Tag Archives: amarrações amorosas

Amarrações, amarrações com poção magica

caldeirao
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações com poção magica

amarrações, amarrações amorosas, amarrações com poções magicas, poções para amarrações, poção magica para amarrações, poção magica para amarrar amor, poções magicas para amarra mulher, poções magicas para amarrar homem, poções magicas para amarrar amante,

Bruxaria - como funciona a bruxaria

A magia negra é sempre alimentada por um comercio oculto estabelecido entre o bruxo e as entidades espirituais com que o bruxo entra em contato. Por isso, é necessário um bruxo experiente para saber os termos certos em que esse negocio místico é feito, pois quem vai abordar espíritos tem de pensar não apenas nos benefícios que vai colher, mas também deve cuidar de medir muito bem todos os efeitos que serão produzidos com esse acto místico, pois que a magia negra deve ser encarada com muito cuidado, sabedoria e prudência. Por isso: na hora de recorrer as amarrações, procure sempre um bruxo experiente, enão vá você meter as suas próprias mãos no fogo, pois quem não sabe lidar com o fogo acaba queimado. Procure por isso um bruxo profissional e experiente.

As amarrações de magia negra são as mais poderosas, e por isso muita gente tem receio de recorrer as amarrações quando celebradas por magia negra. E porem: para grandes males, grandes remédios. Quer isto dizer: se o seu assunto é grave, então recorra das amarrações de magia negra, pois caso contrario andará a perder o seu tempo com soluções que não solucionam nada.

Como fazer as amarrações com poção magica? 

Bruxaria- Essências, filtros e poções3

As amarrações – amarrações com poções magicas – devem ser celebradas aos pés de uma arvore frondosa, sempre ás 3 da madrugada, e numa  encruzilhada assombrada.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – deve-se usar uma taça de puro ouro, uma faca de ouro puro e 2 alianças de ouro puro . Nessa taça deve-se preparar uma infusão de certas ervas pesadas á razão de 666 gramas por cada doseamento. Deverão ser usadas ervas como rosmarinus officinalis, vanila planifólia, carum carvi, iris florentina, jasminum officinale, achlilleia milefolum, e 6 pétalas de rosa bem vermelha.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – a infusão deve ser feita com água pura e extraída de uma nascente em noite de luar de lua cheia.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – a infusão deve reagir durante 666 minutos.

Assim estando feito, dever-se-á colocar as alianças de ouro dentro da infusão. Nas alianças devem ter sido inscritos os nomes das pessoas que se desejam amarrar, e isso deverá ter sido feito por um ourives perito em artes negras, pois que a gravação desses nomes deve ser feita com o derramamento de sangue de sapo sobre as alianças enquanto que as alianças estão a ser trabalhadas, ao mesmo tempo que se entoam cânticos infernais de chamamento aos demónios.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – logo no mesmo momento em que as alianças são vertidas na infusão, e usando-se da faca de ouro, e bruxo deve fazer um golpe no seu dedo mindinho da mao esquerda, e deve verter 6 gotas do seu próprio sangue na infusão.

A partir do momento em que o sangue do bruxo é vertido na infusão, eis que a infusão se torna numa poção, pois que assume a forma e propriedade místicas de um pacto infernal. No momento em que a infusão se torna em poção, a bruxaria está selada, e o bruxo deve beber a poção.

Pergunta-se: mas é o bruxo que bebe a poção, e não um dos amarrados? Responde-se:

Sim, porque a poção convida á possessão de espíritos, e apenas um bruxo treinado consegue dominar e controlar tais forças. Por isso: dar uma poção destas a um leigo destreinado é algo que jamais se deve fazer.

È o bruxo que bebe a poção, assim como é o bruxo que dá 6 gotas do seu sangue, pois é o bruxo que é a porta através da qual as entidades infernais irão entrar neste mundo, e por isso é a alma e o corpo do bruxo que servem de ponte entre o mundo dos mortos e o mundo dos vivos.

È nesse momento que a bruxaria pode ser particularmente dolorosa para o bruxo, pois o bruxo que está naquela encruzilhada torna-se ele mesmo uma encruzilhada entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos. È através do bruxo que se canalizam os espíritos que vem a este mundo para realizar a amarração entre as duas almas que se pretendem amarrar pelas amarrações, conforme é através do bruxo que as assombrações vem a este mundo para transmitir mensagens de vidência com visões assombrosas.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – depois de beber a poção, o bruxo deve recitar uma ladainha infernal e oculta de amarração, e nesse momento eis que muitas coisas inexplicáveis podem suceder naquele bosque, como o aparecimento inesperado de corvos negros, de cães negros, de serpentes, de larvas, de insetos, ou a manifestações de ventos inexplicáveis, ou o som de uivos, ou a visão de aparições, ou a ocorrência de trovoadas inesperadas, nevoas ou nevoeiro inexplicável, etc. Nesse momento o bruxo deve persistir na sua ladainha infernal, pois que essas manifestações são manifestações das assombrações conjuradas e darem sinal da sua presença junto do bruxo –  incarnadas no corpo do bruxo – para aceitar o serviço encomendado. Se não se tratar de um bruxo experiente, a pessoa que vá mexer com estes fenómenos pode acabar ferida, possuída, ou pior. Por isso: entregue estes assuntos a um bruxo experiente.

No final – e sendo isto repetido por 13 noites – devem as alianças ser sepultadas de baixo das raízes da arvore frondosa que está na encruzilhada onda as amarrações foram celebradas, e ali deverão permanecer sepultadas e ocultas de olhares para sempre.

Os efeitos das amarrações com poções

pactos

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – no momento em que as alianças são vertidas na taça com a infusão e as 6 gotas de sangue do bruxo, está-se a celebrar um casamento espiritual entre aquelas duas pessoas, um casamento eterno e um casamento selado pelos infernais poderes na magia negra.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – note-se que conforme nada irá deteriorar nem fazer envelhecer aquele ouro usado neste ritual, pois também nada irá fazer desgastar nem esmorecer as amarrações assim celebradas, e por isso as pessoas amarradas nestas infernais amarrações estão destinadas a terem os seus caminhos de vida para sempre ligados, entrelaçados e cruzados.

Amarrações?

Amarrações amorosas?

Poções magicas para amarrações?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações amorosas, amarrações com poções magicas, poções para amarrações, poção magica para amarrações, poção magica para amarrar amor, poções magicas para amarra mulher, poções magicas para amarrar homem, poções magicas para amarrar amante,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de Santeria

amarracao5
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de Santeria

Amarrações, amarrações amorosas, amarrações de santeria, fazer amor voltar, trazer amor de volta, amarração de homem, amarração de mulher, amarração de amante, separar casal,

Os santos são adorados em diferentes formas nas mais diversas religiões. Na religião da santeria, os santos são vistos como deidades ou espíritos. Tanto podem ser espíritos de antepassados ancestrais já há muito falecidos, como podem ser espíritos da natureza.

O sacerote que pratica a religião da santeria é chamado de santeiro, e se for uma sacerdotisa será chamada de santeira, tal como nas religiões brasileiras os sacerdotes são pais de santo ou mães de santo, e tal como na religião crista existe o padre.

A religião da santeria é uma religião iniciática, ou seja:

vodu-separar-casal

é uma religião de culto fechado a quem apenas podem aceder aqueles que foram escolhidos e convidados a entrar nos seus terreiros e templos, sendo que os seus sacerdotes devem passar por um processo iniciático de aprendizagem que demora 3 anos e decorre ao longo de 3 níveis de ensinamentos secretos.

A religião da santeria acredita em um único deus, e porem também acredita que esse deus distante e todo-poderoso tem uma serie de entidades que lhe prestam serventia, e que essas entidades ou espíritos controlam diferentes aspectos da natureza.

Também se acredita que esses espíritos e entidades habitam e manifestam-se na natureza,  e estão em todas as coisas da natureza, assim como guiam e controlam diferentes aspectos da vida humana. Essas entidades podem estar presentes no mar, no vento, na montanha, na arvore, no leão, na serpente, da gazela, no pássaro, nas nuvens, nos rios, no mar, no fogo, na chuva, na água, na madeira, no ferro, na pedra, nas estrelas, no sol, na lua,  no céu e na terra, e em todas as coisas da criação.

È a essas entidades que apelam os sacerdotes santeiros, assim como também invocam aos espíritos dos antepassados ancestrais já falecidos – que habitam no mundo dos mortos e dos espíritos – pois que se  acredita que é  através do mundo das aparições e dos mortos que se pode encontrar resposta e solução aos problemas deste mundo dos vivos..

A santeria sendo uma religião fechada atraiu muitos preconceitos e equivocos sobre o fato de que certos animais são oferendados em sacrifício no decorrer de rituais.

Qual o motivo desse tipo de oferendas?

sigilo2

Explicam os santeiros que na crença da religião da senteria o sangue oferendado em rituais é uma forma de «moeda» de troca espiritual entre este mundo dos vivos e o mundo do Àlem, seja:

Entre o mundo dos mortos, ou o mundo dos espíritos.

Ou seja:

Faz-se um negocio com as entidades espirituais, pagando-se ás assombrações com o sangue das oferendas, para que as entidades e aparições – tendo aceite esse negocio – então venham a este mundo e pratiquem as tarefas e os fins para que foram invocados. Muitos acham esta noção algo incomum, e porem a própria religião hebraica prevê a noção de sangue enquanto um elemento de comunicação com Deus e com os espíritos, pois olhai que na Biblia assim está escrito:

Porque a vida está no sangue; pelo que vos tenho dado o sangue para o derramardes sobre o altar, para fazer expiação pelas vossas almas; porquanto é o sangue que fará expiação pela alma.

Levítico 17:11

Pois então:

já na religião hebraica encontra-se a noção de que o sangue é um tributo a Deus e aos espíritos, através do qual – e da sua oferenda num altar de Deus – se alcançam benesses espirituais como a da expiação dos pecados. Como se pode comprovar, a oferenda de sangue está prevista ate na Palavra de Deus – no Antigo Testamento – e não é nada daquilo que as más publicidades lançam sobre a santeria.

mandragora_mulher

Note-se que os santeiros e santeiras são normalmente grande especialistas nos segredos místicos da ervanária, ou seja:

Os santeiros conhecem as propriedades ocultas e esotéricas das plantas, flores e ervas, e usam-nas com frequência na feitura dos seus rituais mágicos como ingredientes da sua magia milenar.

A amarrações, ou as amarrações de amor da santeria podem ser de natureza variada e podem variar de acordo com as diferentes necessidades de diferentes indivíduos.

As amarrações – nas amarrações de santeria –  podem ser usadas ​​para encontrar o amor verdadeiro, para fortalecer um amor, para trazer de volta um amor, para remover obstáculos ou intromissões a um amor, para fazer a pessoa amada assumir um compromisso amoroso, para atrair uma pessoa desejada para fins sexuais, para conquistar um amante, ou até mesmo para separar casais.

Nas amarrações, muitas das vezes o sacerdote santeiro celebra cerimonias em que usa de ervas místicas secretas, defumações, oblações e libações agradáveis aos espíritos de cemitério, sendo que todos esses preparativos são celebrados de forma a atrair alguém a sentimentos de luxuria, de paixão e de sexo. Da mesma forma são feitas oferendas de galo negro e outros tributos agradáveis aos espíritos. Estando os espíritos invocados, eles são canalizados para incorporar e fazer encosto na pessoa amarrada, e dessa pessoa as entidades e aparições não vão sair nem desencostar, e vão todas as noites trabalhar na sua alma, ate que essa pessoa amarrada pelas amarrações se entregue mansamente ao mandante dessas amarrações.

Quer amarrações ?

Escreva-nos!

Amarrações, amarrações amorosas, amarrações de santeria, fazer amor voltar, trazer amor de volta, amarração de homem, amarração de mulher, amarração de amante, separar casal,

 

 

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Bruxaria de amarração, bruxaria do espelho negro, amarração do espelho negro

amarração de magia negra3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Bruxaria de amarração, bruxaria do espelho negro, amarração do espelho negro

Bruxarias de amarração, trabalhos de amarração, feitiços de amarração, amarrações, amarração, magia negra de amarração, magia negra, trabalhos de magia negra, amarrações amorosas, amarrações,

espelho_negroUm espelho negro é um espelho usado para a invocação de espíritos e assombrações. Nesse espelho são inscritos símbolos ocultos de bruxaria, e quando esse espelho esta a ser feito são nele derramadas e ungidas 66 gotas de sangue de gado negro na sua feitura, isto sempre ás 3 da madrugada, e numa encruzilhada assombrada.

Os bruxos egípcios faziam espelhos mágicos a partir de prata polida, e na bruxaria de amarração do espelho negro os espelhos usados em magia negra deve ser feitos com base nessa prata polida.

O uso de espelhos para magia aparece na Bíblia, em Êxodo 38,8, onde se lê que espelhos era fabricados para as mulheres que serviam ao templo do espirito, pois que com eles essas mulheres entravam em contacto com os espíritos.

Na bruxaria de amarração do espelho negro , sobre o espelho negro deve-se colocar a foto da pessoa que se pretende amarrar, e no momento de fazer a bruxaria de amarração deve-se rodear o espelho negro com terra de cemitério provinda de uma sepultura fresca de 7 dias.

Na bruxaria de amarração do espelho negro, nesse momento, deve-se dizer: «spelucum nigrum», e depois entoar uma litania infernal e oculta ensinada por são Cipriano.

Na bruxaria de amarração do espelho negro, nesse momento deve-se derramar o sangue de ave negra sobre o espelho negro, assim como o pó de uma formula secreta de pó vodu feita á base e ossos cremados de defunto recente.

Na bruxaria de amarração do espelho negro, assim fazendo-se, o espelho funciona como uma porta entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos, e assim sendo eis que assombrações do mundo dos mortos serão chamadas a este mundo dos vivos.

Aviso:

Na bruxaria de amarração do espelho negro nunca ninguem deve tentar esta bruxaria senão bruxos experientes, pois caso contrario o curioso ou inexperiente acabará possuído por espíritos, e sofrendo fatalidade em si ou naqueles á sua volta.

Porem:

Na bruxaria de amarração do espelho negro, sendo bem usada, a invocação de espíritos feita através de um espelho negro é infalível !, e a criatura que se deseja será amarrada com bruxaria de amarração !

Quer bruxaria de amarração?

Escreva-nos!

Bruxarias de amarração, trabalhos de amarração, feitiços de amarração, amarrações, amarração, magia negra de amarração, magia negra, trabalhos de magia negra, amarrações amorosas, amarrações,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarração da garrafa de Eucaristia

altar22
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarração da garrafa de Eucaristia

agua-bentaNestas amarrações, são usadas no ritual 7 garrafas de vinho de eucaristia que já tenham sido usadas para servir em homilia de igreja.

O vinho de eucaristia é um vinho santo, sendo que é produzido conforme as regras do Redemptionis Sacramentum. Mais sobre este vinho Eucarístico está descrito também no Missal Romano nº 323

Nestas amarrações, assim se faz:

Nessa amarração, eis que na garrafa de vinho de Eucaristia é vertido sangue fresco de oferenda de galo negro acabado de ser oferendado. Nesses amarrações, o galo negro deve ter sido criado desde nascença para a exclusiva finalidade de ritual de oferenda a ritual de bruxaria, e deve ser galo sem qualquer imperfeição e totalmente negro.

Nestas amarrações, quando isto é feito devem-se arder 6 incensos de chamamento aos espíritos, que são incensos raros provenientes do Egipto, ao mesmo tempo que se fazem entoar litanias ocultas de são Cipriano, e se fazem arder 6 velas negras ungidas em gordura de animal sacrifical.

Nestas amarrações, tudo isto deve ser feito 66 minutos depois da meia-noite, e depois deve ser sepultado ás 3 da madrugada em cemitério junto de uma campa ainda fresca.

Nestas amarrações assim deve ser feito, pois a hora das 3 da madrugada é a hora certa, pois que é a hora em que os espíritos do outro-mundo mais se aproximam e se manifestam neste mundo dos vivos, especialmente através de assombrações. Por isso: não estes rituais se não for um sacerdote treinado nas artes do oculto, pois poderá acabar sendo vitima de possessão por assombrações, e isso pode levar a situações de fatalidade em si ou nas pessoas que você ama.

Nestas amarrações,tudo isto deve ser repetido ao longo de 7 noites.

Porquê 7 noites?

Porque assim está escrito na Palavra de Deus:

«São necessários sete dias para a vossa consagração – ao espirito de Deus – »

Levítico 8,33

Pois então:

Se 7 dias são necessários para consagrar alguém a Deus, então 7 noites são necessárias para consagrar alguém á bruxaria!, e depois disso em 7 dias a bruxaria manifesta-se !

Em resultado:

Nestas amarrações, conforme o sangue oferendado na garrafa de vinho de Eucaristia é depositado por 7 noites em cemitério e junto da sepultura fresca, pois 7 noites depois da amarração estar feita, então espíritos e assombrações serão conjurados a vir a este mundo, e a infestarem a pessoa amarrada de poderosa infestação espiritual.

Pois assim sendo:

Fantasmas – o que são fantasmas3Nestas amarrações, 7 dias apos a amarração estar feita então a infestação espiritual irá assombrar essa pessoa, o lar dessa pessoa, a vida dessa pessoa e a alma dessa pessoa, sempre sem cessar, até que essa criatura possuída por espíritos acabe por ceder e se entregar a quem lhe mandou amarrar.

Olhai:

Nestas amarrações, a pessoa não terá consciência que foi embruxada, pois que a bruxaria é algo invisível conforme o espirito é invisível, e por isso a feitiçaria não vai atuar na mente consciente da pessoa, mas sim no seu espirito e em espirito, e por isso a pessoa acabará cedendo sem saber porque é que cedeu!, mas ela cederá!

Quer amarrações?

Quer amarração?

Consulte-nos!

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarrações, amarração dos potes funerários

invocacao-espiritos
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarrações, amarração dos potes funerários

Não há quem não precise de amor, e não há quem precise de ver retribuído o amor de quem se ama.

Por isso – sempre assim foi, e sempre assim será – os sofrimentos amorosos tem sido a causa das maiores infelicidades espirituais, pois que ate mesmo o mais poderoso dos reis não passará de um pobre e solitário mendigo sofredor, se não tiver o amor de quem deseja, e a quem ama.

Pois por isso:

papiro2são Cipriano viajou pelas terras e templos da Fenícia e do Egipto, onde ali se entregou ao estudo dos remédios do espirito através do oculto, pois conforme os médicos se dedicaram ao estudo dos remédios do corpo através da medicina, pois são Cipriano bem entendeu que se os remédios do corpo e da medicina podem prolongar a vida do corpo, porem a vida do corpo de nada serve se vivermos em infelicidade espiritual!, pois uma vida sem amor não é vida!

Pois então:

Foi por isso mesmo são Cipriano deixou um legado de imensos saberes espirituais ocultos, para que se deles recorressem quando necessário, e se aplicassem a moléstias espirituais os adequados remédios espirituais, conforme ás moléstias do corpo se devem aplicar os adequados remédios da medicina.

Assim sendo, eis que são Cipriano estudou e ensinou a feitiçaria de amarração através do pote de barro negro, que é uma arte oculta que remonta ao tempo dos Egípcios, quando havia a tradição religiosa de sepultar os restos mortais de certos órgãos de um defunto em vasos funerários, ou chamados potes funerários. Ainda hoje em dia muitos desses potes funerários são encontrados em escavações arqueológicas no Egipto, e atestam da sua veracidade.

Diga-se:

Foi antes de 2500 AC que os egípcios desenvolveram as técnicas de produção destes potes funerários, e que são um poderoso processo espiritual.

Mas mais que isso, os Egípcios encontraram também formulas antigas – que remontam ás civilizações Babilônica, Fenícia e Suméria – para conservar os potes funerários que apelam aos espíritos.

A bíblia ensina que os magos do Egipto usaram de magias tao fortes quanto as magias que Moisés usou contra o Faraó do Egipto, pois olhai o Livro de Êxodo, no seu capitulo VII, onde ali está escrito:

10 Moisés e Aarão apresentaram-se ao faraó e fizeram como o SENHOR lhes tinha ordenado. Aarão lançou a sua vara ao chão, diante do faraó e dos seus servidores, e ela transformou-se logo numa cobra.

11 Porém o faraó mandou chamar os magos do Egipto e eles fizeram o mesmo com as suas artes mágicas

Êxodo 7 – 10,11

Mais assim está escrito:

20 Moisés e Aarão fizeram o que o SENHOR lhes mandou. Aarão levantou a sua vara e bateu na água do rio, na presença do faraó e dos seus servidores; e toda a água se transformou em sangue.

21 Os peixes do rio morreram e a água do rio cheirava tão mal que os egípcios não conseguiam bebê-la. E havia sangue por todo o Egipto.

22 Mas os magos do Egipto fizeram o mesmo com as suas artes mágicas;

Êxodo 7 – 20,22

Pois então.

livro-dos-mortos2assim se fica sabendo que os saberes místicos Egípcios dos magos do Egipto eram  poderosos!, e até a Biblia confirma o poder dessa magia!

Assim é feita a bruxaria de amarração do pote funerário:

Nas amarrações do pote funerário é feito um pote de barro negro, pois conforme o homem fez o homem do barro, pois também do barro se fará o caminho do homem.

E porem:

Nas amarrações do pote funerário, esse barro é de cerâmica feita na qual foi misturado ao barro 12 porções de terra de cemitério provinda de uma sepultura feita aos 7 dias, para que se faça forte invocação de espíritos.

invocacao-espiritos2Nas amarrações do pote funerário, não é fácil fazer tais potes funerários, e apenas artesoes do oculto os sabem fazer em fornos consagrados ás artes do oculto. São fornos infernais, onde estão representados sigilos ocultos de invocação de espíritos.

Na arte de feitura desses potes – para as amarrações do pote funerário – é colocada uma pequena porção de ferro que serve para prender espíritos atraídos em feitiços, assim como gostas de água benta e migalhas de hostia consagrada que ali se derretem no forno.

Nas amarrações do pote funerário, depois do pote funerário estar feito conforme estes saberes, ele é arrefecido e conservado em trevas durante 6 noites, e todas as noites sendo aspergido com 6 doses de sangue de ave negra.

Nas amarrações do pote funerário, estando o pote funerário feito, então assim se faz:

No pote de barro negro são colocados 12 corações de gado negro e mergulhados em 12 porções de sangue sacrificial desse mesmo gado negro.

Será colocado 1 coração por  cada noite, sempre ás 3 da madrugada, que é a hora em que os espíritos se manifestam neste mundo.

Por isso – nas amarrações do pote funerário – esse procedimento é repetido ao logo de 12 noites.

Nas amarrações do pote funerário, serão também vertidas 12 doses de sangue de gado negro por cada noite.

Na 12ª noite, o pote negro funerário com os 12 corações e 12 doses de sangue de gado negro lá dentro,  tudo será aspergido com 12 porçoes de óleo sagrado, e tudo será incendiado num forte holocausto.

Nas amarrações do pote funerário, eis que nesse holocausto, serão ardidas – dentro do pote – as fotos das pessoas que se querem amarrar, pois que nessa 12ª noite os espíritos serão chamados ás pessoas que estão a ser ardidas no pote negro com 12 corações e 12 doses de sangue de gado negro.

Tudo assim será feito até apenas restarem as cinzas das oferendas.

Na 12ª noite, o pote com as cinzas dos corações e sangue de gado negro – e também das fotos das pessoas amarradas – será sepultado junto de uma Igreja, em terreno santo.

Pois assim se fará uma poderosa conjuração de espíritos, que irá infestar a pessoa que se deseja amarrar e embruxar.

Cuidados a ter com as amarrações do pote funerário

apenas um bruxo treinado e experiente poderá lidar neste tipo de trabalho, pois indo leigos, curiosos e desconhecedores meter as mãos neste tipo de procedimento oculto, então poderão esses inexperientes e curiosos cometer erros, e por isso – ao invés de invocar espíritos ancestrais da forma certa e com bom proveito – poderão é esses leigos e curiosos acabar possuídos das maiores infestações demoníacas, ou acabando por infestar pessoas á sua volta!, e isso pode acabar por dar em tragedias de todo o tipo!

Por isso:

quando for para recorrer de um poderoso feitiço como amarrações do pote funerário, então encomendai-o a um mago sabedor das verdadeiras artes de são Cipriano, e que sabe aquilo que está a fazer!

 

Quais são os efeitos desses trabalhos de amarrações do pote funerário?

Sendo os trabalhos de amarrações do pote funerário bem executados e bem lidados, então os trabalhos de amarrações do pote funerário começam a dar resultados de 7 apos estarem feitas, e dai em diante os trabalhos de amarrações do pote funerário persistirão sempre insistindo na pessoa amarrada de 7 em 7 dias!, e por isso de 7 em 7 dias os trabalhos de amarrações do pote funerário fustigarão em espirito e no espirito na pessoa amarrada com assombrações e padecimentos do espirito, até que essa pessoa se entregue ao mandante da amarração.

Por isso:

dai em diante a pessoa que foi amarrada pelos trabalhos de amarrações do pote funerário, ela vai poder ate protestar, espernear, rebelar-se, andar com quem quiser e por onde quiser, e teimar em fazer aquilo que bem quiser e entender!, que porem:

Faça aquilo que essa pessoa fizer, e teime como ela teimar, porem, ( demore o tempo que demorar), no final a pessoa amarrada – por trabalhos de amarrações do pote funerário – ela irá sempre acabar cedendo e ficando junto do mandante das amarrações do pote funerário

Por isso:

nos trabalhos de amarrações do pote funerário, dai em diante, ( decretado com a força de lei dos ancestrais e milenares espíritos), esses trabalhos de amarrações do pote funerário são irrevogáveis e destinados e a decretar nos destinos da criatura amarrada!, e por isso se é certo que a pessoa amarrada – pelos trabalhos de amarrações do pote funerário – poderá até persistir teimando e resistindo conforme quiser e entender, que porem essa criatura amarrada jamais encontrará sol que sempre brilhe nem felicidade que sempre dure, senão quando ceder e se entregar a quem lhe mandou amarrar com essa amarração !

Quer amarração de são Cipriano?

Quer amarrações amorosas?

Então:

Escreva-nos!

amarrações, amarração, amarração amorosa, trabalhos de amarração, bruxaria de amarração, amarração do pote de barro negro, amarração dos vasos funerários ,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarração, amarrações para fazer o homem entregar-se

amarracao-bonecos-cera
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarração, amarrações para fazer o homem entregar-se

bruxos - o que sao bruxos3o homem tem um coração volúvel, que é um coração hoje quer isto mas amanha já quer aquilo, e por isso – sempre assim foi desde tempos imemoriais –  o homem frequentemente muda de humores e sentimentos, ou então refreia o seu coração em hesitações sentimentais. Por isso: seja porque tem um anterior casamento ou relacionamento, ou seja simplesmente porque não se quer empenhar num compromisso serio, a mulher acaba por sofrer com a inconstância do coraçao do homem.

Pois então:

É nesses casos que se deve usar da amarração para fazer o homem entregar-se, e é nesses casos que não se deve andar por aí a perder tempo com trabalhos fracos, mas sim de recorrer de um trabalho de amarração a sério!, que é o verdadeiro trabalho de amarração de são Cipriano.

Pois então:

Para fazer o homem ceder á mulher, então assim se deve fazer a bruxaria de amarração amorosa de são Cipriano conforme era feito na antiguidade, ou seja:

Nas amarrações amorosas de são Cipriano oferendam-se 12 peças de gado negro, conforme os preceitos da bruxaria de magia negra, e assim é feito na celebração de missa negra, onde 12 hóstias consagradas e 12 cálices de vinho consagrado de Eucaristia de Igreja são oferendados como poderosa oblação e libação.

Nas amarrações amorosas de são Cipriano, então cose-se alinhavando com ponto cruzado por 12 vezes o sexo do gado negro com linha vermelha virgem. Isto assegura que sempre que a criatura amarrada quiser ir entregar-se sexualmente a outra mulher, então ela ficará sexualmente impotente, e que no seu espirito em espirito esse homem sofrerá os purgatortios dos infernos.

Mais:

amarração de magia negra3Nas amarrações amorosas de são Cipriano, cose-se alinhavando com ponto cruzado por 12 vezes o coração do gado negro com linha vermelha virgem. Isto garante que sempre que a criatura amarrada andará sempre a ser fustigada para pensar na mulher que o mandou amarrar com esta amarração, ou então o homem em espirito e no seu espirito sofrerá os purgatórios dos infernos.

A isto se chama fazer cruzamento na amarração, ou seja: conforme os pontos cruzados são cruzados no gado negro, pois também se cruza o pensamento e o desejo sexual do homem, dirigindo-o para quem o mandou amarrar.

Nas amarrações amorosas de são Cipriano, a bruxaria de são Cipriano – ou conjuração de espíritos – começam a manifestar-se 7 dias depois do trabalho estar celebrado e sepultado em cemitério, e dai em diante infestarão o homem até ele ceder, e ele cede sempre, porque não há quem aguente tamanha carga de possessão de espíritos de cemitério.

Pois então:

Nas amarrações amorosas de são Cipriano assim sucederá, sempre em espirito castigando-se o espirito do homem que não se entrega amorosamente, e assim acontecerá tantas vezes quantas as necessárias até ele ceder, amansar, vergar, e se entregar!, pois assim funciona esta amarração para castigar a pessoa que não se entrega amorosamente!

Logo depois – nas amarrações amorosas de são Cipriano –  assim se diz durante a celebração do ritual de magia negra:

«Em nome de, ( a entidade espiritual que se está invocando), fulano não terá sossego nem descanso enquanto não me procurar para aquilo que eu desejo praticar,  ficando em espirito sob meu poder, e por isso nada mais que a mim ele vai desejar nem ver.»

Nas amarrações amorosas de são Cipriano, eis que selos mágicos, ( ou assinaturas demoníacas), devem ser gravados em papiros virgens e no solo onde a celebração está sendo oficiada, por forma a garantir que os infernais espíritos invocados descem e se manifestam conforme conjurado!

Assim sendo:

Nas amarrações amorosas de são Cipriano, tudo isto deve ser feito e repetido por 12 noites consecutivas, ao longo da celebração de 12 missas negras, nas quais – no total dos 12 dias oficiados –  eis que dezenas de  hóstias consagradas,  cálices de vinho sagradode Igreja e oferendas de gado menor e negro sem qualquer defeito serão usados, e tudo isso tem a sua boa despesa para poder ser adquirido e feito!

E porem:

Nas amarrações amorosas de são Cipriano, o resultado bem compensa a despesa, pois o resultado da amarração para castigar a pessoa que não se entrega é imediato, pois apos 7 dias da amarração estar feita os espíritos manifestam-se, e vao infestar o homem teimoso que não se quer entregar á mulher que o ama.

Por ultimo:

Nas amarrações amorosas de são Cipriano, esta bruxaria de são Cipriano para fazer o homem entregar-se á mulher é celebrada em cemitério, junto de uma sepultura fresca de 7 dias, e ali é deixado e sepultado o trabalho de amarração.

Logo:

quer amarração?

Quer amarração amorosa?

Quer amarração para o homem se entregar á mulher?

Então:

Escreva-nos!

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações da boneca amaldiçoada

anabelle3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Observação: Estas amarrações sao baseadas em factos verídicos sobre bonecas amaldiçoadas e documentadas por demonologistas autorizados pelo Vaticano.

anabelle2Nas amarrações da boneca amaldiçoada, usa-se uma boneca de cerâmica. Nas amarrações da boneca amaldiçoada, a cerâmica dessa boneca deve antes ter sido forjada com barro que é misturado em terra de cemitério colhida de terreno que rodeia 6 sepultaras. Tal como Deus fez o homem do barro, pois também do barro e do cemitério é feita a boneca das amarrações da boneca amaldiçoada. A combinação de barro com terra de cemitério é cosida num forno artesanal alimentado com galhos de aveleira colhidos numa encruzilhada amaldiçoada.

Nas amarrações da boneca amaldiçoada, assim estando feito então no interior de boneca de cerâmica é injetado sangue de bode negro.

Nas amarrações da boneca amaldiçoada, tem de ser usado um bode negro criado e alimentado para fins de magia negra.

Ao bode é dada a comer hostia consagrada junto com a sua ração, e á dada de beber água benta, e o bode tem de ser totalmente negro e sem nenhuma imperfeição.

Nas amarraçoes, chega a noite em que o bode negro deve ser oferendado aos espíritos, e esse procedimento deve ser celebrado em terreno de cemitério e sob o luar de Lua-Cheia.

Assim se conjuram espíritos dos mortos para dentro da boneca de porcelana.

Cuidado, pois por vezes podem ser conjurados espíritos inferiores ou demónios, e isso pode acabar por ser fatal, e por isso é necessário ter profundo conhecimento do que se está a oficiar. Por isso: nao faça estas amarraçoes pelas suas proprias maos, mas sim consulte que sabe lidar nestas amarraçoes.

annabelleHá relatos verídicos sobre a existência de uma dessas bonecas nos Estados Unidos, e que foi estudada por especialistas do sobrenatural e demonologistas autorizados pelo Vaticano nos anos 70. Tudo está documentado, e a boneca infernal encontra-se trancada e longe do contato com seres humanos.

Uma vez sendo a boneca infernal produzida, então ela deve ser levada a um adro de Igreja ás horas de meia-noite, onde ali lhe é amarrado um pergaminho escrito a sangue com a identificação da criatura que se deseja amarrar. São entoadas litanias de são Cipriano, e a boneca deve ser sepultada nesse adro de Igreja. Enquanto a boneca ali permanecer junto com o pergaminho escrito a sangue, pois então a criatura amarrada sofrerá em espirito assombrações e o purgatório dos infernos ate se entregar a quem lhe mandou amarrar, e por isso a pessoa acabará sempre entregando-se.

Esta bruxaria de amarração começa a manifestar-se na criatura amarrada 7 dias depois da amarração estar concluída, e por ser forte apenas deve ser lidada por quem tem sabedoria para lidar com fenómenos espirituais poderosos.

Quem recorre desta amarraçao, pode ter a certeza que terá a pessoa amarrada, embruxada e nas suas mãos.

Quer uma amarração?

Quer amarrações?

Escreva-nos!

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarração das bruxas

altar16

Na amarração das bruxas, um saco deve ser feito de linho virgem, e nos casos das amarrações amorosas esse saco deve ser de cor vermelha, e deve antes ter sido consagrado Bombodjiro ou Pomba Gira.

Porque se deve assim consagrar esse saco?

Porque na obra de são Cipriano assim podermos ler:

Aos traduzirmos esta outra parte, nos lembramos que a entidade correspondente a Lilith, ( citada por São Cipriano ), dos hebreus, é a mesma Astartéia dos babilónicos, ou a Bombodjiro, ( ou pomba gira), dos feiticeiros do brasil, e coincidentemente as oferendas são idênticas

Obra de são Cipriano extraída de Flos-Sanctorum, pag 43

Nota:

O Flos Sanctorum é uma colecção de textos medievais onde se descreve a vida dos santos. Trata-se de nobres e ancestrais volumes de compilações de lendas ou histórias de santos, elaborada no século XIII. Nesta obra podem-se encontrar excertos da obra de são Cipriano, que são parte fiel dos saberes do próprio livro de são Cipriano, e que junto com os manuscritos da bruxa Évora foram botados numa arca e levados para o Vaticano.

Isto explicado:

Tendo alguém encomendado a amarração do saco das bruxas, então o mago – ou sacerdote santeiro – deve usar desse saco previamente consagrado nas horas da meia-noite e das 3 da madrugada, pois é nessas horas que os espíritos e assombrações se invocam com maior intensidade, assim como deve esta magia de amarração ser praticada em solo sagrado onde estarão a arder , ( em circulo), 5 velas negras ungidas em sebo animal.

Na amarração do saco das bruxas, o saco de linho vermelho consagrado a Bombodjiro ou Pomba Gira deve ser colocado dentro de uma taça de prata, deve ser aberto, e depois dever-se nele verter os7  ingredientes que abaixo se descrevem, sendo que de cada vez um dos 7 ingredientes são colocados no saco, deve ser entoada uma oculta litania em latim, ( são ao todo 7 litanias ocultas, uma por cada ingrediente), sendo que não devem desconhecedores, leigos ou curiosos ir entoar estas invocações em latim sem saberem aquilo que estão dizendo, pois que poderão acabar fazendo a invocação de espíritos virar-se contra si mesmos!, e por isso apenas magos ou sacerdotes santeiros treinados devem ir mexer nestas artes espirituais e ocultas.

Isto dito:

No saco das bruxas, assim deve ser vertido:

Pó de ossos de animal defunto, que deve ser um bode negro e previamente consagrado aos espíritos numa zona deserta, pois que isso é motivo de grande invocação espiritual para assombrações, tal conforme revela o ensinamento que se pode observar na Bíblia em Levítico 16, 21-22.

Pó de um coração de ave negra menor e virgem, que foi previamente destinada a oferendamento aos espíritos

Pó de sangue coagulado dessa mesma ave negra destinada a oferendamento aos espíritos

Porque se usa a oferenda de uma ave negra em trabalhos de são Cipriano?

Explicamos:

O uso de ave negra em rituais de são Cipriano e na religião de Santeria é de grande relevância mística, pois que assim se pode ler la obra de são Cipriano:

Depois de estudar bem o livro (…) lançou a mão de uma galinha preta própria para as esconjurações diabólicas

Obra de são Cipriano, versando sobre «Erguimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo», capítulo 2º, Pag 248

Pois assim sendo, eis que assim se sabe: a oferenda que for de galinha preta ou ave negra é própria para as conjurações mais portentosas, e é preceito adequado á invocação e conjuração das mais portentosas magias negras de preta linha.

Isto explicado, continuamos a descrever a amarração do saco das bruxas:

No saco é também vertido:

Vertidas 6 pitadas de enxofre consagrado ás assombrações noturnas

Vertidas 6 doses de 6 ervas africanas ocultas de grande propriedade mística, que antes foram colhidas no mato e moídas num pilão, e depois foram secadas, e no final foram convertidas em pó

Vertidas 6 doses de terra de cemitério colhida em volta de uma sepultura com 6 noites, ( sendo que essa terra de cemitério em redor da sepultura com 6 noites deve ser escavada numa noite de lua cheia), ao mesmo tempo que é colocada no saco a fotografia da pessoa que se deseja amarrar, ou o seu nome inscrito num papiro Egípcio virgem e que é colocado no saco das bruxas.

No final, ( e por cima de tudo), são vertidas 3 gotas do sangue do mago santeiro para dentro do saco das bruxas, e logo de seguida vertidos 3 pregos de caixão de defunto, pois conforme 3 foram os pregos que crucifixaram Jesus na cruz, pois 3 serão os pregos que farão a criatura amarrada carregar para sempre a cruz espiritual de ter sido amarrado ao mandante da amarração. No momento de verter os 3 pregos de caixão, deve-se fazer requerimento aos espíritos e assombrações, sempre dizendo 6 vezes o nome da pessoa se deseja amarrar através da amarração do saco das bruxas.

Porque se usam as 3 gotas do sangue de um mago santeiro?

Porque assim ensinou são Cipriano na sua obra:

o diabo apareceu-lhe na figura de um corvo e disse-lhe:

– Que foi que combinamos? (…)

-perdoa grande senhor! – implorou siderol – perdoa , que de tudo me olvidei!

E acto contínuo, picou o dedo mindinho e assinou a escritura com sangue.

O diabo (…) disse-lhe:

– Aqui te deixo. Toma todo o outro que desejares – e dando um voo desapareceu

Obra de são Cipriano, Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo, capitulo 9º,  Pag 262

Pois assim se sabe:

O sangue daquele que foi aceite pelos espíritos para fazer pacto com os espíritos, esse representa a assinatura final que autentifica esse pacto para com os espíritos!

Isto explicado:

Este processo é demorado e custoso, pois que decorre ao longo de 13 noites, e os seus ingredientes não são fáceis de arranjar!, e porem: este trabalho constitui uma forte conjuração de espíritos e assombrações!!

Isto dito:

sigilo4

Vencido o tempo dessas 13 noites e tudo isto estando feito, então o saco das bruxas, ( na 14º noite),  é sepultado numa encruzilhada assombrada, e assim se deve fazê-lo á meia-noite ou ás 3 da madrugada, pois que são as horas apropriadas para a invocação de espíritos e assombrações.

A quem vai fazer esta sepultura do saco das bruxas na amarração do saco das bruxas, assim se avisa:

Quem for fazer a sepultura do saco das bruxas na amarração das bruxas, esse poderá escutar a ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, assim como sentir manifestações de assombrações, sensações de arrepios, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação logica, manifestações de vultos, estranhas brisas de vento, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.

Porem, e conforme sempre avisamos:

Tudo isso são manifestações próprias de um destes trabalhos de amarração do saco das bruxas, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que olhai:

indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que  esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas,  por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!

Como funciona a amarração do saco das bruxas?

Na amarração das bruxas, enquanto o saco das bruxas estiver sepultado naquela encruzilhada erma e deserta, pois também a criatura amarrada irá em espirito sofrer os padecimentos do purgatório na sua alma, pois conforme os 3 pregos de caixão de defunto foram depositados naquele saco das bruxas, ( que ali ficam amarrados dentro do saco), pois também a alma essa pessoa ficará trespassada de feitiço de amarração,  e conforme 3 foram os pregos que crucifixaram o Santo Jesus na Cruz, pois 3 serão os pregos que farão a criatura amarrada carregar para sempre a cruz espiritual de ter sido amarrado ao mandante da amarração, e dessa cruz espiritual essa criatura não se livrará enquanto não se entregar ao mandante da amarração do saco das bruxas.

Na amarração das bruxas,( como em qualquer forte trabalho de Santeria),  é bem possível que a pessoa amarrada comece tendo pesadelos, que comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta afrontamentos, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que sinta um peso e cansaço em cima do corpo, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revoltada, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que  ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança apenas junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!

Por isso, vamos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

.Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante da amarração do saco das bruxas

Assim sendo:

Na amarração do saco das bruxas, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso:

a pessoa – enfeitiçada pela amarração do saco das bruxas – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:

Na criatura – enfeitiçada pela amarração do saco das bruxas – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Na amarração das bruxas, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( sem parar, e pelo tempo que for necessário!),  fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e assim será sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Note-se:

sigilos3

Na amarração das bruxas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Por isso:

Na amarração das bruxas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes – porem não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada),  jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Assim sendo:

Na amarração das bruxas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!

Pois por isso:

Na amarração das bruxas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:

Na amarração das bruxas, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que os espíritos – perpetuamente de 7 em 7 noites –  ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa!, e assim sendo:

embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem , ( nos fortes trabalhos de Santeria), a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração!

Por isso:

Na amarração das bruxas, demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

 

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

Na amarração das bruxas, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!

Por isso, repetimos aquilo que sempre ensinamos, ou seja:

Na amarração das bruxas, ( como todos os fortes trabalhos de Santeria), sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.

Cuidai também que – conforme sempre dizemos – então vamos repetir:

A quem encomenda a amarração do saco das bruxas, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:

Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

 

Que efeitos causam os trabalhos de amarração das bruxas ?

Na amarração das bruxas, enquanto ao saco das bruxas estiver sepultado naquela encruzilhada erma e deserta, pois também a criatura amarrada irá em espirito sofrer os padecimentos do purgatório na sua alma, pois conforme os 3 pregos de caixão de defunto foram depositados naquele saco das bruxas, ( que ali ficam amarrados dentro do saco), pois a alma essa pessoa ficará trespassada de feitiço de amarração,  e conforme 3 foram os pregos que crucifixaram o Santo Jesus na Cruz, pois 3 serão os pregos que farão a criatura amarrada carregar para sempre a cruz espiritual de ter sido amarrado ao mandante da amarração, e dessa cruz espiritual essa criatura não se livrará enquanto não se entregar ao mandante da amarração do saco das bruxas.

Por isso:

Na amarração das bruxas, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e se pavoneando com outra pessoa, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua teimosia  e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Quer verdadeiras amarrações amorosas?

 

Consulte-nos!

amarrações, amarração, amarrações amorosas, amarração amorosa, amarração do saco das bruxas, amarrações do saco das bruxas, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarração das cinzas sagradas

sapo-negro-bruxas
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarração das cinzas sagradas

simpatias-amorTem sempre acontecido – desde tempos imemoriais – a mulher amar um homem que tem um coração inconstante, ou o homem amar uma mulher que recusa o seu amor, e isso – sempre assim foi, e sempre será – é motivo de grande tormento!, pois não há quem ame que não queira ser correspondido nesse amor, e não há quem ame que goste de ver a pessoa amada rejeitando, ou mudando de sentimentos!

Pois então:

Para enfrentar o tormento de ver a pessoa amada mudar de sentimentos e afastar-se, são Cipriano criou as grandes formulas de feitiçaria de amarrações, pois que olhe:

são Cipriano cuidava dos males do espirito conforme os médicos cuidam do mal do corpo!, e o santo bem sabia que tão importantes são os remédios do corpo como os remédios do espirito que ele se dedicou a estudar ao longo da sua vida e peregrinações !, pois a verdade é que uma vida sem saúde não é bom, e porem uma vida sem amor pode ser ainda pior!

Pois assim sendo:

Quando a pessoa amada tem sentimentos confusos ou decide afastar-se, então eis que são Cipriano formulou este trabalho da amarração das cinzas sagradas, que é um trabalho fundamentado tanto em saberes bíblicos, como nos ocultos saberes Egípcios, Fenícios e Babilónicos que são Cipriano aprendeu durante toda uma vida de estudos do oculto.

Como é feito o trabalho de amarração das cinzas sagradas?

amarracao1No trabalho de amarração das cinzas sagradas, é feito um fogo sagrado que é ardido com óleo sagrado de Israel, e onde são ardidos 6 corações de ave negra. A isso chama-se um holocausto. Um holocausto é um acto de invocação de espíritos, conforme assim está escrito na palavra de Deus:

 E o sacerdote queimará tudo sobre o altar. È um holocausto: oferta queimada de suave odor para Deus

Levítico 1,13

Pois então:

A fogueira ardendo sobre um altar ou solo sagrado é um holocausto, e esse holocausto – ensina Sagrada Escritura – é um acto agradável aos espíritos!, e por isso é um poderoso acto de invocação de espíritos !

Mais assim diz são Cipriano na sua obra:

o grande Lúcifer apareceu-lhe (…) na ocasião em que tinha imolado uma galinha preta

Obra de são Cipriano, versando sobre «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo», capítulo 8º, Pag 261

Pois assim sendo:

A imolação por fogo de oferendas, ( assim o confirma são Cipriano), é um poderoso meio de invocação de espíritos !

Por isso:

Este é um trabalho fundamentado tanto em saberes bíblicos, como nos ocultos saberes Egípcios, Fenícios e Babilónicos que são Cipriano aprendeu durante toda uma vida de estudos do oculto. Assim sendo: é um trabalho para ser lidado com cuidado e apenas em casos sérios!, pois lida com poderosas invocações de espíritos !

Aviso a quem pretende lidar com o trabalho de amarração das cinzas sagradas

Avisa-se:

Não vá praticando este tipo de invocação sem saber os segredos ocultos da sua mestria !!, pois certos ingredientes secretos devem ser usados nesse procedimento de holocausto !!, e apenas sacerdotes treinados podem lidar nesse tipo de procedimento místico !!, pois caso contrario podem os incautos e curiosos acabar sendo possuídos pelas mais terríveis maldiçoes e desgraças, pois não sabem como executar o holocausto da forma certa!, e ainda menos sabem lidar com as entidades que estão invocando !, ou podem acabar conjurando entidades erradas !

Como executar a amarração das cinzas sagradas?

invocacao-espiritosIsto explicado:

Devem ser executados 13 holocaustos ao longo de 13 noites, e nessas 13 noites devem ser oferendados no fogo 6 corações de ave negra por cada noite, assim como 6 porções de óleo sagrado de Israel, e todo o fogo deve ser ardido em madeira de aveleira, e sobre o holocausto devem ser aspergias 6 porções de um oculto pó vodu feito a partir e ossos de defunto misturado com uma formula de ervas secretas.

Pois assim sendo:

Isto deve ser repetido por 13 noites numa floresta sem intromissões de ninguém, e não é fácil faze-lo, pois grande é o segredo que está por detrás desta magia de são Cipriano, e muitos são os mistérios da formula que é necessário fazer arder nesse fogo sagrado, de forma a obter as cinzas certas para este feitiço.

Assim sendo, e por ultimo:

Estando decorrido o prazo de 13 dias e 13 noites de holocautos, então as cinzas desse holocausto são colocadas num saco de seda vermelha, que é consagrado a Maria Padilha, uma entidade que faz grande intervenção e intercedência em assuntos amorosos!, desde que essa entidade – e os espíritos que ela comanda – seja tratada com respeito rigoroso pela pacto que é feito com ela!

O saco e seda vermelha com as cinzas sagradas provindas do holocausto celebrado com óleo sagrado de Israel e muitos outros ocultos ingredientes ardidos nesse fogo, ele será sepultado junto de uma sepultura recente, ( sepultura de um defunto com 7 dias de sepultura), e ali serão oradas litanias ocultas que apenas aqueles que conhecem os mistérios de são Cipriano sabem conjurar!, e assim será feito por 13 dias e 13 noites!

Que efeitos causam os trabalhos de amarração das cinzas sagradas?

Dai em diante – apos o trabalho de amarração das cinzas sagradas estar feito – a pessoa amarrada pode teimar em andar por onde quiser e com quem quiser, e ela pode teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiser, que porem os espíritos, aparições e assombrações estarão sempre em espirito fustigando no espirito dessa pessoa!, e assim será pelo tempo que for necessário – e que os espíritos determinarem – ate que essa pessoa se entregue a quem lhe mandou amarrar.

Nos trabalho de amarração das cinzas sagradas,( conforme em todos os trabalhos que lidam com invocação de espíritos e assombrações), é bem possível que a pessoa amarrada comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que comece tendo pesadelos, que sinta frio ou calor sem explicação, que sinta afrontamentos, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta um peso em cansaço em cima do corpo, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revolta, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que  ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!

Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração do trabalho de amarração das cinzas sagradas.

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, a alma da pessoa amarrada será em espirito fustigada, castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso a pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração das cinzas sagradas – bem que pode andar por aí como se nada fosse, e ela bem que se pode afastar como quiser, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem na criatura – enfeitiçada pelos pelos trabalhos de amarração das cinzas sagradas – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!),  fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e olhe:

assim será sempre que ela vai dormir na solidão da escuridão e da sua cama – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Cuidai:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes – não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada),  jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são invisíveis  e indetetáveis !, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:

Os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está dormindo na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com assombrações e aparições, ( de que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e isso assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se acabe entregando a quem lhe mandou amarrar!

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que – perpetuamente de 7 em 7 noites –  os espíritos ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

amarracao-cartas-tarot-666Os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!

Assim sendo:

Os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.

Cuidai também:

– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:

Sendo os trabalhos de amarração das cinzas sagradas celebrados e concluídos, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago santeiro que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:

manifestações de assombrações, sensações de arrepios, ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou suceder verem-se coisas que se movem sem explicação logica, manifestações de vultos, estranhas brisas de vento, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por sentir estar sendo observada por uma entidade invisível.

Porem, e conforme sempre dizemos:

Isso tudo são manifestações próprias de uma destes trabalhos de amarração das cinzas sagradas, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que  esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas,  por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!

Mais dizemos:

A quem encomenda os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:

Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então:

Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

Com funcionam os trabalhos de amarração das cinzas sagradas?

Nos trabalho de amarração das cinzas sagradas, conforme as cinzas dos 13 holocaustos ocultos foram colocadas no saco de seda vermelha consagrada a Maria Padilha e sepultadas junto de uma sepultura recente com 7 dias, pois dai em diante espíritos e assombrações desse cemitério – e outros espíritos que também foram invocados durante a conjuração de assombrações que foi feita por 13 noites – ficarão todas as noites, (de cada vez que a criatura amarrada se vai deitar no escuro do seu leito), em espirito assombrando o espirito e a alma da criatura amarrada!, e assim será pelo tempo que for necessário ate essa criatura ceder e se entregar a quem lhe mandou amarrar !!

Por isso:

a criatura amarrada bem que se poderá querer afastar de quem lhe mandou amarrar, que porem em espirito os seus caminhos de vida estarão constrangidos, atados e amarrados!, e por isso de cada vez que essa pessoa insistir em dar passos para longe de quem lhe mandou amarrar, então os espíritos e assombrações manifestar-se-ão na alma dessa criatura, para que ela jamais encontre felicidade que sempre dure na sua vida!, ate que ela desista de se afastar, e se entregue ao mandante da amarração.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e pavoneando-se com outra pessoa qualquer, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua casmurrice!, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

Trabalhos de amarração, amarrações amorosas, amarrações, trabalhos de amarração das cinzas sagradas, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações das runas

runas-3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações das runas

As Runas são um conjunto de símbolos que constitui um alfabeto, e porem: para alem disso, as runas são também um conjunto de símbolos, diagramas e sigilos místicos que permitem, ( através da magia de sangue), invocar espíritos e assombrações ancestrais, que desde há milénios respondem a este tipo de invocações.

Os símbolos deste alfabeto rúnico constituíam os instrumentos linguísticos dos dialetos tanto anglo-saxónicos, como dos territórios do Norte da Europa, nomeadamente nas Ilhas Britânicas e Escandinávia.

Que símbolos linguísticos sirvam de instrumento esotérico, onde se inscrevem sentidos ocultos e se representam as forças sobrenaturais que influenciam o nosso mundo, não é novidade!, pois olhe:

Na verdade, conforme as Runas usam os símbolos das línguas nórdicas dos milenares povos celtas e europeus para equacionar forças e leis espirituais, também os caracteres do alfabeto hebreu são usados exactamente da mesma forma na também ancestral Cabalah.

As inscrições rúnicas mais antigas datam de cerca do sec I d.C. , sendo que com o processo de cristianização da Europa, o alfabeto rúnico acaba sendo substituído pelo alfabeto romano por volta  do sec VI a IX.

 

Como fazer as amarrações das runas?

runas-2As runas são poderosos símbolos de invocações de espíritos e assombrações, e se foram usados corretamente então permitem a feitura das mais poderosas amarrações amorosas.

O ritual de amarrações das runas deve ser feito em encruzilhada assombrada, na hora das 3 da madrugada.

Nas amarrações das runas, desenha-se um pentagrama com cré sagrado, á volta do qual devem estar ladeando 5 velas negras ungidas de sebo animal.

No centro do pentagrama, desenha-se a formula de runas adequadas ao trabalho de magia que se pretende fazer, ou seja:  ou de amarração, ou de separação, ou de afastamento de indesejáveis, ou de prosperidade, ou de fertilidade, etc

A formula de runas deve ser desenhada com o sangue do próprio mago, e que deve ser extraído – no momento do ritual e fresco – do seu braço ou não esquerda.

Porque devem as amarrações das runas ser celebradas numa encruzilhada?

Porque olhai que assim se pode ler na obra de são Cipriano:

no livro, surpreendentemente viu Siderol que se podia por em relações  estreitas e amigas com o Espirito Imundo(…)

– este comercio oculto – disse Victor – (…) não deslustra a nobrza de pessoa alguma, e por isso talvez eu faça a minha fortuna pactuando com Lucifer (…)

depois de estudar bem o livro, (…)e marchou sem demora ao lugar em que se cruzam os caminhos (…) porque o diabo infesta singularmente as cruzes formadas pelos quatro caminhos

Obra de são Cipriano, capitulo «Erguimanços de São Cipriano ou prodígios do diabo», secção 2º, pag 248

Assim sendo:

ensinou são Cipriano que os espíritos tendem a manifestar-se em encruzilhadas, e mais assim será se foram conjurados através dos rituais certos e adequados.

Então.

são Cipriano assim o ensinou, pois que nas ancestrais religiões politeístas greco-romanas da antiguidade, acreditava-se que a Deusa Hecate se manifestava em aparições ocorridas em encruzilhadas, e por isso era em ermas e solitárias encruzilhadas que se edificavam estátuas á deusa Hecate, para ali se oficiarem cultos e ritos de bruxaria, pois que a Deusa Hecate era a  deusa da bruxaria, da magia, da feitiçaria.

A Deusa Hécate podia manifestar-se nas encruzilhadas sob a forma de espectros, de vultos, de fantasmas, mas também de um cão preto, ou de um lobo preto, ou de uma coruja, etc.

Quando algumas dessas manifestações ocorria – antes durante ou depois de uma bruxaria ser feita numa encruzilhada –, então era certo que a Deusa Hecate se estava a mostrar!, e que estava a aceitar o trabalho de magia que estava ali a ser celebrado e depositado!

Pois então:

Porque esse é um sitio onde as almas e espíritos tendem a afluir, então os trabalhos de magia celebrados em encruzilhadas são trabalhos de magia particularmente poderosos!, conforme também são aqueles celebrados em cemitério!, e melhor ainda é se forem oficiados numa encruzilhada que fica junto a um cemitério!, ou numa encruzilhada dentro de um cemitério!

Isto explicado, avisamos:

Muito cuidado:

Um ritual deste tipo celebrado numa encruzilhada assombrada com sangue do próprio mago, ele irá ser um tremendo chamariz para espíritos e assombrações.

Por isso:

Esse é o motivo pelo qual ninguém deve ali estar presente senão o próprio mago, e muito menos deve um leigo, curioso ou desconhecedor ir meter-se a por mãos neste tipo de invocações de espíritos !, pois que poderão esses leigos ou curiosos ser infestados de graves possessões demoníacas!, pois que não entendem nem sabem como lidar com invocações espirituais desta natureza.

Estando as runas desenhadas com o sangue do próprio mago no centro do pentagrama riscado com cré sagrado, então deve-se entoar um milenar e ancestral encantamento Celta, cujas as origens magicas se perdem nos confins do tempo. O encantamento deve ser recitado sem falhas nem erro, pois que sendo mal lidado então este feitiço pode causar as maiores moléstias, infestações e fatalidades a quem foi executar este ritual, pois que poderão ser invocadas forças espirituais erradas ao invés das forças espirituais adequadas ao trabalho de magia que se pretende edificar.

No momento de entoação deste encantamento Celta, é bem provável que o mago que ali está executado as amarrações com runas possa presenciar vultos subtis e obscuros no meio do mato ou bosque, ou possa vislumbrar a presença de animais observando-o, ou possa pressentir a presença de espíritos invisíveis rondando-o, ou possa sentir estranhos ventos ou ate alterações de temperatura,  ou veja que uma lanterna que leva consigo comece a piscar ou falhar, ou ate ver ou escutar assombrações que lhe estão rondando.

Pois por isso:

Não vá usar deste tipo de amarrações das runas se não for um mago ou sacerdote de Santeria devidamente treinado para lidar com fenómenos espirituais perigosos!!, tanto mais que as amarrações das runas devem ser trabalhadas ao longo de 13 noites numa encruzilhada erma e deserta!, e isso pode acabar em tragedia para quem não está preparado para lidar em tais ofícios ocultos!

 

Efeitos que ocorrem apos amarrações das runas

runas-1As amarrações das runas,( como em qualquer forte trabalho de Santeria),  é bem possível que a pessoa amarrada comece tendo pesadelos, que comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta afrontamentos, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que sinta um peso e cansaço em cima do corpo, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revoltada, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que  ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa olhai:

Nas amarrações das runas, a criatura amarrada e infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança apenas junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!

Por isso, vamos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

.Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante das amarrações das runas.

Assim sendo:

Nas amarrações das runas, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso:

a pessoa – enfeitiçada pelas amarrações das runas – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:

Na criatura – enfeitiçada pelas amarrações das runas – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nas amarrações das runas, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( sem parar, e pelo tempo que for necessário!),  fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e assim será sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Note:

Nas amarrações das runas,( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Por isso:

Nas amarrações das runas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes – porem não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada),  jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Assim sendo:

As amarrações das runas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!

Pois por isso:

As amarrações das runas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e então:

Nas amarrações das runas, assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:

Nas amarrações das runas, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que os espíritos – perpetuamente de 7 em 7 noites –  ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa!, e assim sendo:

embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem , ( nos fortes trabalhos de Santeria), a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração!

Por isso:

Nas amarrações das runas, demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

 

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

runas-4As amarrações das runas são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!

Por isso, repetimos aquilo que sempre ensinamos, ou seja:

Nas amarrações das runas, ( como todos os fortes trabalhos de Santeria), sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões espirituais de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.

Cuidai também que – conforme sempre dizemos – então vamos repetir:

A quem encomenda as amarrações das runas, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:

Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então:

Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o inimigo da certeza, porquanto a duvida é o oposto da crença, e por isso a duvida é o veneno da fé, e por isso:

quem tendo visto os espíritos manifestarem-se diante dos seus olhos, então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando e causando a ira dos espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

 

Que efeitos causam as amarrações das runas?

amarração de magia negra3Nas amarrações das runas, conforme foi a amarração selada com o sangue do próprio mago desenhando os símbolos das runas no centro de um pentagrama riscado a cré sagrado e centrado no meio de 5 velas negras ungidas a sebo animal, pois espíritos e assombrações acolherão o chamariz oculto que é o sangue de sacerdote santeiro riscado na forma de uma oculta e milenar formula mística!,( que são as runas), e dai em diante estando feitas as amarrações das runas, então a pessoa amarrada será em espirito e na sua alma infestada de espíritos, de assombrações e de aparições que irão nela fustigar de 7 em 7 noites, todas as noites – de 7 em 7 noites e se cessar – persentido em assombra-la no seu espirito e em espirito!, e assim será aberta na sua alma a porta a um purgatório de castigos espirituais que jamais cessarão senão quando a pessoa amarrada ceder e se entregar ao mandante da amarração.

Repetimos:

Por mais que essa pessoa tenha o corpo fechado, ou por mais que essa pessoa seja teimosa, porem com este tipo de ritual os espíritos entrarão sempre nela !!

Por isso:

Nas amarrações das runas, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e se pavoneando com outra pessoa, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua teimosia  e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

Trabalhos de magia, trabalho de magia, amarrações, amarrações amorosas, amarrações das runas, runas,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria
1 2 3 9