Amarrações, amarrações de Santeria

amarracao5
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de Santeria

Amarrações, amarrações amorosas, amarrações de santeria, fazer amor voltar, trazer amor de volta, amarração de homem, amarração de mulher, amarração de amante, separar casal,

Os santos são adorados em diferentes formas nas mais diversas religiões. Na religião da santeria, os santos são vistos como deidades ou espíritos. Tanto podem ser espíritos de antepassados ancestrais já há muito falecidos, como podem ser espíritos da natureza.

O sacerote que pratica a religião da santeria é chamado de santeiro, e se for uma sacerdotisa será chamada de santeira, tal como nas religiões brasileiras os sacerdotes são pais de santo ou mães de santo, e tal como na religião crista existe o padre.

A religião da santeria é uma religião iniciática, ou seja:

vodu-separar-casal

é uma religião de culto fechado a quem apenas podem aceder aqueles que foram escolhidos e convidados a entrar nos seus terreiros e templos, sendo que os seus sacerdotes devem passar por um processo iniciático de aprendizagem que demora 3 anos e decorre ao longo de 3 níveis de ensinamentos secretos.

A religião da santeria acredita em um único deus, e porem também acredita que esse deus distante e todo-poderoso tem uma serie de entidades que lhe prestam serventia, e que essas entidades ou espíritos controlam diferentes aspectos da natureza.

Também se acredita que esses espíritos e entidades habitam e manifestam-se na natureza,  e estão em todas as coisas da natureza, assim como guiam e controlam diferentes aspectos da vida humana. Essas entidades podem estar presentes no mar, no vento, na montanha, na arvore, no leão, na serpente, da gazela, no pássaro, nas nuvens, nos rios, no mar, no fogo, na chuva, na água, na madeira, no ferro, na pedra, nas estrelas, no sol, na lua,  no céu e na terra, e em todas as coisas da criação.

È a essas entidades que apelam os sacerdotes santeiros, assim como também invocam aos espíritos dos antepassados ancestrais já falecidos – que habitam no mundo dos mortos e dos espíritos – pois que se  acredita que é  através do mundo das aparições e dos mortos que se pode encontrar resposta e solução aos problemas deste mundo dos vivos..

A santeria sendo uma religião fechada atraiu muitos preconceitos e equivocos sobre o fato de que certos animais são oferendados em sacrifício no decorrer de rituais.

Qual o motivo desse tipo de oferendas?

sigilo2

Explicam os santeiros que na crença da religião da senteria o sangue oferendado em rituais é uma forma de «moeda» de troca espiritual entre este mundo dos vivos e o mundo do Àlem, seja:

Entre o mundo dos mortos, ou o mundo dos espíritos.

Ou seja:

Faz-se um negocio com as entidades espirituais, pagando-se ás assombrações com o sangue das oferendas, para que as entidades e aparições – tendo aceite esse negocio – então venham a este mundo e pratiquem as tarefas e os fins para que foram invocados. Muitos acham esta noção algo incomum, e porem a própria religião hebraica prevê a noção de sangue enquanto um elemento de comunicação com Deus e com os espíritos, pois olhai que na Biblia assim está escrito:

Porque a vida está no sangue; pelo que vos tenho dado o sangue para o derramardes sobre o altar, para fazer expiação pelas vossas almas; porquanto é o sangue que fará expiação pela alma.

Levítico 17:11

Pois então:

já na religião hebraica encontra-se a noção de que o sangue é um tributo a Deus e aos espíritos, através do qual – e da sua oferenda num altar de Deus – se alcançam benesses espirituais como a da expiação dos pecados. Como se pode comprovar, a oferenda de sangue está prevista ate na Palavra de Deus – no Antigo Testamento – e não é nada daquilo que as más publicidades lançam sobre a santeria.

mandragora_mulher

Note-se que os santeiros e santeiras são normalmente grande especialistas nos segredos místicos da ervanária, ou seja:

Os santeiros conhecem as propriedades ocultas e esotéricas das plantas, flores e ervas, e usam-nas com frequência na feitura dos seus rituais mágicos como ingredientes da sua magia milenar.

A amarrações, ou as amarrações de amor da santeria podem ser de natureza variada e podem variar de acordo com as diferentes necessidades de diferentes indivíduos.

As amarrações – nas amarrações de santeria –  podem ser usadas ​​para encontrar o amor verdadeiro, para fortalecer um amor, para trazer de volta um amor, para remover obstáculos ou intromissões a um amor, para fazer a pessoa amada assumir um compromisso amoroso, para atrair uma pessoa desejada para fins sexuais, para conquistar um amante, ou até mesmo para separar casais.

Nas amarrações, muitas das vezes o sacerdote santeiro celebra cerimonias em que usa de ervas místicas secretas, defumações, oblações e libações agradáveis aos espíritos de cemitério, sendo que todos esses preparativos são celebrados de forma a atrair alguém a sentimentos de luxuria, de paixão e de sexo. Da mesma forma são feitas oferendas de galo negro e outros tributos agradáveis aos espíritos. Estando os espíritos invocados, eles são canalizados para incorporar e fazer encosto na pessoa amarrada, e dessa pessoa as entidades e aparições não vão sair nem desencostar, e vão todas as noites trabalhar na sua alma, ate que essa pessoa amarrada pelas amarrações se entregue mansamente ao mandante dessas amarrações.

Quer amarrações ?

Escreva-nos!

Amarrações, amarrações amorosas, amarrações de santeria, fazer amor voltar, trazer amor de volta, amarração de homem, amarração de mulher, amarração de amante, separar casal,

 

 

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria