Tag Archives: amarrações

Amarrações, amarrações egípcias e africanas

magia de sangue4
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações egípcias e africanas

amarrações, amarrações amorosas, amarrações africanas, amarrações egípcias, amarrações para ter amante, amarrações para ter homem, amarrações para ter mulher, amarrações para homem casado, amarrações para mulher casada, amarrações de magia negra, amarrações poderosas,

As amarrações egípcias e africanas são amarrações de magia negra de origem egípcia, argeliana, marroquina ou africana. São amarrações com saberes que remontam aos ancestrais bruxos e feiticeiros egípcios e africanos, e são amarrações que lançam uma bruxaria e uma maldição temível sobre a pessoa que se deseja amarrar através de amarrações amorosas poderosas.

Como são feitas as amarrações egípcias e africanas?

tableta3

As amarrações egípcias e africanas são celebradas diante de um tumulo e em terrenos de cemitério, pois que é magia negra que apela a fortes espíritos e aparições.

As amarrações egípcias e africanas, um escaravelho negro – também chamado de escaravelho sagrado –  é abençoado num luar de lua cheia diante do tumulo de um defunto recente de 7 dias. Assim estando feito, o escarvalho sagrado é alfinetado e oferendado ao luar com um alfinete de prata apropriado, e é colocado na boca de um boneco Joujou. O boneco Joujou é um instrumento de magia negra com seculos de tradição na magia negra africana mais poderosa, e é um instrumento Vodu poderoso. O boneco Joujou é um boneco usado em magias negras vodu, e que foi especialmente preparado para lançar maldiçoes de magia negra e as mais fortes bruxarias a uma pessoa. Ao mesmo tempo que a celebração destas amarrações decorre, são feitas defumações de incensos ocultos, e é oferendado o sacrifício de ave negra, sendo o seu sangue aspergido sobre o boneco Joujou conforme mandam os preceitos da magia negra Vodu. Tudo é polvilhado com uma dose de pó Vodu para infestar maldição na criatura que se deseja amarrar. O pó vodu é preparado segundo formulas e procedimentos quem tem seculos de mistério, e contem ingredientes como pó de ossos de defunto, enxofre, cré sagrado, escamas de serpente negra, ervas ocultas previamente secadas e moídas, raízes negras com propriedades ocultas, e muitos outros elementos místicos que são agradáveis á conjuração de espíritos. Assim estando feito, nestas amarrações egípcias um papiro virgem com a identificação da criatura que se quer amarrar – escrita a sangue de ave negra – é também colocado na boca do boneco Joujou. No final, são feitas 6 aspersões de bebida forte sobre o boneco Joujou, e todo o trabalho deve ser sepultado a 7 passos da sepultura onde foi oficiado, e a 7 palmos abaixo da terra de cemitério.

Que efeitos tem as amarrações egípcias e africanas ?

livro-dos-mortos2

Conforme o escaravelho ficou dentro do boneco, pois também a pessoa embruxada vai ter sonhos e visões noturnas com algo subindo pela sua garganta e saindo pela sua boca. Assim como essa visão, essa pessoa começará presenciando aparições de assombrações, começará sentindo a sua alma perturbada por manifestações de espíritos, e assim persistirá em ocorrer á pessoa amarrada por estas amarrações.

Estas visões e perturbações da alma ocorrem como fruto da maldição e bruxaria que infestou essa vitima, e são visões e perturbações noturnas que se manifestam quando a bruxaria de amarrações já está bem plantada na alma da pessoa amarrada por estas amarrações. A pessoa amarrada pelas amarrações não se lembrará nem terá consciência desse tipo de visão, e porem ela no dia seguinte irá acordar com uma sensação desconfortável, ou com um pressentimento estranho, ou com uma ligeira dor de cabeça, ou até com uma indisposição física ou mental. A pessoa pode também acordar no meio da noite sem explicação, e esse fenómeno irá repetir-se recorrentemente ao longo do tempo, ou seja: isso ocorre de todas as vezes em que a pessoa teve a visão. Porem: a visão e as aparições acabarão sempre permanecendo ocultas na memoria da vitima das amarrações, sendo que ela de nada se lembrará conscientemente, para que essa pessoa não desconfie que foi embruxada, nem as pessoas á sua volta se apercebam que essa pessoa foi alvo de bruxaria, até que seja tarde demais.

Assim sendo:

amarração de magia negra3

conforme esses sonhos se intensificarem também a pessoa vai começar a falar aquilo que não quer, e vai começar a mudar os seus comportamentos, e vai acabar por alterar a sua conduta do dia para a noite, e por isso mesmo muitas mulheres se queixam do seu amado ter mudado da água para o vinho sem explicação apenas para ir acabar nos braços de outra mulher, assim como muitos homens ficam perplexos diante da sua mulher que mudou do dia para noite e saiu de casa sem qualquer explicação plausível. Há milhares de casos comprovados em todo o mundo de homens e mulheres que mudam abruptamente do dia para a noite e abandonam maridos e mulheres e filhos, para se irem entregar a amantes. Pois então: tem aí a prova que explica o motivo aparentemente inexplicável desses casos que toda a gente conhece, mas que para muitos são um mistério. Porem: não há mistério por detrás desses casos, há sim poderosa e forte magia egípcia e africana de amarrações, e mesmo para quem não acredita porem os factos falam mais alto.

Em resumo:

Conforme o escaravelho sagrado foi colocado dentro do boneco Joujou de magia negra africana, pois – da mesma forma – as amarrações egípcias infiltram-se na alma da criatura amarrada como um verme se infiltra num fruto para o comer por dentro, e a partir aí as amarrações persistem e insistem dentro dessa pessoa – moendo e remoendo na sua alma com visões e aparições e perturbações – até vencerem nessa pessoa.

Por isso:

Estando as amarrações dentro da pessoa amarrada, então demore o que demorar ela acabará por vergar e ceder, porque depois de uma criatura estar infestada pelas amarrações egípcias, então essa pessoa será em espirito atormentada no seu espirito ate chegar a um ponto de rotura, e até ceder á vontade de quem a mandou amarrar com essas amarrações.

Origens das amarrações egípcias e africanas

Esse tipo de rituais de magia negra são originalmente provindos das terras do Egipto, Argélia, Marrocos, Tunísia, Turquia, assim como são também praticadas na africa ocidental.Trata-se de magia negra de origem egípcia, marroquina ou africana, pois que o escarvalho é símbolo desse tipo de magia negra. Ao longo da historia, esse tipo de magia negra acabou por chegar á península ibérica , ( Portugal e Espanha), através de Marrocos e da grande presença que os árabes tiveram nessa área da europa ocidental durante os seculos I ao seculo XII .

Presentemente, nessas terras distantes do Norte de Africa ainda se praticam estas bruxarias, e destas magias negras recorrem especialmente as mães para prender filhos e afasta-los de mulheres cujo o casamento ou noivado lhes desagradar, assim como é usual recorrem destas amarrações as amantes que querem ter e obter os noivos ou maridos de outras mulheres.

Aviso sobre amarrações egípcias e africanas

Estas amarrações são amarrações de forte magia negra, que sendo bem lidadas dão resultados milagrosos, e porem sendo lidadas por leigos ou desconhecedores dos segredos das artes do oculto poderão causar tragedias e fatalidades nos curiosos que se metem a mexer naquilo que desconhecem. Por isso: na hora de encomendar as amarrações egípcias ou africanas, procure um bruxo treinado e experiente.

Amarrações?

Bruxarias de amarração?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações amorosas, amarrações africanas, amarrações egípcias, amarrações para ter amante, amarrações para ter homem, amarrações para ter mulher, amarrações para homem casado, amarrações para mulher casada, amarrações de magia negra, amarrações poderosas,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações africanas

altar sao cipriano
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações africanas

amarrações, amarrações africanas, amarrações de magia negra, amarrações de marido, amarrações de mulher, amarrações de amante, amarrações de namorado, amarrações de namorada, amarrações de noivo, amarrações de noiva, amarrações para fazer amor voltar, amarrações para casar,

Ouvimos falar muito sobre a prática da magia negra nos países africanos, e porem poucos conhecem a prática das amarrações de magia negra africana que aqui vamos divulgar.

Uma das ancestrais praticas de amarrações de magia negra africana é conhecida por Joujou, que é um ramo da magia negra associado ao Voudu.

Como funciona a magia negra africana Joujou ?

anabelle2

O termo Joujou deriva da palavra francesa Jouet, que significa brinquedo,  e nesta magia negra africana são usados procedimentos ocultos para capturar uma entidade espiritual e faze-la habitar num objeto como um brinquedo. Há relatos verídicos de tais brinquedos, sendo um dos mundialmente mais famosos o caso da boneca retratada no filme The conjuring e Annabele, filmes que são baseados num caso verídico testemunhado por cientistas e confirmado pelo vaticano.

Na africa ocidental, é mesmo possível encontrar templos Joujou, onde esses objectos feitos por um feiticeiro estão ali expostos tal como os santos expostos numa igreja cristã.

Os objectos impregnados de magia negra africana podem ser usados tanto para fins positivos,( como exorcismos de maus espíritos, curas de doenças do corpo, curas de enfermidades espirituais), como também podem ser usados para fins negativos, (vinganças, separação de casais, causar má sorte a um amor ou a um lar, impor ciúmes e discórdias, prejudicar a saúde de alguém, trancar os caminhos da vida e a felicidade de alguém, etc)…

Os objectos Joujou são feitos por um bruxo que usa de técnicas de magia negra africana para lançar uma entidade espiritual para dentro do objeto desejado, sendo que a partir do momento em que o procedimento está concluído, o espírito conjurado pelo bruxo irá habitar naquele objeto que se transformará num Ídolo. Esse ídolo será por isso o recetáculo de um espírito, que tanto poderá tratar-se de um espírito de antepassados, como um espírito demoníaco, ou como um espirito da natureza.

Os ídolos Joujou africanos bons são conhecidos por idem, ao passo que os ídolos Joujou africanos maus são conhecidos por mbiam. Os ídolos joujou bons são usados por feiticeiros na medicina tradicional africana para curar todo o tipo de enfermidade física ou espiritual. Já os ídolos joujou ruins são usados para causar efeitos ruins e de magia negra. Existem também Joujous africanos macho e fêmea, e esses joujou são usados conforme o sexo da pessoa que se pretende atingir com a magia negra africana. Há ídolos joujou africanos que tem seculos e seculos de existência, e são conhecidos por terem operado os maiores prodígios e resultados em casos julgados impossíveis, sendo que por isso são motivo de culto religioso e grande devoção em certos povos africanos. Há bastantes lendas sobre pessoas que – com receio da magia negra de um Joujou –  tentaram livrar-se ou destruir um Joujou, apenas para depois descobrirem que mesmo reduzido a cinzas ou destruído, porem o joujou acabou por reaparecer intacto noutro local do mundo, ou até reaparecendo na vida de quem se quis livrar desse ídolo africano de magia negra.

Os ídolos Joujou nesse aspecto constituem verdadeiras maldiçoes de magia negra, maldição essa que é quase impossível de alguém se livrar ou escapar, motivo pelo qual o Joujou de magia negra africana é um instrumento especialmente poderoso quando aplicado a amarrações, pois que assombrarão persistentemente a pessoa amarrada pelas amarrações africanas de forma poderosa, incessável e imparável. Na Africa ocidental, alguns dos mais reconhecidos artesãos fabricantes de ídolos Joujou  são chamados marabouts, que são homens santos e religiosos que conservam consigo ancestrais conhecimentos ocultos tribais quem vem passando de geração em geração ao longo dos seculos, e que fabricam tais ídolos para todos os fins, desde ajudar em assuntos materiais, assuntos de fertilidade, assuntos comerciais, assuntos familiares, assuntos de saúde física e saúde espiritual, etc.

Como são feitas as amarrações de magia negra africana?

vodu-separar-casal

Nas amarrações africanas, deve-se entregar a foto da pessoa que se pretende amarrar ao bruxo que vai celebrar as amarrações africanas. O bruxo levará a foto junto ao joujou adequado para a amarração que se pretende, sendo que o Joujou estará sempre a residir em terra onde estiver sepultado o defunto de um feiticeiro antigo ou de um antepassado que foi um homem santo. O culto dos antepassados é da maior importância na magia negra africana, e por isso o Joujou reside sempre numa terra onde houver sepultura de um feiticeiro ou de um homem santo.

Nas amarrações africanas, eis que diante do joujou – na lua certa, e há meia-noite – o bruxo ali fará a oferenda de um galo negro, o bruxo fará o sangramento do sangue na foto da pessoa, o bruxo lançará pó oculto voudu sobre a foto, e o bruxo fará a defumação de erva e incensos africanos apelativos aos demónios que se pretendem conjurar.

Nas amarrações africanas, o bruxo irá também recitar orações ancestrais de invocação de espíritos, e apenas o bruxo treinado e experiente pode fazer uso de tais litanias, pois que uma pessoa impreparada ou desconhecedora pode acabar por atrair a si mesma forças místicas que não sabe controlar, podendo acabar por sofrer uma fatalidade. Nestes procedimentos das amarrações africanas, o bruxo acaba sempre por estabelecer um contacto com o mundo do espirito ou o mundo dos espíritos já desencarnados, deles recebendo visões e revelações, mas também vendo e sentindo ocorrer á sua volta aparições e fenómenos temíveis. Por isso: na hora de pedir por amarrações de magia negra africana, consultai um bruxo experiente e sabedor, e não vá jamais meter as suas mãos em mistérios que desconhece para não acabar por sofrer consequências trágicas.

Nas amarrações africanas, assim sendo feito então o bruxo entregará a foto da pessoa que se pretende amarrar ao Joujou, assim confirmando e selado a encomenda daquela pessoa retratada naquela foto á entidade que habita no Joujou. Nas noites seguintes, seguir-se-ão oferendas consecutivas de gado maior ou menor. Nas amarrações africanas, esse gado deve ser virgem, ou seja: é gado criado apenas para o seu exclusivo uso em rituais de magia negra, e por isso cuidado e tratado conforme certos preceitos místicos e religiosos.

Que efeitos tem as amarrações africanas?

Pois assim sendo feito, então nas amarrações africanas o resultado ocorre, ou seja:

a pessoa que se quer amarrar pelas amarrações africanas ficará assim encomendada ao espírito desse joujou, significando isso:

a alma da pessoa amarrada pelas amarrações africanas será em espírito assombrada, e aparições vão em espírito atormentar o espirito e o lar dessa pessoa e das pessoas á sua volta, e assim o espirito demoníaco persistirá insistindo e persistindo a fustigar a alma dessa pessoa ate que essa pessoa vá ceder e se entregue a quem a mandou amarrar. Por isso, uma vez infestada pelas amarrações africanas, a pessoa – demore o que demorar – está condenada a ceder e entregar-se, e por isso acabará sempre cedendo e entregando-se.

Amarrações?

Amarrações africanas?

Amarrações de magia negra?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações africanas, amarrações de magia negra, amarrações de marido, amarrações de mulher, amarrações de amante, amarrações de namorado, amarrações de namorada, amarrações de noivo, amarrações de noiva, amarrações para fazer amor voltar, amarrações para casar,

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações da porta oculta

espiritos
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

 

Amarrações da porta oculta

amarrações, amarrações de marido, amarrações de amante, amarrações de mulher, amarrações de esposa, amarrações de namorado, amarrações de namorada, amarrações de noiva, amarrações de noivo, amarrações de casal, amarrações para amores rejeitados,

As amarrações da porta oculta servem para abrir as portas dos assuntos amorosos mais difíceis, e por mais difíceis que sejam esses problemas de amor, porem as portas abrir-se-ão a quem recorre destas amarrações.

As amarrações da porta oculta são especialmente uteis em assuntos de um amor rejeitado, assim como quando uma pessoa endureceu o seu coração ao ponto de jurar que nunca mais regressará, e também para casos em que os rompimentos amorosos parecem impossíveis de resolver, e os reatamentos sentimentais são dados como perdidos.

Como são feitas as amarrações da porta oculta

As amarrações da porta oculta são amarrações que devem ser celebradas por um bruxo experiente e numa casa assombrada.

São Cipriano menciona a existência de casas assombradas na sua obra, onde ali se pode ler e está escrito:

a experiencia tem mostrado que alguns lugares e casas são infestados pelos espíritos que os inquietam com estrondos, aparições e outras muitas importunidades

Obra de são Cipriano, versando sobre «Espíritos diabólicos que infestam (…) », Capitulo 1º, Pag 269

Pois assim se sabe:

o fenómeno de locais e casas assombradas não é uma crendice, mas sim é um fenómeno milenar, existindo desde há seculos com provas documentadas historicamente.

Fantasmas – o que são fantasmas2

Uma casa assombrada é um local onde habitam espíritos e assombrações que vagueiam naquele espaço, e que ali permanecem para a eternidade no limbo do mundo dos mortos. Esse tipo de casa é por isso como um ponto de intersecção ou um cruzamento entre o nosso mundo dos vivos e o mundo dos mortos. Nesses locais, a presença das assombrações manifesta-se de forma muito mais forte e intensa, e por isso apenas um bruxo treinado e experiente deve ir lidar com tais fenómenos ocultos.

Nas amarrações da porta oculta, deve-se procurar pelo quarto de casal onde haja uma cama de casal, e nessa cama de casal haja falecido homem ou mulher que faziam parte do casal que habitava naquele lar.

Uma vez encontrado esse quarto, então fechar a porta do quarto de casal onde está a cama de casal em que faleceu homem ou mulher desse casal que habitava esse lar agora assombrado.

Nas amarrações da porta oculta, oferecei um galo negro ás trevas da magia negra, invocando as entidades que governam sobre os assuntos do coraçao, do amor e da luxuria.

Nas amarrações da porta oculta, usai o sangue do galo negro para imediatamente desenhar um sigilo oculto na madeira dessa porta. O sigilo deve ser invocatório de entidades do mundo dos mortos, e apenas bruxos experientes conhecem tais sigilos.

Assim estando feito, então no soalho diante da porta fechada, escrevei com o sangue do galo negro as palavras

iluminare corde suo

apud tenebris Luciferum

depois disto estar escrito em sangue, então orai e recitai a litania oculta infernal de são Cipriano.

A litania infernal de são Cipriano é uma poderosa litania oculta que apenas os bruxos conhecedores dos segredos de são Cipriano conhecem, pois que é formula milenar conservada sigilosamente há centenas de anos, e que contem 5 partes:

uma parte em Latim, uma parte em Aramaico, uma parte em Hebraico uma parte em Grego, e uma parte em Copta Egípcio.

Não devem os lábios de uma pessoa leiga e destreinada ir recitar tal litania, pois que esse curioso acabará por atrair grande maldição sobre si mesmo. Apenas deve proferir tal litania o bruxo conhecedor dos mistérios dessa formula infernal, para dela poder retirar os seus bons proveitos, sem porem se condenar ás fatalidades do corpo e da alma.

Depois de entoada a litania, enfiai por debaixo da porta a foto da criatura que quereis amarrar, enviando as fotos para o outro lado da porta, para dentro do quarto assombrado.

Vereis que a porta ficará quieta e sem movimento, e nada acontecerá. Afastai-vos da porta, e deixai o local como está.

Nessa mesma noite – ou nas noites seguintes, e quando menos se espera – escutareis a porta a fazer barulhos. A porta fará um grande barulho como se alguém a tivesse fechado com violência, ou fará um lento ranger como se alguém a estivesse a abrir lentamente, ou começará a abanar e a fazer sons como se alguém estivesse a querer arrombar a porta, ou começará a tremer como se uma grande ventania estivesse a passar pela porta, embora não haja vento nenhum na casa. Podereis também encontrar a porta aberta sem qualquer explicação, pois que não há ninguém na casa abandonada, e ninguém lhe mexeu.

Nesse momento tendes confirmação que os espíritos escutaram a vossa bruxaria.

Nesse momento, pegai na foto que está do outro lado da porta no quarto assombrado, e ide á meia-noite sepulta-la em cemitério, sempre 7 palmos abaixo de terra e ao lado de uma sepultura recente de 7 dias.

Aviso sobre as praticas de bruxaria necromante

Quando se está a sepultar a foto, é normal que se possam ver vermes na terra, ou aparecerem serpentes, ou sapos, ou cães negros, ou traças, ou gato negro, ou que se sinta frio ou calor sem explicação, ou se vejam vultos de assombrações, ou se vislumbre um fumo transparente que transpira da terra e ascende ao céu, ou se escutem sons estranhos, ou o ceu fique coberto de nuvens negras e mau tempo imprevisto, e tudo isso são manifestações de aparições a darem sinal da sua presença.

Por isso, relembramos:

estamos a lidar com magia negra que lida com espíritos do mundo dos mortos em praticas de necromancia, pelo que apenas devem lidar nestes procedimentos místicos aqueles bruxos especialmente experientes e treinados, pois que os leigos impreparados podem ali encontrar desgraças ou fatalidades.

Que efeitos tem as amarrações da porta oculta?

Fantasmas – o que são fantasmas3

Nas amarrações da porta oculta, conforme a foto da criatura amarrada foi embruxada no quarto da casa assombrada, pois também essa pessoa vitima dessas amarrações passará a ser em espirito assombrada no seu quarto todas as noites – noite apos noite – ate que ela se canse e se vá entregar ao mandante das amarrações.

Nas amarrações da porta oculta, obviamente que as assombrações sucederão mas a pessoa não se lembrará delas conscientemente, pois que a pessoa não deve suspeitar que está a ser vitima de uma bruxaria. Por isso, o processo passa-se inconscientemente.

Logo: quando a pessoa acorda não se lembrará de nada, e porem no seu espirito e na sua alma ficaram gravados os purgatórios da bruxaria que a infestaram toda a noite naquele seu quarto.

Por isso mesmo certas pessoas vitimas de amarrações acordam com uma sensação estranha e desconfortável, ou ate de mau humor, ou ate com um pressentimento negativo, ou com a sensação que tiveram sonhos perturbadores mas não se conseguem lembrar deles, ou com uma sensação que algo está errado mas que não conseguem explicar, ou sentem-se irritáveis sem explicação, ou acordam com uma ligeira dor de cabeça, ou acordam com dores ou marcas no corpo que não tem explicação plausível, pois que as pessoas atingidas por essas amarrações não se lembram mas estiveram toda a noite a ser fustigadas por uma bruxaria, e assim será ate que essas pessoas se entreguem a quem as mandou amarrar por estas amarrações, e por isso – demore o que demorar – as assombrações persistirão assombrando, e as pessoas acabar-se-ão entregando.

Amarrações?

Amarrações amorosas?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações de marido, amarrações de amante, amarrações de mulher, amarrações de esposa, amarrações de namorado, amarrações de namorada, amarrações de noiva, amarrações de noivo, amarrações de casal, amarrações para amores rejeitados,

 

 

 

 

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de fidelidade,

fruto_proibido
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de fidelidade,

amarrações, amarrações de fidelidade, amarrações de fidelidade do marido, amarrações de fidelidade do amante, amarrações de fidelidade do homem, amarrações de fidelidade do noivo, amarrações de fidelidade do namorado, amarrações de fidelidade do esposo,

sapo-negro-bruxas

Não há quem amando não queira ver esse amor retribuído, e não há quem amando não queira que a pessoa amada lhe seja fiel, pois que a pérfida da infidelidade – sempre assim foi e sempre assim será – é algo extremamente doloroso.

Por isso:

Estas amarrações de fidelidade podem ser usadas para a esposa que quer garantir a fidelidade do seu esposo, como também podem beneficiar a mulher que amando um homem casado então quer garantir que esse homem não tem qualquer relação sexual com a sua esposa, como também pode ser útil á mulher que se sente ameaçada pelos ciúmes, como também pode garantir que um noivo ou namorado permanecem fieis á mulher.

Cuidai que estamos a lidar com magia negra, e por isso deve-se usar destas bruxarias apenas quando se tem a certeza daquilo que se quer, pois que os efeitos destas amarrações são fortes, e podem levar um homem á loucura se não for a bruxaria bem executada, ou se for executada em assuntos levianos.

Como são feitas as amarrações de fidelidade

As amarrações de fidelidade, devem ser celebradas junto a um pântano de água paradas, em local ermo e isolado. Nestas amarrações deve-se proceder conforme manda a obra de são Cipriano, pois que ali está escrito:

Pode-se mandar os espíritos tentar qualquer pessoa de quem desejamos qualquer coisa (…) é preciso que se note que não pode ir com o conjurador mais que duas pessoas; e não se pode fazer esta conjuração senão de noite das onze horas ate ás duas horas , e em lugares solitários.. Além disso, o conjurador deverá ir vestido de preto e nenhum dos circunstantes deverá levar sinais sagrados

Grande conjuração de magia negra,  Pag 331-332

pactos

Pois assim se sabe:

Muitos são os ocultos detalhes e segredos da magia negra, e por isso não deve o desconhecedor da complexidade destes ensinamentos ir meter-se a mexer em obra que desconhece, mas sim deve procura a bruxo conhecedor e experiente.

Assim sendo:

Entre as horas indicadas por são Cipriano, deve a amarração ser celebrada numa noite de lua cheia, junto a esse pântano perdido em local ermo e solitário.

Na feitura destas amarrações, deve-se aguardar pelo momento em que o pântano – sob o luar de lua cheia –  permite ver nevoas, fumos e neblinas que saem esfumaçando das águas paradas e ascendem ao céu noturno, pois é nesse momento que os espíritos do local estão a manifestar-se, e esse é o momento propicio á feitura destas amarrações.

Nas amarrações para fidelidade, deve-se usar-se de uma vela negra com a forma dos genitais masculinos.

Nas amarrações para fidelidade, a vela deve ser feita de gordura animal de animal negro sacrificado ás artes da magia negra numa lua cheia, e ungida com unguento de bruxas, que é um unguento oculto preparado nos sabbat das bruxas.

Nas amarrações para fidelidade, a vela de genitais masculinos é colocada no centro de pentagrama riscado no sangue da ave negra acabada e oferendar, sendo que o pentagrama deve estar traçado na margem lamacenta do pântano..

Porque usar ave negra?

Porque assim se pode ler na obra de são Cipriano:

o grande Lúcifer apareceu-lhe (…) na ocasião em que tinha imolado uma galinha preta

Obra de são Cipriano, versando sobre «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo», capítulo 8º, Pag 261

bruxaria - feitiçaria - magia

Pois assim se sabe:

A oferenda de ave negra é um convite poderoso á invocação de espíritos poderosos, e isso o ensinou a sabedoria oculta de são Cipriano.

Por isso, assim se deve proceder:

Nas amarrações para fidelidade, deve-se derramar o sangue fresco da ave negra sobre os genitais, sendo a ave oferendada naquele momento com faca de prata

Nas amarrações para fidelidade, deve-se alfinetar os genitais com 5 agulhas vodu de prata

Nas amarrações para fidelidade, deve-se entoar litania oculta de são Cipriano para invocar ás assombrações. O nome da criatura que se pretende embruxar com as amarrações de fidelidade deve ser acrescido á litania infernal, e deve a litania ser entoada aos espíritos e assombrações por 6 vezes.

Nas amarrações para fidelidade, no final a vela é afogada no pântano de águas estagnadas, e conforme a vela ali fica afogada nas águas paradas desse pântano, pois também a vida e o desejo sexual do homem ficará parado e estagnado senão para a mulher que mandou amarrar o homem com as amarrações de fidelidade.

Efeitos das amarrações, amarrações de fidelidade

Conforme aquele genital ali esta perdurado pelas agulhas vodu, também os genitais do homem amarrado sofrerão ardores e dores sempre que o homem desejar outra mulher

Conforme o sangue ali esta derramado sobre o genital, também o sangue do homem apenas ferverá de desejo sexual pela mulher que o mandou amarrar, e porem o seu genital ficará encarquilhado, frouxo e impotente com qualquer outra mulher.

Como resultam as amarrações de fidelidade?

Magia - segredos da magia

As amarrações de fidelidade resultam através do uso de magia negra. A magia negra funciona através do comercio oculto estabelecido entre o bruxo e as entidades espirituais com quem o bruxo estabelece contato. Nesse comercio oculto são feitas oferendas de sangue de gado negro ou de ave negra – assim como de serpente ou sapo – pois o sangue para essas entidades espirituais é como uma «moeda» espiritual, ou seja: através de cerimoniais infernais o bruxo faz o pagamento do serviço em sangue oferendado conforme as leis da magia negra, e em troca desse pagamento as entidades manifestam-se e aceitam a encomenda do pedido do bruxo, e por consequência as assombrações vem a este mundo dos vivos trabalhar da demanda que lhes foi paga.

Por isso – nas amarrações para fidelidade – é necessário um bruxo experiente para saber os termos certos em que esse comercio místico é feito, pois que é comercio selado através de sangue de oferendas negras, e o seus efeitos são poderosos.

Por isso, esta pratica magica pode dar em resultados milagrosos se for bem lidada por um bruxo experiente, como também pode resultar em efeitos negativos e trágicos se for lidada por pessoas leigas e desconhecedoras.

Por isso:

na hora de abordar os espíritos, há que saber que a magia negra deve ser encarada com muito cuidado, sabedoria e prudência.

Por isso:

na hora de recorrer ás amarrações, procure sempre um bruxo profissional e experiente.

As amarrações de magia negra – como as amarrações de fidelidade –  são as mais poderosas, e por isso muita gente tem receio de recorrer as amarrações quando celebradas por magia negra.

E porem, a verdade é esta:

«para grandes males, grandes remédios», ou seja:

um problema impossível de se resolver apenas se resolve com grandes soluções, pois para todo o problema há uma solução, mas sem a solução boa jamais se resolve o problema ruim.

Amarrações?

Amarrações amorosas?

Amarrações de fidelidade?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações de fidelidade, amarrações de fidelidade do marido, amarrações de fidelidade do amante, amarrações de fidelidade do homem, amarrações de fidelidade do noivo, amarrações de fidelidade do namorado, amarrações de fidelidade do esposo,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações com poção magica

caldeirao
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações com poção magica

amarrações, amarrações amorosas, amarrações com poções magicas, poções para amarrações, poção magica para amarrações, poção magica para amarrar amor, poções magicas para amarra mulher, poções magicas para amarrar homem, poções magicas para amarrar amante,

Bruxaria - como funciona a bruxaria

A magia negra é sempre alimentada por um comercio oculto estabelecido entre o bruxo e as entidades espirituais com que o bruxo entra em contato. Por isso, é necessário um bruxo experiente para saber os termos certos em que esse negocio místico é feito, pois quem vai abordar espíritos tem de pensar não apenas nos benefícios que vai colher, mas também deve cuidar de medir muito bem todos os efeitos que serão produzidos com esse acto místico, pois que a magia negra deve ser encarada com muito cuidado, sabedoria e prudência. Por isso: na hora de recorrer as amarrações, procure sempre um bruxo experiente, enão vá você meter as suas próprias mãos no fogo, pois quem não sabe lidar com o fogo acaba queimado. Procure por isso um bruxo profissional e experiente.

As amarrações de magia negra são as mais poderosas, e por isso muita gente tem receio de recorrer as amarrações quando celebradas por magia negra. E porem: para grandes males, grandes remédios. Quer isto dizer: se o seu assunto é grave, então recorra das amarrações de magia negra, pois caso contrario andará a perder o seu tempo com soluções que não solucionam nada.

Como fazer as amarrações com poção magica? 

Bruxaria- Essências, filtros e poções3

As amarrações – amarrações com poções magicas – devem ser celebradas aos pés de uma arvore frondosa, sempre ás 3 da madrugada, e numa  encruzilhada assombrada.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – deve-se usar uma taça de puro ouro, uma faca de ouro puro e 2 alianças de ouro puro . Nessa taça deve-se preparar uma infusão de certas ervas pesadas á razão de 666 gramas por cada doseamento. Deverão ser usadas ervas como rosmarinus officinalis, vanila planifólia, carum carvi, iris florentina, jasminum officinale, achlilleia milefolum, e 6 pétalas de rosa bem vermelha.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – a infusão deve ser feita com água pura e extraída de uma nascente em noite de luar de lua cheia.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – a infusão deve reagir durante 666 minutos.

Assim estando feito, dever-se-á colocar as alianças de ouro dentro da infusão. Nas alianças devem ter sido inscritos os nomes das pessoas que se desejam amarrar, e isso deverá ter sido feito por um ourives perito em artes negras, pois que a gravação desses nomes deve ser feita com o derramamento de sangue de sapo sobre as alianças enquanto que as alianças estão a ser trabalhadas, ao mesmo tempo que se entoam cânticos infernais de chamamento aos demónios.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – logo no mesmo momento em que as alianças são vertidas na infusão, e usando-se da faca de ouro, e bruxo deve fazer um golpe no seu dedo mindinho da mao esquerda, e deve verter 6 gotas do seu próprio sangue na infusão.

A partir do momento em que o sangue do bruxo é vertido na infusão, eis que a infusão se torna numa poção, pois que assume a forma e propriedade místicas de um pacto infernal. No momento em que a infusão se torna em poção, a bruxaria está selada, e o bruxo deve beber a poção.

Pergunta-se: mas é o bruxo que bebe a poção, e não um dos amarrados? Responde-se:

Sim, porque a poção convida á possessão de espíritos, e apenas um bruxo treinado consegue dominar e controlar tais forças. Por isso: dar uma poção destas a um leigo destreinado é algo que jamais se deve fazer.

È o bruxo que bebe a poção, assim como é o bruxo que dá 6 gotas do seu sangue, pois é o bruxo que é a porta através da qual as entidades infernais irão entrar neste mundo, e por isso é a alma e o corpo do bruxo que servem de ponte entre o mundo dos mortos e o mundo dos vivos.

È nesse momento que a bruxaria pode ser particularmente dolorosa para o bruxo, pois o bruxo que está naquela encruzilhada torna-se ele mesmo uma encruzilhada entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos. È através do bruxo que se canalizam os espíritos que vem a este mundo para realizar a amarração entre as duas almas que se pretendem amarrar pelas amarrações, conforme é através do bruxo que as assombrações vem a este mundo para transmitir mensagens de vidência com visões assombrosas.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – depois de beber a poção, o bruxo deve recitar uma ladainha infernal e oculta de amarração, e nesse momento eis que muitas coisas inexplicáveis podem suceder naquele bosque, como o aparecimento inesperado de corvos negros, de cães negros, de serpentes, de larvas, de insetos, ou a manifestações de ventos inexplicáveis, ou o som de uivos, ou a visão de aparições, ou a ocorrência de trovoadas inesperadas, nevoas ou nevoeiro inexplicável, etc. Nesse momento o bruxo deve persistir na sua ladainha infernal, pois que essas manifestações são manifestações das assombrações conjuradas e darem sinal da sua presença junto do bruxo –  incarnadas no corpo do bruxo – para aceitar o serviço encomendado. Se não se tratar de um bruxo experiente, a pessoa que vá mexer com estes fenómenos pode acabar ferida, possuída, ou pior. Por isso: entregue estes assuntos a um bruxo experiente.

No final – e sendo isto repetido por 13 noites – devem as alianças ser sepultadas de baixo das raízes da arvore frondosa que está na encruzilhada onda as amarrações foram celebradas, e ali deverão permanecer sepultadas e ocultas de olhares para sempre.

Os efeitos das amarrações com poções

pactos

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – no momento em que as alianças são vertidas na taça com a infusão e as 6 gotas de sangue do bruxo, está-se a celebrar um casamento espiritual entre aquelas duas pessoas, um casamento eterno e um casamento selado pelos infernais poderes na magia negra.

Nas amarrações – amarrações com poções magicas – note-se que conforme nada irá deteriorar nem fazer envelhecer aquele ouro usado neste ritual, pois também nada irá fazer desgastar nem esmorecer as amarrações assim celebradas, e por isso as pessoas amarradas nestas infernais amarrações estão destinadas a terem os seus caminhos de vida para sempre ligados, entrelaçados e cruzados.

Amarrações?

Amarrações amorosas?

Poções magicas para amarrações?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações amorosas, amarrações com poções magicas, poções para amarrações, poção magica para amarrações, poção magica para amarrar amor, poções magicas para amarra mulher, poções magicas para amarrar homem, poções magicas para amarrar amante,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de Santeria

amarracao5
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de Santeria

Amarrações, amarrações amorosas, amarrações de santeria, fazer amor voltar, trazer amor de volta, amarração de homem, amarração de mulher, amarração de amante, separar casal,

Os santos são adorados em diferentes formas nas mais diversas religiões. Na religião da santeria, os santos são vistos como deidades ou espíritos. Tanto podem ser espíritos de antepassados ancestrais já há muito falecidos, como podem ser espíritos da natureza.

O sacerote que pratica a religião da santeria é chamado de santeiro, e se for uma sacerdotisa será chamada de santeira, tal como nas religiões brasileiras os sacerdotes são pais de santo ou mães de santo, e tal como na religião crista existe o padre.

A religião da santeria é uma religião iniciática, ou seja:

vodu-separar-casal

é uma religião de culto fechado a quem apenas podem aceder aqueles que foram escolhidos e convidados a entrar nos seus terreiros e templos, sendo que os seus sacerdotes devem passar por um processo iniciático de aprendizagem que demora 3 anos e decorre ao longo de 3 níveis de ensinamentos secretos.

A religião da santeria acredita em um único deus, e porem também acredita que esse deus distante e todo-poderoso tem uma serie de entidades que lhe prestam serventia, e que essas entidades ou espíritos controlam diferentes aspectos da natureza.

Também se acredita que esses espíritos e entidades habitam e manifestam-se na natureza,  e estão em todas as coisas da natureza, assim como guiam e controlam diferentes aspectos da vida humana. Essas entidades podem estar presentes no mar, no vento, na montanha, na arvore, no leão, na serpente, da gazela, no pássaro, nas nuvens, nos rios, no mar, no fogo, na chuva, na água, na madeira, no ferro, na pedra, nas estrelas, no sol, na lua,  no céu e na terra, e em todas as coisas da criação.

È a essas entidades que apelam os sacerdotes santeiros, assim como também invocam aos espíritos dos antepassados ancestrais já falecidos – que habitam no mundo dos mortos e dos espíritos – pois que se  acredita que é  através do mundo das aparições e dos mortos que se pode encontrar resposta e solução aos problemas deste mundo dos vivos..

A santeria sendo uma religião fechada atraiu muitos preconceitos e equivocos sobre o fato de que certos animais são oferendados em sacrifício no decorrer de rituais.

Qual o motivo desse tipo de oferendas?

sigilo2

Explicam os santeiros que na crença da religião da senteria o sangue oferendado em rituais é uma forma de «moeda» de troca espiritual entre este mundo dos vivos e o mundo do Àlem, seja:

Entre o mundo dos mortos, ou o mundo dos espíritos.

Ou seja:

Faz-se um negocio com as entidades espirituais, pagando-se ás assombrações com o sangue das oferendas, para que as entidades e aparições – tendo aceite esse negocio – então venham a este mundo e pratiquem as tarefas e os fins para que foram invocados. Muitos acham esta noção algo incomum, e porem a própria religião hebraica prevê a noção de sangue enquanto um elemento de comunicação com Deus e com os espíritos, pois olhai que na Biblia assim está escrito:

Porque a vida está no sangue; pelo que vos tenho dado o sangue para o derramardes sobre o altar, para fazer expiação pelas vossas almas; porquanto é o sangue que fará expiação pela alma.

Levítico 17:11

Pois então:

já na religião hebraica encontra-se a noção de que o sangue é um tributo a Deus e aos espíritos, através do qual – e da sua oferenda num altar de Deus – se alcançam benesses espirituais como a da expiação dos pecados. Como se pode comprovar, a oferenda de sangue está prevista ate na Palavra de Deus – no Antigo Testamento – e não é nada daquilo que as más publicidades lançam sobre a santeria.

mandragora_mulher

Note-se que os santeiros e santeiras são normalmente grande especialistas nos segredos místicos da ervanária, ou seja:

Os santeiros conhecem as propriedades ocultas e esotéricas das plantas, flores e ervas, e usam-nas com frequência na feitura dos seus rituais mágicos como ingredientes da sua magia milenar.

A amarrações, ou as amarrações de amor da santeria podem ser de natureza variada e podem variar de acordo com as diferentes necessidades de diferentes indivíduos.

As amarrações – nas amarrações de santeria –  podem ser usadas ​​para encontrar o amor verdadeiro, para fortalecer um amor, para trazer de volta um amor, para remover obstáculos ou intromissões a um amor, para fazer a pessoa amada assumir um compromisso amoroso, para atrair uma pessoa desejada para fins sexuais, para conquistar um amante, ou até mesmo para separar casais.

Nas amarrações, muitas das vezes o sacerdote santeiro celebra cerimonias em que usa de ervas místicas secretas, defumações, oblações e libações agradáveis aos espíritos de cemitério, sendo que todos esses preparativos são celebrados de forma a atrair alguém a sentimentos de luxuria, de paixão e de sexo. Da mesma forma são feitas oferendas de galo negro e outros tributos agradáveis aos espíritos. Estando os espíritos invocados, eles são canalizados para incorporar e fazer encosto na pessoa amarrada, e dessa pessoa as entidades e aparições não vão sair nem desencostar, e vão todas as noites trabalhar na sua alma, ate que essa pessoa amarrada pelas amarrações se entregue mansamente ao mandante dessas amarrações.

Quer amarrações ?

Escreva-nos!

Amarrações, amarrações amorosas, amarrações de santeria, fazer amor voltar, trazer amor de volta, amarração de homem, amarração de mulher, amarração de amante, separar casal,

 

 

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações pelo poder de Deus

amarração de magia branca2
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações pelo poder de Deus

amarrações, amarrações de alta magia branca, amarrações de Deus, amarrações de são José, amarrações da virgem Maria

amarração de magia branca1

São Cipriano também se valeu do poder celestial da Luz de Deus para iluminar os caminhos do amor e abrir os corações fechados, e fê-lo em inúmeros casos com grande sucesso.

Sobre a ALTA MAGIA BRANCA, assim se pode ler na oba de são Cipriano:

O segredo que eu aprendi sem que, com isso, ofendesse a Deus omnipotente

Obra de são Cipriano, capitulo «Pacto de Salomão», pag 342

Assim se sabe:

são Cipriano também aprendeu as artes da ALTA MAGIA BRANCA, que é magia que recorrendo ao celestial poder de Deus, então não ofende ao Senhor, e são amarrações que seguem conforme todos os cânones e preceitos da Palavra de Deus.

Por isso mesmo, ao ensinar uma certa bruxa sobre o grande segredo que fazia as amarrações de Deus dar resultado, são Cipriano revelou-lhe que o segredo residia no sinal da cruz, assim como na invocação certa ás forças celestiais de Luz, ou seja:

uma invocação de uma milenar e secreta litania orada em Latim no decorrer da hora do sacramento da sagrada comunhão, ( no momento da oferenda do santo vinho e hóstia consagrada),  celebrada em liturgia numa igreja.

Primeiro momento das amarrações, amarrações de Deus

Pois então:

Nestas amarrações eis que assim deve ser feito, ou seja:

No decorrer da eucaristia, eis que no momento da oferenda do santo vinho e hóstia consagrada se deve fazer o sinal da cruz, assim como se deve orar baixinho uma invocação de uma milenar e secreta litania celebrada em Latim, e assim deve ser feito no decorrer da hora do sacramento da sagrada comunhão, celebrada em liturgia numa igreja.

Segundo momento das amarrações, amarrações de Deus

hostia-eucaristia

Isso estando feito – e cuidai apenas pode faze-lo um sacerdote ordenado – eis que se deve ir o sacerdote ajoelhar num santuário consagrado a são José – caso se trate de um homem que se deseja amarrar por amarrações – ou num santuário consagrado á Virgem Maria, Nossa Senhora mãe de Deus – caso se trate de uma mulher que se deseja amarrar com amarrações.

Nesse momento e nessas amarrações, diante do santuário deve ser depositada uma hóstia consagrada e um cálice – feito de madeira de acácia – com vinho santo de eucaristia.

Assim fazendo-se, então eis que nestas amarrações conforme São José cedeu á vontade de Deus e aceitou Maria, também o homem amarrado por estas amarrações aceitará a mulher que o mandou amarrar.

Da mesma forma:

assim fazendo-se nestas amarrações, eis que conforme a Virgem Maria aceitou a vontade de Gabriel – o anjo anunciador – em conceber do seu ventre o Filho de Deus,  pois a mulher amarrada cederá com humildade e entregar-se-á ao homem que a mandou amarrar.

Ao assim fazer-se nestas amarrações, novamente deve ser orada e milenar litania secreta e oculta em latim, e isto deve ser feito em solo santo de igreja ao longo e 12 dias, sempre ao meio-dia.

Note-se que para esta segunda parte da feitura das amarrações deve ser usada uma capela particular e consagrada pela Igreja, pois que tais rituais devem estar ausentes de olhos de estranhos ou curiosos, pois a máxima discrição, respeito, devoção e secretismo devem ser salvaguardados.

Amarrações, como a Palavra de Deus as explica

profetas

Quando se fala de amarrações com recurso ao poder de Deus, qual o fundamento teológico desse ensinamento?

Pois então, olhai que assim está escrito na Palavra de Deus:

«[ Deus] os PRENDE com correntes e os AMARRA com LAÇOS »

Job 36, 8

Deus tem o poder de prender e amarrar uma alma, e a isso mesmo se chama…. «Amarrações», sendo que essa consiste numa intervenção de Deus que visa fazer o coração endurecido, desviado e rebelde, acabar por ceder e vergar-se aos destinos que Deus marcar a uma alma.

Que assim é, eis que atestam as escrituras, onde assim está escrito:

Quando os prende com correntes e os amarra com laços da aflição, é porque Ele só quer denunciar-lhes as acções (…) [ causadas] pelo orgulho. E assim, deus abre-lhes os ouvidos (…) se eles Lhe derem atenção e se submeterem, terminarão os seus dias em prosperidade e os seus anos em bem-estar. Se não obedecerem, atravessarão a fronteira da morte sem dar por isso

Job 36, 8-11

 

magia negra e Balaão

Assim se sabe que Deus pode AMARRAR uma alma em aflições, ate que ela ceda e escute a vontade de Deus. E a isso chama-mse… AMARRAÇOES.

As amarrações usadas através do poder dos santos e de Deus são um procedimento espiritual de ALTA MAGIA BRANCA que é particularmente útil em casos em que a pessoa amada é muito orgulhosa, ou o seu coração está frio e endurecido, ou é uma pessoa volúvel ás influencias de outros sujeitos rivais ou intrometidos, e por esses motivos a pessoa teima em não se entregar a quem a ama de verdade.~

Efeitos destas amarrações

Grande será o sofrimento de quem vê a pessoa amada negar-se a retribuir esse amor, e por isso grande deve ser o remedio aplicado a tal pessoa de coração irredutível.

Pois por isso, olhai que assim está escrito:

Um laço o prende pelo calcanhar e o segura firme. A corda está escondida no chão, e a armadilha no seu caminho.(…) a sua prosperidade transformar-se-á em carestia e a desgraça estará de pé ao seu lado (…) será expulso da luz para as trevas, e exilado

Job 18,10-18

Eis que assim se atesta como Deus pode «amarrar» uma alma, de forma segura e firme, e eis que assim se observa como ficará a alma «amarrada» pela própria mão do Senhor, pois que se vos revela que ela será vítima de armadilha, ela será acompanhada pela desgraça e ela será exilada de toda a felicidade e de todo o bom destino, e assim será ate que essa alma largue de resistir e se entregue a quem Deus decretou, que é o mandande das amarrações.

Eis assim que este é o poder de Deus actuando contra o coração teimoso e desviado, e eis que isto vos é revelado na Palavra das escrituras, e eis assim que clamar a Deus conforme a sua palavra não constitui pecado, mas antes e apenas é apelar ao cumprimento de todo o poder de Deus conforme revelado na sua Palavra, e em defesa do coração sofredor.

Assim e por estas amarrações, a pessoa que se recusa  entregar será em espirito o no seu espirito exilada da felicidade e da Luz de Deus ate que se canse de andar nesse purgatório, e vá com humildade entregar-se a quem destas amarrações recorreu.

Quer amarrações?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações de alta magia branca, amarrações de Deus, amarrações de são José, amarrações da virgem Maria

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações infalíveis, amarrações para todos os fins,

lua-cheia3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações infalíveis, amarrações para todos os fins,

amarrações, amarrações infalíveis, amarrações para todos os fins,

magia de sangue4

A magia negra evoca duas emoções contraditórias em todos nós. Por um lado, sentimo-nos atraídos pelo seu poder e facilidade em abrir caminhos aos nossos desejos mais urgentes, ao passo que ao mesmo tempo pressentimos que estamos a lidar com um universo de trevas e poderoso que pode ser perigoso de se usar.

Por isso:

quando desejar uma bruxaria de magia negra, contrate um profissional sabedor e experiente, a fim de conseguir colher os resultados que deseja, sem porem se expor aos perigos com que apenas um bruxo treinado sabe lidar.

Viver num mundo de infelicidade não é vida para ninguem, e por isso fazer com que – através da magia negra –  o mundo seja um pouco mais perfeito para si, (e fazer com que os seus mais impossíveis desejos aconteçam através do uso da magia negra), isso é algo que está ao alcance da sua mão, bastando para isso consultar-nos.

Porem, a questão que se coloca é:

As amarrações funcionam mesmo?

Razões para experimentar e usar as amarrações

Na maioria das vezes a magia negra é usada para o amor. Foi dito que “o amor faz o mundo girar”, e que a “a vida sem amor não é vida”, e toda a gente sabe que isso é verdade.

Por isso, as amarrações são poderosos instrumentos de magia negra para abrir as portas do amor.

Você pergunta:

mas as amarrações funcionam?

Responde-se:

basta você abrir os seus olhos, para ver que funciona.

Quantas vezes já não se assistiu a um casal que se separa sem motivo aparente, e um deles logo acaba inesperadamente caído nos braços de outra pessoa?, Quantas vezes já se viu um casal antes separado voltar a reatar quando todas as pessoas diziam que isso era impossível?, Quantas vezes já se viu uma pessoa que era rejeitada outra, de um momento para o outro ser acolhida e amada por quem antes a rejeitava? Quantas vezes você já ouviu comentar: «ele antes não podia ver aquela mulher á frente, e agora anda lá nas mãos dela que nem um cachorrinho?», Quantas vezes você já ouviu comentar: «quem diria que esses dois se iam reconciliar? quando antes andavam sempre brigando que nem cão e gato?», Quantas vezes você já ouviu comentar:  « ele era um homem mulherengo, traiu a mulher, gastava o dinheiro todo com amantes, e agora anda ali mansinho que nem o cordeirinho nas mãos da mulher. Mudou da água para o vinho. Como é possível?», Quantas vezes você já ouviu comentar: « ela jurou que nunca mais queria nada com ele, e agora sem explicação nenhuma, ela anda lá a derreter-se de amores e só tem olhos para ele?» , Quantas vezes você já ouviu comentar: «lembra do ex que ela teve?, e que ele jurou nunca mais voltar para ela?, Pois bem: eles estão juntos de novo e andam por aí felizes como nunca! Como é que isso é possível?» Quantas vezes você já ouviu comentar:« desde que aquela outra fulana apareceu, ele parece que anda embruxado. Largou a mulher, largou a família, largou os filhos, e anda lá a babar-se pela outra. Nem parece ser o mesmo homem»

Pois então:

Esses são apenas alguns exemplos de situações que você – ou pessoas suas amigas ou ate familiares – já testemunharam, e tudo isso são fruto de amarrações, de amarrações de magia negra que foram encomendadas a bruxos profissionais, e que depois resultam nessas estórias que as pessoas tanto comentam, e não entendem como é que aconteceu.

Se você observar atentamente á sua volta, vai ver uma tonelada de exemplos destes que parecem acontecer inexplicavelmente.

Pois bem: neste mundo não há «coincidências», e o FACTO é que você tem aí – diante dos seus olhos – prova provada que as amarrações funcionam.

Amarrações. Uma variedade de amarrações.

bruxo-sao-cipriano

Antes demais um aviso:

Nas amarrações – especialmente amarrações de magia negra – as instruções das amarrações devem ser seguidas com o maior rigor, pois que se está a lidar com poderosas forças das trevas, e isso é como lidar com um explosivo poderoso, ou seja: essa amarrações devem ser manuseadas delicadamente,e essas amarraçoes devem ser lidadas prudentemente, com cautela, e sempre com o maior rigor pelas instruções das amarrações, para que o feitiço não se vire contra o feiticeiro e quem encomendou as amarrações ao feiticeiro.

Isto explicado:

Existe uma vasta gama e seleção de amarrações que parece cobrir quase todos os cenários que envolvem amor e atração.

Nalguns casos, há amarrações ás quais se podem juntar bruxarias para invocar dinheiro e sucesso na vida, pois que ninguém consegue ser feliz no amor e depois ter todos os demais campos da sua vida estagnados e na miséria.

Seja qual for a preferência, aqui estão as 11 mais populares amarrações:

1

Amarrações, amarrações de amor

Estas amarrações são feitas com recurso a fotos das pessoas que se desejam amarrar com amarrações, ou então aos dados pessoais das pessoas que se desejam amarrar pelas amarrações, e visam atrair os sentimentos amorosos da pessoa amarrada pelas amarrações. È como usar do vento para fazer mover um moinho, ou seja: conforme o vento que é invisível faz mover um moinho, pois – igualmente – o espirito que também é invisível fará mover a aura sentimental de uma pessoa em direção a quem pediu as amarrações, fazendo assim com que o sentimento amoroso se intensifique e unindo duas pessoas pelos laços do amor.

2

Amarrações para fazer a pessoa ser bela aos olhos da pessoa amarrada

– Quem já não ouviu dizer que «o feio torna-se belo aos olhos de quem ama»? Pois bem: estas amarrações fazem a mandante das amarrações fica bela e irresistível ao olhos da pessoa amarrada, pelo que a pessoa amarrada por estas amarrações não terá olhos nem desejos por mais ninguém.

3

Amarrações magnetizantes

O magnetismo é uma poderosa força na natureza, uma força a quem ninguém pode escapar mesmo que queira. Pois bem: Estas amarrações funcionam como um imã espiritual poderoso, e por isso pouco importa se a pessoa amarrada por estas amarrações diz não ter sentimentos amorosos por quem a mandou amarrar, que porem estas amarrações farão sempre com que a vida dessas duas pessoas esteja magnetizada, ou seja:

a vida dessas duas pessoas vai sempre andar a ser atraída uma á outra, até que as amarrações provoquem a união inevitável.

4

Amarrações para trazer a sua alma gémea

Todos temos uma alma gémea, e isso é irrefutável. E porem: e se você ainda não se cruzou com a sua alma gémea?, ou se já se tendo cruzado porem as circunstancias da vida não permitiram que esse amor florescesse como deveria? Pois então: ao invés de se ficar a interrogar e a especular – o resto da sua vida –  sobre quem é sua alma gémea, porque não coloca-la diante de si ?, em carne e osso?  Pois nesse caso:  as amarrações – amarrações para a alma gémea – farão aparecer a sua alma gémea, e encontrar felicidade ate ao fim dos seus dias.

5

Amarrações para fazer um romance de reaparecer

Um antigo romance do seu passado pode estar perdido, e porem ele também pode ser recuperado. As amarrações – amarrações para fazer o romance reaparecer – realinham e unem os seus caminhos de vida com os caminhos de vida desse antigo amor, e farão esse amor regressar á sua vida, e farão você reviver e reacender esse romance na sua vida.

 6

Amarrações para trazer o seu Ex de volta

As coisas podem não ter funcionado para você e seu ex – muitas vezes – depois das brigas e do rompimento amoroso, acaba por vir o sentimento de saudade, o sentimento de arrependimento, a consciência que se tomou uma decisão precipitada e impensada, e por isso você quer o seu ex de volta. Pois bem: nesses casos as amarrações – amarrações para trazer o ex de volta – agem como uma esponja que se passa sobre o passado, e que permite um novo inicio nesse relacionamento. Com as amarrações dessa natureza, o ex vai esquecer e por de lado todas as antigas divergências e discórdias, e regressará de coração limpo e novamente preparado para começar o amor novamente. As amarrações neste caso oferecem a oportunidade de uma nova vida.

7

Amarrações para o casamento

Quantas vezes é grande o desejo de casar, e porem a pessoa amada não se decide a dar esse passo, ou então as circunstancias da vida ficam causando impedimentos á concretização desse sonho?

Pois então: as amarrações – amarrações para casamento –  desbloqueiam todo o bloqueio que esteja impedindo esse casamento, e fazem a pessoa amada ter urgência imediata em consumar esse casamento, e fazem a pessoa amada – haja que obstáculos houver – assumir com firmeza essa sua certeza e decisão de casar.

8

Amarrações para a paixão

Por vezes um relacionamento pode até ser bom, e porem – com o passar do tempo – foi-se desgastando e acabou por ficar meio «morno», ou seja: o tempo passa, a rotina instala-se, o casal começa a distanciar-se, e a pessoa amada começar a ficar fria e desinteressada.

Pois então: nesses casos as amarrações – amarrações para a paixão – fazem reacender com fervor o fogo ardente da paixão, e a pessoa amada deixará de andar fria e distante para se transformar numa pessoa apaixonada, com olhos apenas para si

9

Amarrações para paixões proibidas

Por vezes uma pessoa pode ser casada e ate estar satisfeita com o seu casamento, e por isso não ter necessidade nem vontade nenhuma de arruinar a sua vida matrimonial e familiar. Porem: por vezes essa mesma pessoa pode encontrar outra – fora do casamento – que a satisfaz e lhe dá aquela aventura e prazer que você julgava já não poder viver. Pois bem: nesses casos as amarrações – amarrações para paixões proibidas – permitir-lhe-ão viver a sua vida familiar e conjugal normal, ao passo que ao mesmo tempo desfruta dos prazeres e deleites que você tanto deseja dessa outra pessoa fora do casamento, sem que essa situação jamais vá implicar problemas.

10

Amarrações para evitar divórcios

Quantas vezes um casamento não está beira de um divorcio, e com o divorcio vem toda a dor que isso causa? Num divorcio separam-se famílias, os filhos sofrem e ficam traumatizados, e depois disso tudo acaba numa fortuna gasta em advogados e em tribunais, e depois são anos e anos de dor, de disputas, de agonias, de perdas financeiras, de infelicidade e saudade pela memoria dos bons tempos desse casamento agora morto. Em resumo: tudo isso é um verdadeiro pesadelo que deve ser evitado a todo  custo. Pois bem: nessas situações as amarrações – amarrações para evitar divórcios – as amarrações entram e agem  sobre o espirito da pessoa que está teimosamente determinada em romper um relacionamento, e  fazem essa pessoa reconsiderar, repensar, reponderar, e colocar um ponto final nessa sua intenção. Essas amarrações são como um travão que vai parar um veiculo descontrolado, e evitar que ele se vá despistar e cair num abismo. Conforme o travão salva a vida de veículos e pessoas, essas amarrações salvam a vida de relacionamentos e famílias.

11

Amarrações para afastar rivais

Quem já não ouviu a expressão: «um é pouco, dois é bom, mas três é demais»? Assim sendo, significa isto: «apenas um é solidão, dois é amor, e três é porque há alguém a mais se intrometendo e atrapalhando!»

Pois então: Quantas vezes um relacionamento não acaba por passar por maus momentos devido á intromissão de uma terceira pessoa que é uma pessoa rival ? seja uma ex, seja uma amante, seja uma sogra, ou seja alguém interessado na pessoa que você ama, o facto é que ter um rival constantemente causando problemas e discórdias num casal, isso é um tormento que a seu tempo acaba por desgastar um relacionamento. Os ciúmes acabam por causar discórdias, as desavenças são constantes, e a vida começa a tornar-se num inferno. Ou seja: com o tempo, a influencia externa dessa pessoa rival começa a afastar a pessoa amada. Nesses casos a pessoa rival acaba por destabilizar os afetos e os desejos de quem se ama, e acaba por manipular e intrometer-se num relacionamento. Pois bem: nesses casos as amarrações – amarrações para afastar rivais – fazem a pessoa amada recentrar o foco dos seus sentimentos em quem a ama, ao mesmo tempo que expulsam a pessoa rival para fora da vida desse casal. Nestes casos há que cortar o mal pela raiz com urgência e rapidamente, para que essa raiz podre que se meteu entre um casal não vá fazer apodrecer o relacionamento. Nesse caso as amarrações são como arrancar uma erva daninha, ou seja: arranca-se essa erva ruim para que ela não acabe por infestar e fazer morrer todo um belo jardim.

Quer amarrações?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações infalíveis, amarrações para todos os fins,

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Budismo, religião não-teísta, magia na China e no Japão,

buda3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Budismo, religião não-teísta, magia na China e no Japão,

budismo, religião não-teísta, magia na China e no Japão, amarrações,

buda1

Os princípios religiosos do budismo não-teísta

O budismo não teísta é uma religião profundamente marcada pela crença nos espíritos ancestrais e nas energias vitais do universo.

O Não-Teísmo é uma conceção religiosa que não professa a existência de deidades, ou seja: nem de um Deus, nem de deuses.

O não-teísmo tende a crer – isso sim – nos espíritos, no mundo dos espíritos, especialmente nos espíritos dos nossos antepassados, que devem ser relembrados, venerados e reverenciados.

No budismo e Não-Teísmo, o culto aos espíritos ancestrais é assim usado para diversos fins: pedir proteção, pedir por saúde, pedir orientação, pedir por prosperidade, pedir por sabedoria para nos guiar nos momentos difíceis, pedir bênçãos e abertura dos nossos caminhos.

No budismo e Não-Teísmo, os espíritos ancestrais são espíritos evoluídos e já iluminados que – já tendo desencarnado deste mundo – habitam na esfera celestial do mundo dos espíritos. Esses espíritos são como guardiões daqueles que agora ainda vivem encarnados neste mundo dos vivos.

No budismo e Não-Teísmo, acredita-se também nas energias espirituais que habitam na natureza e no universo. Essas energias espirituais fluem por todo o universo, estão impregnadas em toda a natureza á nossa volta, e estão presentes em todas as coisas da natureza que nos rodeiam, unindo o cosmos e unificando a existência.

Essa energia pode manifestar-se numa abelha, numa montanha, numa arvore, numa erva, numa raposa, num lobo, num tubarão, numa águia, na água, no vento, no ar, no metal, na terra, nas sementes, nos frutos, nas nuvens, .na chuva e no vulcão.

Essa energia está em tudo, e em tudo se pode manifestar.

Essa energia escolhe manifestar-se em formas diferentes e por meios diferentes conforme a mensagem ou o desígnio que queira transmitir aos humanos.

Essa energia jamais deve cair em desarmonia, pois que isso significa a enfermidade e a moléstia da existência, ao passo que sendo respeitada e mantendo-se em harmonia, ela perpetuará a vida e a harmonia do universo.

No budismo e Não-Teísmo, acredita-se também Reencarnação.

«Incarnar» é o processo através do qual o espirito vem habitar um corpo físico neste mundo e assim o espirito dá vida á carne, ao passo que «desencarnar» é o processo através do qual o corpo físico deste mundo morre no momento o espirito abandona esse mesmo corpo, e parte para o mundo dos espíritos. Para alem disso, crê-se na «reencarnação».

Prova da existência do espirito conforme o budismo não-teísta 

budaincenso2

Primeiro:

veja a prova que comprova a existência do espirito, e a prova é:

se existe luz é porque também existe trevas, se existe calor é porque também existe frio, se existe positivo é porque também existe negativo, se existe vida então também morte, e logo – por consequência e analogia –  se existe corpo então também existe espirito, e isso é irrefutável.

 A reencarnação e o carma no budismo não-teísta 

Ora, no budismo e Não-Teísmo, acredita-se que o espirito uma vez desencarnado regressa ao mundo dos espíritos, para depois regressar ciclicamente a este mundo e incarnar noutro corpo, sendo que isso constitui o que se chama o ciclo da vida e do espirito, que é um ciclo análogo ao ciclo da água.

Repare:

A agua existe no mar e nos rios de forma palpável, e porem ela depois ascende aos céus já na forma de vapor invisível e ventos, para depois voltar a cair sobre a terra novamente na forma física de água da chuva, e  esse ciclo da água perpetua-se gerando vida na terra.

Pois o mesmo sucede com na reencarnação:

o espirito habita neste corpo de forma palpável, para depois o corpo morrer e o espirito ascender ao mundo do espirito, e depois esse mesmo espirito regressar novamente a este mundo físico numa forma física, reencarnando noutro corpo, e assim se perpetuando o ciclo da vida do espirito, tal conforme se perpetua o ciclo da água.

Este ciclo espiritual perpetuar-se-á até que o espirito atinja a perfeição, pois nesse caso ele cessará de volver a este mundo carnal, e ascenderá á condição de um espirito ancestral e de Luz. O processo da reencarnação tem por missão o aperfeiçoamento da alma, assim como a limpeza do carma. No budismo o conceito de carma está ligado ás intenções que motivam as nossas acçoes, ou seja: boas intenções levam a boas acçoes, más intenções levam a más acçoes, e intenções neutras levam a ficarmos parados sem nada fazer. Seja como for, no Budismo não existe a noção de um destino pré-determinado por um Deus, mas sim somos nós mesmos que edificamos o nosso destino conforme as nossas intenções e acçoes.

Ora, o objectivo da reencarnação é limpar as más intenções já vividas e praticadas em vidas passadas, para que anulando-se esse peso das amarras que nos prendem a este mundo, então nos libertemos e possamos ascender á plena vida celestial, na qual já não somos mais forçados a regressar a este mundo. Este mundo é um mundo temporal, um mundo passageiro, um mundo imperfeito, um mundo onde tudo aquilo que vive acaba por morrer, um mundo onde há doenças, sofrimentos e padecimentos. Já o mundo celestial dos espíritos é um mundo perfeito, um mundo de luz, um mundo eterno, um mundo de paz e harmonia, um mundo etéreo, intangível, e invisível que é intemporal, que não conhece a corrupção nem o mal, um mundo de beleza e de amor. O objectivo do espirito humano é – através da reencarnação – eliminar o que há de negativo em nós, até nos tornar puros e assim ascendermos a essa mundo celestial.

Já houveram vários e espantosos relatos ocorridos na china e na índia – casos raros – de crianças que vieram a este mundo com total memoria sobre a sua vida passada, sendo que estudiosos e cientistas foram confirmar a veracidade dessas afirmações, descobrindo que noutro local qualquer do planeta realmente existiu uma pessoa com aquele nome e que teve aquela vida, coisa que é impossível de explicar á luz da ciência, pois que aquelas crianças nunca tinham saído das suas aldeias nem tinham como saber daqueles detalhes íntimos da vida de outrem.

Por isso, e em resumo:

quando você se faz aquela pergunta: « mas ao recorrer da magia não irei depois sofrer com mau-carma?», então a resposta –  conforme o budismo não-teísta – é:

tudo depende das suas intenções.

Se você recorre da magia com boas intenções para si e para os outros, então isso jamais levará a algo mau para si, pois semente de boa origem dá sempre origem a bom fruto; se porem você recorre de magia com más intenções  e por pura maldade, então isso levará a consequências más para si, pois de semente podre e o azeda jamais floresceu fruto doce.

Por isso:

ao recorrer da magia faça-o com intenções boas e positivas para si e para os outros, que então receberá bom-carma;  e porem não recorreis da magia com intenções prejudiciais nem más para ninguém, pois que dai colhereis mau-carma.

Logo:

È no seu próprio coração que está a chave para essa pergunta cármica que muitos se colocam.

Origem da vida no budismo e não-teísmo 

Esta filosofia budista e não-teísta também acredita que o mecanismo que faz mover e existir universo consiste no fenómeno que em filosofia se denomina enquanto a «dialética entre opostos», ou seja: em toda a existência, sempre que algo existe então também existe sempre o seu oposto, senão vejamos:

buda2

No budismo e Não-Teísmo, observa-se que se existe luz é porque também existe trevas, se existe calor é porque também existe frio, se existe vida então também morte, se existe corpo então também existe espirito, se existe positivo é porque também existe negativo – e é da dialética entre opostos» ou da interação entre os opostos que nasce a vida e a evolução da existência.

Por exemplo:

A vida não seria possível na terra se só existisse dia e sol, pois sem a noite e o luar que faz mover as marés, não haveria por consequência toda a dinâmica geo-hidografica que faz o nosso planeta poder ter sido um berço para a vida. Mas por outro lado, o nosso planeta também não seria o berço da vida se só existisse noite e não existisse dia, porque sem o sol não haveriam plactons nem plantas que são os pilares de toda pirâmide de seres vivos e da vida.

Por isso assim se vê:

No budismo e Não-Teísmo, compreende-se que é a interação entre opostos que nasce a vida e a evolução de tudo o que existe, tal conforme é preciso um átomo positivo e outro negativo para que os átomos tenham dinâmica e formem a energia e matéria que nos rodeia.

Magia branca e magia negra no Budismo e não-teísmo 

Por tudo isso:

Na filosofia religiosa no Não-Teísmo, acredita-se que se´verdade que existem espíritos evoluídos e celestiais, por outro lado também é verdade que existem outro tipo de espíritos, que são aquilo a que no ocidente se chamam de assombrações, de demónios, de fantasmas, de aparições.

Esses são espíritos que teimaram em – depois da morte do corpo, e de desencarnarem do corpo – não prosseguir rumo ás esferas celestiais, mas sim escolheram fincar-se e permanecer ligados á terra ou a este mundo dos vivos – o nosso mundo dos espíritos ainda incarnados – e são esses são as trevas habitando neste mundo, por oposição á luz celestial dos espíritos ancestrais habitando no mundo superior da luz.

Na cultura japonesa há imensos exemplos de mitos sobre tais tipos de espíritos de trevas desencarnados, sendo que alguns acabaram sendo retratados em filme. A lenda japonesa de Kayak, que inspirou o filme de terror The Grudg, assim como a lenda japonesa de Okiku que inspirou o filme terror Ringu – the Ring. Todas essas lendas japonesas falam sobre um espirito maléfico que depois da sua morte ficou habitando nas trevas deste mundo físico, assombrando e amaldiçoando aqueles quem com esses espíritos se cruzaram, e causando horríveis aparições. Pois na filosofia budista e não-teísta existem também descrições sobre tais formas de assombrações e espíritos de trevas.

È tendo em conta estas realidades que nas filosofias religiosas budistas e não-teístas se pratica a magia branca e a magia negra, ou seja:

recorrendo dos espíritos dos ancestrais de luz para a magia branca, e recorrendo dos espíritos desencarnados de trevas para a magia negra.

A magia do Não-Teísmo e Budismo

O livro tibetano de feitiços

Smoking prayer sticks in copper urns. Thien Hau Pagoda, Ho Chi Minh, Vietnam.

No budismo e Não-Teísmo, os monges podem fazer magia? Eles deveriam praticar magia?

Muitas vezes, imaginamos os monges (ou pelo menos o ideal do monge) na configuração do mosteiro, quer buscando iluminação através do estudo e meditação, ou realizando nos assuntos do mosteiro.

Mas, e a magia?

Bem, parece que durante a maior parte da história do budismo a resposta para a primeira pergunta foi sim, e a segunda, geralmente, porque não?

De fato, o cânon budista contém feitiços suficientes para rivalizar com qualquer outra filosofia esotérica.

Não nos esqueçamos que o budismo tibetano foi profundamente influenciado pelas milenares tradições historias, religiosas e antropologias do xamanismo, cujas as raízes mergulham no profundidade dos milénios, sendo que tradição espiritual do Xama existiu naquela cultura desde o inicio dos tempos.

budacha

Por isso mesmo, os monges indianos, chineses e japoneses têm poções e feitiços, assim como falam da existência demônios exorcizados.

Há uma história sobre Bodhiruci – um monge indiano que ensinou durante muitos anos na China –  ilustra bem como as tradições de magia Hindu de cruzaram com a magia dos Budistas.

Uma vez, quando um monge chinês viu Bodhiruci lançando um feitiço para fazer a água entrar em fervura espontânea, o monge começou a prestar homenagem especial a ele. Mas Bodhiruci parou o monge e explicou que todos os monges indianos aprendem essas habilidades.

E não pensemos que isso se aplica apenas ao budismo tântrico.

Os feitiços já eram lançados pelos budistas muito antes dos tantras aparecerem.

Na verdade, a recitação de versos contra doenças ou espíritos malignos retorna ao começo do budismo.

Os mantras são encontrados nos textos da seita Sarvāstivadin e nos textos paritta dos Theravadins.

E não há nada misterioso sobre isso.

Os monges budistas tradicionalmente viveram separados, cada um percorrendo o seu caminho e indo de encontro aos aldeões de cada povoado que encontravam nas suas peregrinações.

Ora,  as pessoas comuns voltaram-se para os monges para os ajudar com suas necessidades diárias, sejam graves calamidades como a doença, ou as complicações do parto, ou exorcismos devido á possessão espiritual d demónios.

Nisso, os monges budistas enfrentaram a concorrência dos brâmanes na Índia, dos Bön e Shen no Tibete, e dos Daoistas na China.

Todos eles tinham suas técnicas de magia, para que os budistas ganhassem os corações e as mentes das pessoas comuns, então os budistas também precisariam de feitiços.

Os feitiços do budismo não-teísta 

Os feitiços são escritos para ser usados, é claro, por isso é interessante olhar para um livro real de feitiços que era de propriedade de um monge budista – um dos nossos manuscritos Dunhuang do século IX ou X.

O livro tem uma qualidade artesanal de grande beleza rustica; E então, o que está nesse livro budista?

Feitiços, feitiços e mais feitiços.

Os feitiços budistas são lançados para as seguintes finalidades:

 

Para você receber de um espirito guia uma visão ou sonho profético que responda uma duvida que o atormenta

Para fazer demónios obedecer e dominar assombrações e aparições

Para pacificar pessoas malignas que fazem mal a outras

Para alterar as condições climatéricas

Para ajudar nas colheitas, proteger o gado, ou favorecer negócios,

Para encontrar um tesouro

Para curar uma doença

Para curar uma doença grave até o ponto de morte

Para curar uma doença com origem numa possessão espiritual maligna

Para a fertilidade da mulher, assim como ajudar no parto

Para proteger um lar e abençoar uma família

Para cortar maldições

Para evitar ser mordido por animais selvagens

Para dividir dois amantes

Para reconciliar dois amigos

Para amarrações

Quer verdadeiros feitiços?

Quer amarrações?

Escreva-nos!

budismo, religião não-teísta, magia na China e no Japão, amarrações,

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, como funcionam as amarrações, o que são amarrações,

vodu-3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, como funcionam as amarrações, o que são amarrações,

amarrações, como funcionam as amarrações, o que são amarrações,

bruxaria3

Magia negra – um dos ramos mais misteriosos e poderosos da bruxaria – ; é incrível a influência que exerce quando se trata do domínio pessoal, afetivo e amoroso.

As amarrações, na magia negra são bruxarias de amor, e as amarrações são um fator importante da magia negra que não é apenas o mais popular, mas também o mais eficaz.

O uso de bruxarias de amarrações usadas para beneficiar alguém, resolver um problema e trazer a paz á vida de alguém que sofre por amor, é uma ideia muito comum.

A magia negra é uma das forças espirituais mais fortes do universo, e que por isso é foco de atenção desde há milénios até aos dias hoje e, o mais importante:

quando a magia negra é usada em feitiços e bruxarias , a magia negra tem um poder inegável que não só traz resultados, mas também cura.

Existem vários tipos de magias de magia negra, algumas das quais são irreversíveis e permanentes, e obviamente são mais poderosas, e é preciso um profissional experiente para lançar essas bruxarias.

Muitas vezes foi argumentado que lançar um feitiço de amor, sem o conhecimento da pessoa envolvida é bastante errado; mas os bruxos não concordariam. Eles afirmam que as amarrações são as bruxarias mais populares que as pessoas muitas vezes usam através da magia negra e, se usadas corretamente, podem produzir resultados bem-sucedidos, e assim sendo: o que é importa no final do dia? Não que a pessoa infeliz seja feliz? Então concentremo-nos no objectivo que é a felicidade, e não nos meios usados para chegar a essa felicidade, pois ao cliente do bruxo cabe é receber a felicidade, e ao bruxo é que cabe saber sobre os métodos que usa.

Amarrações.

As amarrações também são conhecidas como magias de amor.

Há imensas razões pelas quais as amarrações podem ser solicitadas a um bruxo:

separar-casal

pode ser a insegurança que alguém tem quanto ao seu parceiro amoroso, pode ser medo de sofrer novamente no amor, pode ser porque o parceiro não assume um compromisso serio, pode ser por ter existido – ou existir – uma traição no casal, pode ser por a pessoa amada ter esfriado os seus sentimentos e estar a afastar-se, pode ser porque um relacionamento está a correr mal devido á intromissão de outras pessoas, pode ser porque é visível que a pessoa amada ficou mais fria, desinteressada ou distante, pode ser porque a pessoa amada optou por um rompimento amoroso e se afastou, etc

Pois em todos esses casos, as amarrações, podem levar ao restabelecimento de um relacionamento e ao afastamento dos impedimentos a esse amor.

Também se deve ter em mente que as amarrações são extremamente eficazes e também podem ser usados ​​também para fins contrários. Pode-se usar-se de amarrações, e usa-las ao contrario ou seja: para criar tensão ou distâncias entre as pessoas, e isso pode ter um tremendo impacto negativo, causando a separação de duas pessoas.

As amarrações, usadas com a ajuda da magia negra são extremamente eficazes; Se usadas corretamente, as amarrações podem causar mudanças imensas no relacionamento de alguém, o que, por sua vez, afeta a vida de alguém.

Às vezes, casais já separados procuram a ajuda das amarraçoes para se reconciliar e, nesses casos, as amarrações podem causar uma profunda mudança de mentalidade e no casal.

Os bruxos que lançam amarrações, eles compreendem e avisam sempre que quando se trata de amarrações, é preciso lidar com paciência e discrição extrema, pois tratam-se de questões delicadas, ou seja:

1- Como se manifestam os efeitos das amarrações?

 lua-cheia2Nas amarrações, não convém que a pessoa mude do dia-para-a-noite e da água-para o vinho de forma inexplicável, pois se isso acontecer vai levantar suspeitas, e a própria pessoa atingida pelas amarrações vai desconfiar que não está naquele relacionamento senão por ter sido embruxado pelas amarrações, assim como as pessoas á sua volta vão suspeitar que algo está errado, e uma bruxaria para dar resultado tem de ser 100% discreta, para parecer que tudo aconteceu de forma natural e insuspeita. Por isso, é permitido á pessoa vitima das amarrações conservar alguma liberdade de fugir, de protestar e de teimar, para que no final tudo pareça que aconteceu naturalmente.

Por outro lado:

A magia opera sempre por caminhos misteriosos e insondáveis, e por isso a série de eventos que ocorre apos as amarrações serem lançadas pode ate parecer ilógica e contraditória aos olhos do ser humano. Porem: os espíritos e as forças do universo agem sempre inesperadamente e por caminhos que não compreendemos, e por isso não nos cabe questionar a magia mas sim ter fé e deixa-la trilhar livremente pelos seus próprios caminhos. Quantas vezes aquilo que no universo parece ser uma horrível catástrofe depois não se torna numa nova fonte de vida e de novos universos? O mesmo se passa com a alma humana, ou seja: quantas vezes uma pessoa não é lançada num mau caminho apenas para lhe fazer provar o amargo do fel, para que depois essa pessoa entenda o quanto doce é o mel.

Muitas das vezes só se de vá valor ao que se perdeu quando já não se tem o que se tinha, e quando já se saiu do bom caminho para se andar sozinho a pisar por maus caminhos, e caminhos de espinhos.

Por isso:

ás vezes diz-se: «mas a pessoa amarrada anda a fazer isto ou aquilo, ou anda afastada, ou não me diz nada, ou parece que anda muito bem».

Responde-se:

primeiro:

uma pessoa pode andar por fora de sorriso escancarado nos lábios e a mostrar os dentes de felicidade, que porém ninguém lhe pode ver o espirito nem ver as agonias e purgatórios que a pessoa anda por dentro a sofrer no seu espirito, pois os espirito não se vê e porem é real. Quem vê caras não vê corações,  e quem vê os dentes não vê a alma, e por isso: as amarrações são processos espirituais que operam no espirito e não dos dentes, e por isso as amarrações são invisíveis mas são reais, tal conforme o vento não se vê mas é real.

segundo:

muitas das vezes é preciso a pessoa amarrada pelas amarrações andar condenado a trilhar afastado e sozinho por maus caminhos, para depois voltar e dar valor aos bons caminhos. È um percurso que a pessoa amarrada pelas amarrações deve percorrer, para no final abrir os olhos e aprender com aquilo que os espíritos lhe mostraram.

2- Como encarar as amarrações para garantir o sucesso das amarrações?

vodu-1

encare as amarrações sempre com serenidade e de coração ao alto, e deixai aos espíritos e ao universo fazer o quem de fazer,  e entregai o assunto nas mãos das amarrações e ide viver a vossa vida em paz, pois que assim se fazendo então a felicidade acaba entrando pela sua vida dentro quando menos se espera e batendo-lhe á porta pelos meios mais imprevisíveis.

Outra coisa:

o pior que se pode fazer em amarrações é estar naquele estado de espirito ruim de dizer: « eu so vou ser feliz quando tiver aquilo», ou andar contanto todos os dias os dias do calendário, ou perder-se constantemente em ansiedades e em impaciências. Tudo isso são estados de espirito negativos e negativistas, e tudo o que é negativo atrai auras e consequencias negativas, ao passo que tudo o que é positivo atrai auras e consequencias positivas.

Por isso:

se você anda sempre nesse estado impaciente, resmungão, rezingão e negativo, você apenas vai atrair energias e consequências negativas para si, e os resultados são desastrosos. Ao contrario, se você andar positivo, leve, feliz e de postura espiritual positiva, você irá atrair energias positivas e uma auras de felicidade e consequências felizes para si.

3- Qual o tempo das amarrações darem resultado?

lua-cheia1

O tempo dos espíritos não é o tempo das impaciências humanas. O tempo do espirito é como o tempo e o oficio do agricultor:

Tanto o espirito como o agricultor sabem que há um tempo para semear, um tempo para cuidar da sementeira, e um tempo para colher.

Ora:

quem não entende isto, jamais colherá fruto algum, pois irá arruinar a sua semente e a sua sementeira ao andar sempre a escavar na terra todos os dias, e a revirar a terra antes da semente ganhar raízes, antes da sementeira florescer e antes do fruto estar pronto, e o fruto apenas floresce e fica pronto no seu tempo, e não no tempo da impaciência. O agricultor que não semear com esta sabedoria acabará sempre sem fruto e com fome, mas o agricultor que respeita esta sabedoria colherá sempre bons frutos e saciará a sua fome.

Sublinhamos:

É preciso ter em mente que as amarrações causam rapidamente a manifestação dos espíritos invocados junto de quem pediu as amarrações, e porem dai em diante as amarrações podem levar algum tempo até chegar ao seu destino final, pois as amarrações funcionam á sua própria velocidade; às vezes, essas amarrações podem levar algum tempo, mas isso não significa que eles são ineficazes, muito pelo contrario. Aquilo que demora o seu tempo é porque está a ser bem trabalhado, porque «depressa e bem não há quem».

Se um bolo deve demorar 1 hora no forno para ficar bem cozido, e porem você com as suas pressas o tirar do forno passado ½ hora, então ireis ficar sem o bolo e com a fome.

È assim em todas as coisas, seja deste mundo dos vivos ou seja no mundo dos mortos, porque o universo é feito de equilíbrios e  harmonias.

O mar move-se em suaves harmoniosas marés através da influencia da Lua, e tudo isso ocorre pacificamente se o equilíbrio se mantiver entre a Lua e a Terra. Se esse equilíbrio se alterar subitamente, podem ocorrer tsunamis, maremotos e catástrofes naturais fatais.

Da mesma forma:

Usar-se de uma força tao poderosa como a magia negra para gerar efeitos apressados, ou demasiadamente rápidos, súbitos e imponderados de uma forma irresponsável, isso poderia desencadear uma onda extremamente negativa para cima de quem pediu o uso dessa magia negra, com efeitos catastróficos.

Assim, quando essas forças da magia negra possuem tanto poder sobrenatural, não se deve pertubar o equilíbrio da existência; È essencial usar de magia negra com ponderação e sabedoria, pois caso contrário essas bruxarias podem desencadear uma aura bastante negativa em torno da vida de de quem encomendou as amarrações.

Na medida que essas magias negras lidam com o alcance da pessoal da vida das pessoas, é preciso ser essencialmente cuidadoso e paciente ao usar-se das amarraçoes, para não arruinar a vida da pessoa com tormentos e fatalidades, da mesma forma que um cirurgião tem de ser cuidadoso e usar de muitas paciência ao fazer uma cirurgia, pois caso contrario acabará por matar uma vida, ou invés de salvar uma vida.

4- As amarrações nos dias hoje: as amarrações podem curar.

lua-cheia3

No mundo contemporâneo, as amarrações não só ajudam aqueles que querem algumas mudanças no seu relacionamento, mas também ajudam as pessoas reencontrar-se, e a revitalizar as suas emoções.

Devido à taxa de sucesso impecável das amarrações, mais e mais pessoas estão-se a voltar para a magia negra, para trazer a felicidade para suas vidas.

As amarraçoes são um lado importante da magia negra, que aumenta a cura dos problemas pessoais; Na sociedade moderna, a paz e a estabilidade são muito desejadas na vida de todos. È cientificamente reconhecido que uma pessoa destabilizada emocionalmente fica com o seu sistema imunológico fragilizado, e mais propensa a todo o tipo de doenças. Assim, pode-se concluir que as amarrações não só lidam com os problemas nas vidas amorosas das pessoas, mas também – as amarraçoes – ajudam a fazer regressar a felicidade e a harmonia espiritual, e por consequência o bem-estar e ate a saúde das pessoas, ajudando em muitas curas.

Como se pode constatar, as amarrações são um assunto serio que mexe com forças poderosas.

Por isso:

use as amarrações apenas em casos sérios, pois as amarrações uma vez lançadas, elas tem efeitos sérios e muito concretos nas vidas das pessoas.

Quer amarrações?

Escreva-nos!

amarrações, como funcionam as amarrações, o que são amarrações,

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria
1 2 3 11