Helena A. recorreu aos serviços do altar de São Cipriano, procurando em Deus e na fé a abertura de uma felicidade no seu amor. Assim o altar aceitou auxiliar a Sr.a Helena A. , e assim no tempo por Deus marcado o altar recebeu a seguinte noticia com imensa alegria:

 

«Recorri aos seus serviços no passado e, apesar de o tratamento espiritual ter sofrido alguns problemas, os espíritos concederam-me a graça de as coisas voltarem pouco a pouco à normalidade»

 

Relato verídico conforme e-mail de 6/1/2009

 

 

74

 

Um testemunho verídico sobre os atendimentos prestados no altar de são Cipriano

 

«Muito obrigado, (…)  tenho a dizer que foi da(s) pessoa(s) mais sincera(s) e clara(s) com quem contactei no mundo esotérico»

 

Sr Leonel D.

Relato verídico conforme e-mail de 3/1/2009

 

 

75

 

A dn.a Magda C. sofria por amor. E sofrendo, contactou o altar de são Cipriano, tendo confiado na sua ajuda espiritual. Teve calma, serenidade, e não olhando a prazos mas sim á fé ela cumpriu as instruções do altar de são Cipriano. E quando assim é, os milagres podem acontecer. Em apenas 2 semanas tudo mudou na vida da Dn.a Magda C. ,e  ela escreveu, confessando:

 

Boa tarde (…)

 

(…) Estou a deixar as coisas acontecerem naturalmente. Sem pressões!

Estou mesmo  contente!

(…) vim pelo caminho a agradecer a si e aos Espíritos por essa oportunidade!

 

Estou muito contente!

 

Muito Obrigada por tudo!

 

São Cipriano é milagreiro, e no Altar de São Cipriano, os milagres tem sucedido diariamente.

 

76

 

A Dn.a Catia G. estava atormentada devido a um complicado assunto amoroso.

Mas para quem tem força de vontade e fé no trabalho do altar de são Cipriano, nada é impossível. 

A Dn.a Catia G. aceitou a ajuda espiritual do altar de são Cipriano,e no tempo por Deus marcado os resultados foram visíveis, fortes e indesmentíveis: O seu homem estava confessando o amor que tinha por ela, os encontros sucederam-se, enfim: os caminhos dela com ele estavam fortemente cruzados e unidos.

 

 

77

 

A filha da Sra Maria F., envolveu-se num relacionamento impróprio, que muito sofrimento causou á mãe. A Sra Maria F. andou desesperadamente procurando ajuda por diversos mestres, contudo sempre sem sucesso. Já pensando em desistir da vida, a Sra Maria F. encontrou o altar de são Cipriano, e colocou-lhe o seu problema. O altar de são Cipriano recomendou um tratamento espiritual de fortes resultados fortes, sendo que a Sra Maria F. optou por não perder a esperança e confiar no altar de são Cipriano. Pois no tempo por Deus marcado, os resultados foram claros, e a Sra Maria F viu recompensada a sua fé nos trabalhos de São Cipriano. Finalmente, ao fim de tanto tempo de tantas tentativas sem resultados, a filha estava livre e separada daquela outra pessoa tão indesejável. São Cipriano faz milagres tanto hoje, como há centenas de anos atrás.

 

78

 

O Sr Carlos sofria por amor á sua amada. Um amor que se arriscava a morrer para sempre, pois a mulher tão amada tinha deixado o Sr Carlos S.

O Sr Carlos S contactou o altar de são Cipriano em pleno desespero e muita dor.

O altar de são Cipriano aceitou a missão de trazer a felicidade de volta á vida do Sr Carlos S.

O Sr Carlos S confiou no altar de são Cipriano, e não olhou, nem a conversa fiada de terceiros, nem a meios para recuperar a sua felicidade.

Pois o altar de são Cipriano retribuiu a sua confiança da melhor forma, pois assim o Sr Carlos S. escreveu, dizendo:

 

«Ela voltou! (…) o sortilégio funcionou!»

 

Mais palavras, para quê ?? São Cipriano não falha, aos que confiam e tem fé,  e aos que procuram não olhando a criticas alheias, nem buscando a prazos, mas sim ambicionando á felicidade como fruto da fé.

 

79

 

O Sr Luís O, confiou no altar de são Cipriano para obter um forte auxilio na recuperação da pessoa amada. Confiou, e não hesitou em entregar o assunto nas mãos do altar de são Cipriano. Pois assim fazendo no tempo por Deus marcado o Sr Luís O. escreveu, declarando:

 

«Quero agradecer-lhe, e a todos aqueles com quem trabalha.

Estou novamente com ela

 

Perante os factos, não há como negar o poder dos trabalhos milagreiros de São Cipriano.

 

80

 

A Sra M. Antunes, estava a passar por um período complicadíssimo da sua vida. Depois de uma vida inteira de esforço, dedicação, empenho e sacrifícios, todas as suas metas profissionais se encontravam totalmente bloqueadas. A Sra M. Antunes escreveu ao altar de são Cipriano, e decidiu confiar na sua ajuda espiritual. Pois no tempo por Deus marcado e após muita luta e processos espirituais, o altar de são Cipriano recebeu as seguintes notícias:

 

« estou a escrever(…) para (…) dizer que já tenho trabalho(…) na minha idade, é complicado (…) fico-lhe imensamente grata.»

 

A quem em fé, e segue com serenidade e empenho o curso de uma ajuda espiritual, os resultados aparecem independentemente do tempo. Mais uma vez, São Cipriano ajudou numa causa desesperada.

 

81

O Sr Joaquim M sofria de uma grave problema de enguiço. Uma ex namorada tinha-lhe lançado um feitiço de vingança, e tudo na vida do Sr Joaquim M estava estagnado, estava morto, estava parado e sem meio de evoluir. Tanto no trabalho, como na família, como na vida sentimental, o Sr Joaquim M. sentia grandes obstáculos e grandes entraves. Cada passo em frente era 2 passos para trás. O Sr Joaquim estava desesperado. O Sr Joaquim procurou a ajuda do altar de são Cipriano, e sem fazer muita pergunta, confiou inteiramente na sua ajuda espiritual. O altar de são Cipriano intercedeu assim pelo Sr Joaquim M . No tempo por Deus marcado,  o Sr Joaquim M escreveu ao altar de são Cipriano, confessando que estava feliz, que a sua vida finalmente avançava a olhos vistos, e dizendo:

 

«Agora, as pessoas reagem perante mim de forma muito mais positiva, de uma forma que antes seria impensável (…) Finalmente conclui um trabalho que estava enguiçado há 3 meses, pois acontecia sempre alguma coisa que impedia que o trabalho se concluísse. Pois ontem, para meu espanto, os meus próprios fornecedores por iniciativa deles arranjaram-me tudo o que eu precisava e tive finalmente um cliente satisfeito (…) Na minha família finalmente esta tudo bem. O comportamento dos meus familiares comigo mudou de forma positiva (…) A nível sentimental, reatei contacto com alguém que já não via há um tempinho.».

 

Em resumo: a vida do Sr Joaquim M., que antes era um grande poço de problemas e enguiços, começou a evoluir e o Sr Joaquim M viu desbloqueados todos os caminhos que antes estavam fechados. Muitas oportunidades foram assim criadas para que o Sr Joaquim M pudesse aproveitar, e assim aproveitando, ser finalmente feliz, agora livre da bruxaria que a ex namorada lhe lançou.

« VOLTAR A PAGINA 1 de RELATOS VERIDICOS «

» IR PARA PAGINA 3 de RELATOS VERIDICOS »

 

 

 


ESTES SÃO APENAS 100 CASOS DE PESSOAS QUE CONFIARAM NO ALTAR DE SÃO CIPRIANO, DEPOSITARAM A SUA FÉ ÁS MAOS DE SÃO CIPRIANO,  E VIRAM RESULTADOS ACONTECER NAS SUAS VIDAS. SÃO CIPRIANO TEM OPERADO CENTENAS DE MILAGRES POR TODO O MUNDO. POR ISSO, LUTE E NÃO DESISTA. QUEM SABE, VOCE TAMBEM PODE SER AGRACIADO COM UM MILAGRE. ENTREGUE A SUA FÉ E O SEU PROBLEMA AO ALTAR DE SÃO CIPRIANO

 

Sobre os Relatos verídicos:

Todos os relatos expostos são casos verídicos, e resultam de descrições fiéis de processos documentados e arquivados por www.altarsaocipriano.com. Os presentes relatos retratam com fidelidade eventos verídicos sucedidos em sequencia de tratamentos espirituais facultados por Altar de São Cipriano, ao abrigo do «c» do Artigo 6º dos Termos e Condições de prestação dos serviços de www.altarsaocipriano.com

 

www.altarsaocipriano.com ©