magia branca e negra – desmistificando preconceitos

Pitonisa-en-Delfos
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

magia branca e negra – desmistificando preconceitos

Quando se fala sobre magia branca e magia negra, normalmente – as pessoas ignorantes no assunto – começam sempre por dizer que a magia branca é coisa do bem, e que magia branca é coisa do mal.

E porem:

tudo isso não passa de imensa confusão, que precisa de ser desmistificada e clarificada.

QUE É ISSO DE INVOCAR AOS ESPIRITOS PARA FAZER O BEM?, OU FAZER O MAL?

Olhai:

Você faz um feitiço muito «branquinho» e muito bem-intencionado para alguém conseguir um emprego, e então você nesse caso sente-se um mago muito satisfeito consigo mesmo,  porque ajudou alguém a conseguir trabalho, e por isso:

você acha que fez o bem, pois que você ajudou uma família a ganhar o seu sustendo …. certo?

Errado!

Nem tudo na vida é assim a «preto e branco»!, e nada na vida é assim tão simplista!!

Olhai:

Imagine que 100 pessoas estavam concorrendo a essa mesma vaga desse mesmo emprego!

Então:

para essa pessoa que você – com a sua magia muito branquinha! – ajudou ir e conseguir esse emprego…. então existem outras 99 tiverem de perder esse emprego!

Nesse caso, olhai:

Essa pessoa que ficou com esse emprego vai achar que você é uma mago muito bom, ( todo branquinho!), e essa pessoa vai cantar aos 4 cantos do mundo que você usa de magia branca,  e que é do bem.

E porem:

O que é que vão achar os outros 99 que ficaram sem pão para sustentar a sua família?, pois perderam esse emprego??

Vão achar que você é uma mago mau!, e que você usou de magia negra para lhes tirar esse emprego, e que por isso você é do mal !

Então:

Tudo isto é bem mais complexo do que parece, Ok?

AS HIPOCRISIAS DE QUEM CALUNIA UM MAGO, E DEPOIS VAI PEDIR AO PADRE OU PASTOR POR AJUDA

muita gente fala mal dos magos que intercedem espiritualmente para alguém vencer numa causa!, e depois vão ao padre – ou pastor – pedir para que eles façam exactamente o mesmo que o mago faz!, ( apenas com processos mais simples e menos assertivos), e isso é uma hipocrisia!, pois olhai:

aquilo que o padre – ou pastor – está a fazer quando está a interceder junto do espírito de Javé em favor de uma sua causa, isso na verdade é um acto magico!, pois um acto mágico é interceder junto do espírito para auxiliar numa certa demanda!, e conforme se sabe Deus é espírito!, (conforme está revelado em João 4,24), e por isso quanto o padre está a realizar uma intercedência junto do espírito, ( seja do espírito de Javé, ou o espírito de anjos, ou o espírito de arcanjos, ou de santos, pois todos eles são espírito!!), ele está a fazer exactamente o mesmo que o mago faz quando exerce a sua magia, pois magia é justamente isso!, ou seja:

é apelar ao espírito!!, e é apelar á intercedência do espírito para ajudar numa certa causa!!, seja numa causa de saúde, seja numa causa financeira, seja numa causa amorosa, seja numa causa familiar, ou seja ela qual for!

Pense por isso:

seja no caso do mago, ou seja no caso do padre – ou pastor –, ambos estão realizando atos mágicos, pois estão apelando á obra do espírito para descer e beneficiar uma certa pessoa!, e causar o bem dela nessa demanda!

E porem:

a verdade é que o «bem» que você pode estar a proporcionar a uma pessoa, pode ser o «mal» de outra pessoa!, e nesse caso:

Pense:

quando o padre ou o pastor está lá na igreja – ou templo – a pedir para que uma pessoa consiga o emprego que quer, ele está a beneficiar a causa dessa pessoa!, e essa pessoa pode até vencer nessa causa por causa dessa intercedência!

E porem:

para as outras centenas de desgraçados que ficaram sem esse mesmo emprego, ( porque essa outra pessoa ficou favorecida!), então para eles isso foi mau!!, pois para um poder vencer, outras dezenas tem de perder!!

Da mesma forma:

quando o padre ou pastor está lá na igreja – ou templo – a pedir para que uma mulher vá conseguir casar com um homem, ele está a beneficiar a causa dessa mulher!, e ela pode até vencer nessa causa por causa dessa intercedência!

E porem:

para uma qualquer outra desgraçada que ficou sem esse mesmo homem amado, ( porque a outra mulher foi favorecida!), então para essa mulher abandonada, isso foi mau!!, e foi o seu mal !!

Assim sendo:

Nessa perspetiva, ( de ir interceder  junto de entidades espirituais para favorecer uma certa causa em seu favor!), então aquilo que é o bem o mal , isso são coisas que dependem do seu ponto de vista, pois olhai:

quando você pede uma intercedência ao padre – ou pastor – e depois fica com a pessoa que ama,  ou vence naquele concurso que desejava vencer, ou ganha aquela promoção profissional que tanto queria ter, então essa intercedência espiritual, ( que é no fundo uma magia!!, pois que magia é interceder junto de espíritos!), então essa intercedência espiritual – ou magia – foi boa para o seu lado, e porem….. ela foi má para o lado de todos os outros que ficaram a perder!!, fosse no amor, fosse na promoção profissional, fosse no concurso que concorreram consigo, etc…

Por isso:

pense nisso quando for lá á igreja – ou ao templo – pedir a um padre – ou pastor – para intercederem no seu assunto!, e pensai ainda mais 7 vezes quando quiser vir de 7 pedras na mão para falar mal dos magos e astrólogos!, dizendo que eles praticam o mal !!

MAGIA BRANCA E O BEM, MAGIA NEGRA E O MAL

cá entre bruxos de verdade, estar a colocar o assunto nos termos de magia negra porque é do mal , ou de magia branca porque é do bem …. isso é coisa que serve apenas para um bruxo estar a falar para aqueles desconhecedores e leigos que entendem pouco ou nada de magia, pois olhe:

o seu bem pode ser o mal de alguém!, da mesma forma que o bem de alguém pode acabar sendo o seu mal!, pois olhe:

na vida – sempre assim foi deste tempos imemoriais! – a verdade é esta:

para um ser vencedor, então tem de haver outros sendo perdedores!, e isso sempre assim foi!, e sempre assim será!, e  ninguém o negará!

Veja o maior e mais clarificador exemplo disso, ou seja:

o bem de um clube de futebol acaba sempre sendo o mal do outro clube adversário, pois onde um vencer então o outro vai perder!, e por isso aquele que venceu vai achar sempre que o bem lhe foi feito, e porem o outro que perder vai sempre achar que foi o mal e a má sorte que lhe atingiu.

Então:

Quando você chama um padre – ou um pastor – para orar em seu favor, você acha que está praticando o bem ?

Então desenganai-vos, pois olhai:

quando o padre começar orando para lhe favorecer no seu assunto, ele vai favorecer essa sua demanda, e porem não há como lhe favorecer a si, sem desfavorecer outros tantos que estão procurando o mesmo que você esta procurando!!!!!

E então:

nesse caso, como é que é?

Vai achar que o bem foi praticado, apenas porque favoreceu na sua causa?

E quanto a todos os outros, que ficaram perdendo ?…. Para eles isso não é o seu mal?

Então:

O que é branco ou negro nesse caso?….

Então:

O mesmo sucede quando você chama um bruxo para interceder na sua causa, ( da mesma forma que acontece quando chama um padre para interceder na sua causa), pois olhai:

o bruxo vai atuar para fazer você vencer na sua causa, e isso para você vai ser o teu bem!

E porem:

para quem ficar perdendo nessa mesma causa isso vai ser o mal dessa pessoa!

Por isso, cuidai:

o mago na verdade é como um advogado que vai falar e interceder junto dos espíritos, das forças astrais, das energias espirituais –  e do universo – para defender a sua causa!, para alegar em favor dos seus desejos!,  e para, ( através de processos espirutuais ocultos), apelar para o universo balancear a maré dos eventos a seu favor! , e assim abrir caminhos a que você possa vencer na sua demanda!

Porem:

para você vencer na sua demanda!, então alguém terá de perder nessa mesma demanda !, pois a vitoria de uma pessoa numa demanda, implica sempre a derrota de outras tantas pessoas nessa mesma demanda!

Pois acredite:

aquele que vence numa demanda com a ajuda da magia vai sempre achar que essa magia foi boa!,( e branquinha!), ao passo que quem perdeu essa mesma demanda por causa de uma magia, vai sempre andar a dizer que foi magia negra!!,e que foi do mal!!

Pois então:

a questão do mal e do bem está na perspetiva de quem quer vencer numa demanda, pois a verdade é esta:

toda gente acha que o bem está sendo praticado quando vence na vida, e porem todo o mundo acha que o mal está lhe atingindo quando se perde na vida.

MAGIA É ENERGIA – NÃO É BOA, NEM É MÁ! TUDO DEPENDE DO USO QUE SE LHE DÁ!

Então:

se quer falar de processos mágicos, então vamos falar e vamos considerar os procedimentos usados nesse feitiço.

E porem:

Se você vem definir magia branca e magia negra nos termos de praticar o bem ou o mal, então – amigos e leitores –  vocês tem muito que pensar após estar lendo este artigo.

Pois então, escutai:

Magia na verdade não é branca, nem é preta nem tem cor alguma pois isso não passa de adjetivos qualificantes que nós bruxos e bruxas usamos para explicar certas coisas para leigos que não entendem o assunto senão dessa forma simples e simplista.

E porem:

Na verdade é assim:

Magia é energia, pois magia é usar de energias astrais, de entidades espirituais e de forças místicas que existem na natureza e no universo.

Pois por isso:

magia não tem cor, e magia nem é boa nem é , da mesma forma que qualquer energia não é boa nem é má, mas – isso sim –  é simplesmente energia.

Olha exemplo da energia atómica.

A energia atómica não é boa nem é má, tudo depende do uso que você lhe dá, ou seja:

Usada da forma errada a energia atómica pode ser usada para construir bombas que devastam o mundo!

Porem:

usada da forma certa, então a energia atómica pode ser usada para gerar eletricidade que alimenta lares, e que energiza as máquinas de hospitais onde se salvam vidas.

Então:

a energia atómica é apenas energia, e ele não é boa nem é má, mas tudo depende do uso que você lhe dá.

Da mesma forma:

Magia é o uso de energias astrais e espirituais, e por energia não é boa nem á  mas sim tudo depende do uso que você lhe dá, pois essa energia usada para um fim bom então será você achará que é boa, e porem usada para um fim mau então você achará que é má.

E por isso, olha:

Aquilo que é bom para você pode ser mau para outros, da mesma forma que quando o padre está pedindo a Deus para você vencer numa demanda então isso é o bem para si!!, e porem é sempre o mal para todos os outros que vão perder nessa mesma demanda na qual estão concorrendo consigo!!

Então:

Tudo isso é tremendamente relativo, e por isso todo esse assunto não é tao simples como falar de branco negro, Ok?

MAGIA E AS ENTIDADES ESPIRITUAIS DO BEM OU DO MAL – DESMITIFICANDO TUDO!

Mas muitos dizem:

Sim, isso pode até ser verdade mas….

sucede que magia negra apela para entidades do mal, e magia branca apela para entidades do bem.

A isso respondemos:

Que é isso de entidades do bem e entidades do mal?

Olhai:

Para certos cristãos que detestam outras religiões, eles falam absurdos dizendo que entidades como Yemanjá – que na religião Candomblé são espíritos de luz e do bem – afirmando que não passam de demónios venerados por pagãos!!

Mais:

Para certos fundamentalistas do monoteísmo, há quem diga que religiões politeístas – e bem pacifistas – como o budismo, o shenismo, etc, (religiões praticadas na China, no Japão e noutros pontos da Ásia),  todas essas entidades espirituais professadas por essas religiões são coisas do demónio!!, e são demoníacas!!

Mais:

entre as próprias religiões Abraâmicas e monoteístas, há uns que se apelam os verdadeiros seguidores de Deus!, e catalogando todos os outros como infiéis ou demoníacos!

Da  mesma forma:

aquilo que hoje em dia se considera demónios para a religião cristã, na verdade há milhares de anos atrás eram os deuses e deusas das religiões oficiais de culturas e religiões que existiram em grandes impérios e ilustres civilizações, como as religiões Egípcias, Fenícias, etc.

Então:

No meio disto tido, quem é que tem razão?, e quem é que se pode dizer dono da verdade ????

Da nossa parte, professamos e defendemos:

todo o fundamentalismo religioso intolerante é reprovável!, e toda a tolerância religiosa é de abraçar e louvar! , pois todo o ser humano deve ter a liberdade de trilhar no caminho espiritual e religioso que escolher para trilhar!, pelo que acolhemos neste caminho dos santos todos aqueles que querem neste trilho vir trilhar conforme mandam os cânones da nossa fé, e porem respeitamos a todos os que optam por trilhar nos demais trilhos e caminhos de fé!, desde que entre todos nós haja paz, e respeito.

Então:

o assunto é complexo!!, e não pode ser visto com vistas curtas!, nem de forma redutora!!

Pois por isso, olhai:

no nosso caminho religioso, dizemos:

Usai de magia sem preconceito, e usai de magia para abrir caminho ás suas demandas, e usai de magia apenas em assuntos sérios,  e usai de magia sempre obedecendo áquilo que os ensinamentos das entidades espirituais vos orientarem, pois um trabalho de magia é um assunto serio e do maior portento!, que por isso deve ser lidado no maior dos cuidados.

E porem:

Na hora de classificar a magia disto ou daquilo, então ficai sabendo que nem tudo é tao preto ou branco como você pensa!

RITUAIS DE MAGIA BRANCA E DE MAGIA NEGRA – ESCLARECENDO!

E porem você pode até dizer:

se isso é mesmo assim, então porque é que vocês falam de rituais brancos e rituais negros?, quando no fundo – segundo aquilo que estão a dizer – não existe diferença entre eles ?

Respondemos:

é evidente que existem diferenças !

Então:

quando estamos falando de rituais brancos ou rituais negros, não estamos falando de praticar o bem nem de praticar o mal, mas sim estamos querendo sublinhar que vamos invocar uma entidade mais assertiva e vamos usar de um procedimento oculto mais intrusivo e que vai forçar e pesar no espirito e no destino pessoa enfeitiçada – no caso de estar falando de ritual negro – ou que ao contrario vamos conjurar entidades mais serenas e usar de um procedimento mistico mais respeitador e harmonioso – no caso de ritual branco – conforme num certo caso seja necessário aplicar ou um procedimento magico mais firme e imperativo, ou antes seja necessário apelar de um feitiço mais sereno e consensual, da mesma forma que para tratar uma simples dor de cabeça você usa de uma aspirina, e porem para curar um cancro você já não pode usar de simples aspirina mas sim de remedio bem mais forte e intrusivo.

Então:

nesse caso estamos apenas a falar de procedimentos mágicos compatíveis com a gravidade e especificidade do seu assunto, e não de branco nem de negro.

Pois então:

Quando bruxos e bruxas falam nos termos de magia branca ou magia negra, na verdade eles não estão senão a falar de uma forma que eles sabem que a maioria das pessoas consegue entender sobre esse assunto, e por isso eles estão falando como quem fala para uma criança, tentando explicar assuntos complicados de uma forma simples.

Em resumo:

O assunto não é assim tao simples, ( nem pode ser visto de forma simplista nem redutora!), e por isso deixamos-vos aqui este tema, para que possais reflectir nele!

Veja vídeos:

Magia – o que é magia

Feitiçaria – sobre feitiçaria 

quer um poderoso trabalho de magia negra?

quer um poderoso trabalho de magia branca?

quer um poderoso trabalho de magia?

Escreva-nos!

Recomende, partilhe e vote nesta matéria