Tag Archives: trabalhos de amarração

Amarração das cinzas sagradas

sapo-negro-bruxas
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarração das cinzas sagradas

simpatias-amorTem sempre acontecido – desde tempos imemoriais – a mulher amar um homem que tem um coração inconstante, ou o homem amar uma mulher que recusa o seu amor, e isso – sempre assim foi, e sempre será – é motivo de grande tormento!, pois não há quem ame que não queira ser correspondido nesse amor, e não há quem ame que goste de ver a pessoa amada rejeitando, ou mudando de sentimentos!

Pois então:

Para enfrentar o tormento de ver a pessoa amada mudar de sentimentos e afastar-se, são Cipriano criou as grandes formulas de feitiçaria de amarrações, pois que olhe:

são Cipriano cuidava dos males do espirito conforme os médicos cuidam do mal do corpo!, e o santo bem sabia que tão importantes são os remédios do corpo como os remédios do espirito que ele se dedicou a estudar ao longo da sua vida e peregrinações !, pois a verdade é que uma vida sem saúde não é bom, e porem uma vida sem amor pode ser ainda pior!

Pois assim sendo:

Quando a pessoa amada tem sentimentos confusos ou decide afastar-se, então eis que são Cipriano formulou este trabalho da amarração das cinzas sagradas, que é um trabalho fundamentado tanto em saberes bíblicos, como nos ocultos saberes Egípcios, Fenícios e Babilónicos que são Cipriano aprendeu durante toda uma vida de estudos do oculto.

Como é feito o trabalho de amarração das cinzas sagradas?

amarracao1No trabalho de amarração das cinzas sagradas, é feito um fogo sagrado que é ardido com óleo sagrado de Israel, e onde são ardidos 6 corações de ave negra. A isso chama-se um holocausto. Um holocausto é um acto de invocação de espíritos, conforme assim está escrito na palavra de Deus:

 E o sacerdote queimará tudo sobre o altar. È um holocausto: oferta queimada de suave odor para Deus

Levítico 1,13

Pois então:

A fogueira ardendo sobre um altar ou solo sagrado é um holocausto, e esse holocausto – ensina Sagrada Escritura – é um acto agradável aos espíritos!, e por isso é um poderoso acto de invocação de espíritos !

Mais assim diz são Cipriano na sua obra:

o grande Lúcifer apareceu-lhe (…) na ocasião em que tinha imolado uma galinha preta

Obra de são Cipriano, versando sobre «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo», capítulo 8º, Pag 261

Pois assim sendo:

A imolação por fogo de oferendas, ( assim o confirma são Cipriano), é um poderoso meio de invocação de espíritos !

Por isso:

Este é um trabalho fundamentado tanto em saberes bíblicos, como nos ocultos saberes Egípcios, Fenícios e Babilónicos que são Cipriano aprendeu durante toda uma vida de estudos do oculto. Assim sendo: é um trabalho para ser lidado com cuidado e apenas em casos sérios!, pois lida com poderosas invocações de espíritos !

Aviso a quem pretende lidar com o trabalho de amarração das cinzas sagradas

Avisa-se:

Não vá praticando este tipo de invocação sem saber os segredos ocultos da sua mestria !!, pois certos ingredientes secretos devem ser usados nesse procedimento de holocausto !!, e apenas sacerdotes treinados podem lidar nesse tipo de procedimento místico !!, pois caso contrario podem os incautos e curiosos acabar sendo possuídos pelas mais terríveis maldiçoes e desgraças, pois não sabem como executar o holocausto da forma certa!, e ainda menos sabem lidar com as entidades que estão invocando !, ou podem acabar conjurando entidades erradas !

Como executar a amarração das cinzas sagradas?

invocacao-espiritosIsto explicado:

Devem ser executados 13 holocaustos ao longo de 13 noites, e nessas 13 noites devem ser oferendados no fogo 6 corações de ave negra por cada noite, assim como 6 porções de óleo sagrado de Israel, e todo o fogo deve ser ardido em madeira de aveleira, e sobre o holocausto devem ser aspergias 6 porções de um oculto pó vodu feito a partir e ossos de defunto misturado com uma formula de ervas secretas.

Pois assim sendo:

Isto deve ser repetido por 13 noites numa floresta sem intromissões de ninguém, e não é fácil faze-lo, pois grande é o segredo que está por detrás desta magia de são Cipriano, e muitos são os mistérios da formula que é necessário fazer arder nesse fogo sagrado, de forma a obter as cinzas certas para este feitiço.

Assim sendo, e por ultimo:

Estando decorrido o prazo de 13 dias e 13 noites de holocautos, então as cinzas desse holocausto são colocadas num saco de seda vermelha, que é consagrado a Maria Padilha, uma entidade que faz grande intervenção e intercedência em assuntos amorosos!, desde que essa entidade – e os espíritos que ela comanda – seja tratada com respeito rigoroso pela pacto que é feito com ela!

O saco e seda vermelha com as cinzas sagradas provindas do holocausto celebrado com óleo sagrado de Israel e muitos outros ocultos ingredientes ardidos nesse fogo, ele será sepultado junto de uma sepultura recente, ( sepultura de um defunto com 7 dias de sepultura), e ali serão oradas litanias ocultas que apenas aqueles que conhecem os mistérios de são Cipriano sabem conjurar!, e assim será feito por 13 dias e 13 noites!

Que efeitos causam os trabalhos de amarração das cinzas sagradas?

Dai em diante – apos o trabalho de amarração das cinzas sagradas estar feito – a pessoa amarrada pode teimar em andar por onde quiser e com quem quiser, e ela pode teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiser, que porem os espíritos, aparições e assombrações estarão sempre em espirito fustigando no espirito dessa pessoa!, e assim será pelo tempo que for necessário – e que os espíritos determinarem – ate que essa pessoa se entregue a quem lhe mandou amarrar.

Nos trabalho de amarração das cinzas sagradas,( conforme em todos os trabalhos que lidam com invocação de espíritos e assombrações), é bem possível que a pessoa amarrada comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que comece tendo pesadelos, que sinta frio ou calor sem explicação, que sinta afrontamentos, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta um peso em cansaço em cima do corpo, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revolta, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que  ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!

Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração do trabalho de amarração das cinzas sagradas.

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, a alma da pessoa amarrada será em espirito fustigada, castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso a pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração das cinzas sagradas – bem que pode andar por aí como se nada fosse, e ela bem que se pode afastar como quiser, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem na criatura – enfeitiçada pelos pelos trabalhos de amarração das cinzas sagradas – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!),  fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e olhe:

assim será sempre que ela vai dormir na solidão da escuridão e da sua cama – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Cuidai:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes – não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada),  jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são invisíveis  e indetetáveis !, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:

Os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está dormindo na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com assombrações e aparições, ( de que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e isso assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se acabe entregando a quem lhe mandou amarrar!

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que – perpetuamente de 7 em 7 noites –  os espíritos ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

amarracao-cartas-tarot-666Os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!

Assim sendo:

Os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.

Cuidai também:

– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:

Sendo os trabalhos de amarração das cinzas sagradas celebrados e concluídos, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago santeiro que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:

manifestações de assombrações, sensações de arrepios, ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou suceder verem-se coisas que se movem sem explicação logica, manifestações de vultos, estranhas brisas de vento, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por sentir estar sendo observada por uma entidade invisível.

Porem, e conforme sempre dizemos:

Isso tudo são manifestações próprias de uma destes trabalhos de amarração das cinzas sagradas, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que  esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas,  por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!

Mais dizemos:

A quem encomenda os trabalhos de amarração das cinzas sagradas, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:

Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então:

Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

Com funcionam os trabalhos de amarração das cinzas sagradas?

Nos trabalho de amarração das cinzas sagradas, conforme as cinzas dos 13 holocaustos ocultos foram colocadas no saco de seda vermelha consagrada a Maria Padilha e sepultadas junto de uma sepultura recente com 7 dias, pois dai em diante espíritos e assombrações desse cemitério – e outros espíritos que também foram invocados durante a conjuração de assombrações que foi feita por 13 noites – ficarão todas as noites, (de cada vez que a criatura amarrada se vai deitar no escuro do seu leito), em espirito assombrando o espirito e a alma da criatura amarrada!, e assim será pelo tempo que for necessário ate essa criatura ceder e se entregar a quem lhe mandou amarrar !!

Por isso:

a criatura amarrada bem que se poderá querer afastar de quem lhe mandou amarrar, que porem em espirito os seus caminhos de vida estarão constrangidos, atados e amarrados!, e por isso de cada vez que essa pessoa insistir em dar passos para longe de quem lhe mandou amarrar, então os espíritos e assombrações manifestar-se-ão na alma dessa criatura, para que ela jamais encontre felicidade que sempre dure na sua vida!, ate que ela desista de se afastar, e se entregue ao mandante da amarração.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das cinzas sagradas, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e pavoneando-se com outra pessoa qualquer, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua casmurrice!, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

Trabalhos de amarração, amarrações amorosas, amarrações, trabalhos de amarração das cinzas sagradas, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarração do sapo negro

amarracao-cartas-tarot-666
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarração do sapo negro

Que sapos e rãs estão associados com praticas de magia, isso já a bíblia o comprova, pois que ali está escrito:

O SENHOR disse ainda a Moisés: «Diz a Aarão que estenda a sua vara sobre os rios, os canais e as lagoas, para que as rãs saiam das águas e cubram a terra do Egipto.»

Aarão estendeu a mão sobre as águas do Egipto e delas saíram rãs que cobriram o país.

Mas os magos fizeram o mesmo com as suas artes mágicas e também fizeram aparecer rãs por todo o Egipto.

Êxodo 8, 1-3

sapo-negro-praga-egiptoPois então:

Tanto Moisés com a sua vara magica fez aparecer rãs e sapos na forma de maldição magica de Deus, como igualmente os magos do Egipto usaram dos seus saberes mágicos para fazer o mesmo.

Então:

Assim se fica sabendo que sapos e rãs estão profundamente associados com maldiçoes ocultas que são lançadas por meios místicos, tal como Moisés e os magos do Egipto fizeram.

Pois assim sendo:

São Cipriano era conhecedor de todas estas artes místicas, e por isso ele deixou a formula adequada de uma poderosa magia de amarração usando-se de um sapo negro, pois que esta é uma maldição de amarração que sendo lançada sobre uma certa criatura, então ira assombrar e perseguir essa criatura conforme as pragas do Egipto perseguiram o faraó do Egipto no tempo de Moisés, ate que essa criatura amarada vá ceder e se entregar aos desejos do mandante da amarração, conforme o faraó do Egipto, ( apesar de por muito  tempo ele muito ter teimado, resistido e insistido em teimar), porem no final esse mesmo faraó do Egipto acabou por ceder e entregar-se á força das maldiçoes que lhe foram lançadas através desses sapos !!

Ainda nos dias de hoje , ( devido a todo este historial místico e bíblico que associam as rãs e os sapos ás mais fortes maldiçoes), certas crenças professam que o sapo é uma criatura imunda, uma criatura do Diabo, significando isso que é portadora de maldiçoes e infestações de espíritos. Pois por isso mesmo, nas magias de são Cipriano o sapo é tantas vezes usado com instrumento e recipiente ou instrumento portador de grande maldiçoes e trabalhos mágicos dos mais fortes!

Para que serve a amarração do sapo negro?

sapo-negro-bruxasPor vezes a pessoa amada é demasiado relutante, tem um coração demasiado hesitante, ou então é uma pessoa volúvel e encontra-se influenciada por outras pessoas, e por isso essa pessoa teima e persiste em não assumir um compromisso serio.

Pois então:

Conforme os médicos procuram remédios do corpo para curar as moléstias do corpo, pois também são Cipriano procurou os remédios do espirito apara ajudar nas moléstias do espirito, pois que ter saúde no corpo sem ter felicidade na alma e no coração, isso não é viver, mas é apenas um tormento!

E por isso eis que são Cipriano deixou o seu grande legado de saberes ocultos, onde ali se pode encontrar esta magica da amarração do sapo, que é uma amarração adequada ás mais desesperadas situações amorosas.

Como é feita a amarração do sapo negro?

bruxadeEvora3Numa sexta-feira á hora das 3 da madrugada vai-se ao bosque, floresta ou mata, levando a cabeça de um sapo negro. Levar-se-á também um pequeno pergaminho virgem. Levar-se-á também um braseiro provido de carvão consagrado de igreja. Às horas das 3 da madrugada escrever-se-á, ( com o próprio sangue extraído do dedo mindinho do mago santeiro que esta praticando esta magia de amarração), o nome das duas pessoas que se desejam amarrar nesse papiro virgem.

Depois disso, colocar-se-á o pequeno pergaminho na boca do sapo negro, e coser-se-á a boca do sapo com linha vermelha.

Quando assim estiver feito, então colocar-se-á o cabeça de sapo negro no braseiro já com as chamas de carvão de igreja ardendo, e entoar-se-á o seguinte encantamento:

Bicho imundo, bicho do Diabo,

pelo poder dos anjos caídos entrego-te estas duas almas para que fiquem amarradas uma na outra,

como amarradas elas estão dentro da tua boca,

e que daqui em diante conforme não poderá a tua boca cosida se mover,

também não poderão essas almas aí encerradas se apartarem nem se afastarem.

Daqui em diante, que, ( nome da pessoa amarrada), se amares a outrem que não a quem te mandou amarrar, então aos espíritos e anjos caídos – a quem consagrei a tua sorte – estarás entregue,

e serás assombrado por aparições e assombrações!,

e sofrerás em espirito e no teu espirito um purgatório de tormentos e padecimentos,

ate que te entregues a ( nome do mandante da amarração).

Bicho imundo, bicho do Diabo,

assim será feito, e levado a cabo.

Assim dito e feito, a cabeça de sapo negro deve arder nesse holocausto ardido no braseiro com as chamas de carvão de igreja fumegando, e assim deverá ser ate a cabeça de sapo negro com a boca cosida ser reduzida a restos e cinzas.

Assim estando feito, essas cinzas e restos devem ser sepultadas em cemitério, junto de uma sepultura de defunto recentemente sepultado há 7 dias.

Tudo isto deve ser repetido por 13 noites consecutivas, sendo que a cada uma das 13 noites deverá ser enterrado –  no cemitério –  o pó de cabeça e restos de sapo negro com a boca cosida, sempre em redor da mesma sepultura de defunto recentemente sepultado há 7 dias.

 

Com funciona a amarração do sapo negro?

espiritosConforme as 13 doses de pó de cabeça de sapo negro cuja a boca foi cosida com linha vermelha, ( e tendo o pergaminho dentro da boca do sapo com os nomes das pessoas que se querem amarrar), forem 13 vezes sepultadas junto da sepultura de um defunto recentemente sepultado, pois espíritos, assombrações e aparições serão conjurados e invocados para virem a este mundo e empreenderem nessa demanda de amarração amorosa. Pois dai em diante, os espíritos infestarão em espirito a alma da criatura amarrada, e ali persistirão assombrando essa criatura por todas as vezes em que ela á noite for dormir lá na penumbra do seu leito, e assim será noite apos noite ate que o espirito dessa criatura se farte de padecer, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar.

Pois assim se diz:

Conforme o papiro com os nomes das pessoas amarradas – escritas a sangue do mago santeiro –  jamais vai voltar a sair da boca daquele sapo negro que foi cosida com linha vermelha, pois também a criatura amarrada jamais se livrará desta amarração amorosa do sapo negro!, e por isso este é um tipo de trabalho especialmente eficaz quando se receia que uma amarração pode ser desfeita ou contrariada por outros feitiços!, pois que contra os feitiços de são Cipriano não há quem os possa vencer !

 

Efeitos que ocorrem apos a amarração do sapo negro

amarração de magia negra3Na amarração do sapo negro,( como em qualquer forte trabalho de Santeria),  é bem possível que:

a pessoa amarrada comece tendo pesadelos, que comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta afrontamentos, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que sinta um peso e cansaço em cima do corpo, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revoltada, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que  ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança apenas junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!

Por isso, vamos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, será todas as noites, ( e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante da amarração do sapo negro.

Assim sendo:

Na amarração do sapo negro, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso:

a pessoa – enfeitiçada pela amarração do sapo negro – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:

Na criatura – enfeitiçada pela amarração do sapo negro – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Na amarração do sapo negro, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( sem parar, e pelo tempo que for necessário!),  fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e assim será sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Veja-se:

Na amarração do sapo negro,( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Por isso:

Na amarração do sapo negro, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes – porem não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada),  jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Assim sendo:

Na amarração do sapo negro, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!

Pois por isso:

A amarração do sapo negro, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), age durante a noite, (sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim sendo:

Isso ocorrerá perpetuamente todas as noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:

Na amarração do sapo negro, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que os espíritos – perpetuamente e noites apos noites –  ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa!

E assim sendo:

embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem , ( nos fortes trabalhos de Santeria), a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração!

Por isso:

Na amarração do sapo negro, demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

 

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

Bruxaria - como funciona a bruxariaA amarração do sapo negro, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!

Por isso, repetimos aquilo que sempre ensinamos, ou seja:

A amarração do sapo negro, ( como todos os fortes trabalhos de Santeria), sendo manipulada da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então poderá infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões espirituais de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.

Cuidai também que – conforme sempre dizemos – então vamos repetir:

A quem encomenda a amarração do sapo negro, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:

Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então:

Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o oposto da certeza, e a descrença é o oposto da crença, e por isso a duvida e a descrença são o veneno da crença e da fé, pois que olhai:

quem tendo visto os espíritos manifestarem-se diante dos seus olhos, então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e com crença deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

 

Que efeitos causam a amarração do sapo negro?

355Na amarração do sapo negro, conforme as 13 doses de pó de cabeça de sapo negro cuja a boca foi cosida com linha vermelha, ( e tendo o pergaminho dentro da boca do sapo com os nomes das pessoas que se querem amarrar), forem 13 vezes sepultadas junto da sepultura de um defunto recentemente sepultado, pois então:

Dai em diante os espíritos, assombrações e aparições serão conjurados e invocados para virem a este mundo e empreenderem nessa demanda de amarração amorosa.

Pois dai em diante, os espíritos infestarão em espirito a alma da criatura amarrada, e ali persistirão assombrando essa criatura por todas as vezes em que ela á noite for dormir lá na penumbra do seu leito, e assim será noite apos noite ate que o espirito dessa criatura se farte de padecer, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar.

Pois assim se diz:

Conforme o papiro com os nomes das pessoas amarradas – escritas a sangue do mago santeiro –  jamais vai voltar a sair da boca daquele sapo negro que foi cosida com linha vermelha, pois também a criatura amarrada jamais se livrará desta amarração amorosa do sapo negro!, e por isso este é um tipo de trabalho especialmente eficaz quando se receia que uma amarração pode ser desfeita ou contrariada por outros feitiços!, pois que contra os feitiços de são Cipriano não há quem os possa vencer !

Por isso:

Por mais que essa pessoa amarrada seja teimosa, porem com este tipo de ritual os espíritos entrarão sempre nela !!, pelo que se recomenda a feitura deste tipo de feitiço quando a pessoa é particularmente teimosa!, ou quando ela é muito resistente á entrada de espíritos.

Por isso:

Na amarração do sapo negro, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e se pavoneando com outra pessoa, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua teimosia  e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer uma verdadeira amarração ?

Escreva-nos!

amarração, amarrações, trabalhos de amarração, trabalhos de amarração do sapo negro, trabalhos de amarração de são Cipriano, trabalhos de amarração de magia negra, 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração com sigilos

sigilos1
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração com sigilos

Para se castigar alguém que não queira ceder ás solicitações amorosas, ou que insista em não se entrega a quem lhe ama, então nesses casos deve-se usar das mais fortes invocações de espíritos e assombrações!, para que sendo essa pessoa me espirito fustigada espiritualmente, então ela acabe por ceder e se entregara a quem a deseja.
Esta magia – desde já dizemos – não é tão simples como parece, e ela não é fácil de ser feita. Não obstante, ela é um trabalho de invocação de espíritos que tem a maior eficiência em casos nos quais a pessoa amada insiste numa separação ou teima num afastamento, e tudo isso ocorre por vezes pela intromissão de outras pessoas, e outras vezes sem qualquer motivo aparente, sendo que a pessoa – de um dia para o outro – muda da águia para o vinho!
Assim sendo:
Nesses casos , ( em que pessoa muda sem explicação da água para o vinho!), deve-se fazer uso dos trabalhos de amarração com sigilos conforme são Cipriano os ensinou!, pois que são Cipriano sabendo que os males do amor e do espirito são tao graves como os males da saúde e do corpo, então o santo bem se dedicou a estudar e elaborar remédios do espirito para os males do amor e do espirito, conforme os médicos – desde a antiguidade – se dedicaram a elaborar os remédios do corpo para os males da saúde e para as enfermidades do corpo!, pois são Cipriano bem entendeu que se os remédios da saúde podem prologar a vida do corpo, porem a vida do corpo não é nada sem amor!, e se a vida do corpo for uma vida afligida de infortúnio e infelicidade!
Isto explicado:
sigilo5Um dos grandes instrumentos dos trabalhos do espírito são os sigilos.
Os sigilos na religião de Santeria, ( conforme na religião vodu e umbanda), são símbolos ou diagramas que sendo bem desenhados, ( ou «riscados», conforme se diz na nossa religião), são aquilo a que se chama pontos riscados, ou seja:
são símbolos espirituais que ,( sendo desenhados no decorrer de um ritual místico bem oficiado), então são altamente conjuradores e invocatórios de espíritos!, motivo pelo qual trabalhos feitos com recurso a estes símbolos ocultos são altamente potentes!
Os sigilos podem ser desenhados em cré sagrado, em sal, ou em sangue de uma oferenda de ave negra especialmente criada para ser oferendada aos espíritos.
Normalmente executam-se rituais com os sigilos sendo desenhados com cré sagrado ou sangue de oferenda animal.
Qual a diferença entre sigilos?
Os sigilos desenhados em sal ou óleo sagrado de Israel ardendo, esses são normalmente usados para repelir espíritos maus, e para fazer afastar o mal. Esses sigilos são desenhados com sal e em torno de um circulo de sal, ( ou de um círculo de óleo sagrado de Israel ardendo), e desenhados em solo sagrado para trabalhos de limpeza espiritual.

Os sigilos desenhados em cré sagrado ou sangue de animal sacrifical são normalmente usados para atrair espíritos que se desejam invocar, e aos quais se deseja encomendar uma certa demanda, para que depois eles vão em espirito assombrar alguém, ate que essa pessoa vá ceder e se entregue á finalidade do trabalho espiritual celebrado.
O que são sigilos?
Os sigilos são diagramas ocultos ou símbolos sagrados que, (sendo incluídos num ritual espiritual devidamente celebrado), invocam a espíritos de uma forma irresistível para as entidades espirituais que estão sendo conjuradas!, pois que os sigilos são como códigos ou chaves que abrem a porta a um chamamento espiritual que sendo bem lidado, ele garante que a entidade espiritual – ali invocada num ritual – virá do mundo dos espíritos! , e ela travessará a nebulosa fronteira entre o mundo dos mortos e o mundo dos vivos!
Como usar os sigilos?
sigilo2Os sigilos, ( especialmente aqueles desenhados com cré sagrado, ou com sangue de oferenda animal sacrificial), são por isso usados como um «telemóvel» ou um «celular» que faz uma chamada do nosso mundo dos vivos para o outro mundo dos mortos, ( ou para o mundo dos espíritos, ou para o reino dos mortos), de forma a que assombrações e aparições sejam chamadas a vir ao nosso mundo dos vivos!, e em espirito operem numa certa demanda!
Quando os sigilos são desenhados – num trabalho de amarração – eles devem ser riscados em solo sagrado, e com sangue de oferenda de galinha preta ou gado negro especialmente criado para fins de oferendamento aos espíritos.
No centro do sigilo, devem ser vertidas 3 gotas de sangue do mago santeiro que está invocando ao santo e aos espíritos, pois que assim se activará o ritual.
Porque se usam as 3 gotas do sangue de um mago santeiro?
Porque assim ensinou são Cipriano na sua obra:
o diabo apareceu-lhe na figura de um corvo e disse-lhe:

– Que foi que combinamos? (…)
-perdoa grande senhor! – implorou siderol – perdoa , que de tudo me olvidei!
E acto contínuo, picou o dedo mindinho e assinou a escritura com sangue.
O diabo (…) disse-lhe:
– Aqui te deixo. Toma todo o outro que desejares – e dando um voo desapareceu
Obra de são Cipriano, Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo, capitulo 9º, Pag 262

Pois assim se sabe:
O sangue daquele que foi aceite pelos espíritos para fazer pacto com os espíritos, esse representa a assinatura final que autentifica esse pacto para com os espíritos!
Pois por isso:
No diagrama ou sigilo oculto devem ser derramadas 3 gotas provindas do dedo mundinho do sacerdote caceteiro, pois que assim se fazendo então estar-se-á activando uma poderosa invocação de espíritos e assombrações.
Porem, avisamos:
Não deve jamais ser derramado o sangue de um leigo nem de um curioso, mas apenas sangue de um sacerdote ungido para lidar com espíritos, pois que indo o desconhecedor ou o incrédulo lidar em tais artes, então ele poderá atrair apenas grandes maldiçoes e enguiços sobre si ou as pessoas á sua volta!, tornando-se vitima de assombrações, de espectros, e todo o tipo de má-sorte!
Isto explicado:
Nesse momento, ( em que um sacerdote ungido verte 3 gotas do seu próprio sangue no centro de um sigilo desenhado com cré sagrado ou sangue de oferenda de galinha preta ou gado negro), deve ser entoada uma secreta e oculta litania em latim, e ela deve ser orada sem erros nem desvios, para que não se acabe invocando a espíritos e assombrações indesejáveis!!, ao invés de se invocar aos espíritos certos para acudirem á demanda que se está ali entregando!, pois que errando no perfeito desenho do sigilo, ou entoando erradamente essa oculta litania de latim, então o feiticeiro pode acabar sendo possuído por espíritos malignos ao invés de alcançar o bom destino que deseja edificar com a sua magia.
E porem:
Sendo este trabalho de amarração feito com sigilos ocultos acertadamente lidado, então é certo que poderosos espíritos e assombrações serão invocados!, e é certo que passados 7 dias apos estes trabalhos de amarração com sigilos estarem concluídos, então essa pessoa será em espirito e no seu espirito cercada e perseguida de assombrações e aparições que lhe irão assombrar e em espirito fustigar ate que essa criatura amarrada vá ceder!, e assim sucederá pelo tempo que tiver de ser!, e assim ocorrerá pelo tempo que tiver de passar, até que essa pessoa se vá entregar ao mandante da amarração amorosa.
Como vão funcionar os trabalhos de amarração com sigilos ?
espiritosSendo os trabalhos de amarração com sigilos bem celebrados, então dai em diante, ( como em qualquer poderoso trabalho de Santeria), a pessoa amarrada pode teimar em andar por onde quiser e com quem quiser, e ela pode teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiser, que porem os espíritos, aparições e assombrações estarão sempre em espirito fustigando no espirito dessa pessoa!, e assim será pelo tempo que for necessário – e que os espíritos determinarem – ate que essa pessoa se entregue a quem lhe mandou amarrar.
Nos trabalhos de amarração com sigilos,( como em qualquer forte trabalho de Santeria), é bem possível que a pessoa amarrada comece tendo pesadelos, que comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta afrontamentos, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que sinta um peso em cansaço em cima do corpo, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revolta, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!
Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:
.Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração da tabua de Ouija.
Assim sendo:
Nos trabalhos de amarração com sigilos, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso:
a pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração com sigilos – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:
Na criatura – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração com sigilos – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.
Por isso:
Nos trabalhos de amarração com sigilos, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( sem parar, e pelo tempo que for necessário!), fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e assim será sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.
Note-se:
Nos trabalhos de amarração com sigilos, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!
Por isso:
Nos trabalhos de amarração com sigilos, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes– não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada), jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!
Assim sendo:
Os trabalhos de amarração com sigilos, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!
Pois por isso:
Os trabalhos de amarração com sigilos, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:
Nos trabalhos de amarração com sigilos, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que os espíritos – perpetuamente de 7 em 7 noites – ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa!, e assim sendo:
embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem , ( nos fortes trabalhos de Santeria), a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração!
Por isso:
Nos trabalhos de amarração com sigilos demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:
sigilos3Os trabalhos de amarração com sigilos, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!
Por isso, repetimos aquilo que sempre ensinamos, ou seja:
Os trabalhos de amarração com sigilos , ( como todos os fortes trabalhos de Santeria), sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também que:
– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:
Estando os trabalhos de amarração com sigilos celebrados e concluídos, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago santeiro que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:
Ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, manifestações de assombrações, sensações de arrepios, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação logica, manifestações de vultos, estranhas brisas de vento, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.
Porem, e conforme sempre avisamos:
Tudo isso são manifestações próprias de um destes trabalhos de amarração com sigilos, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que olhai:
indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Mais dizemos:
A quem encomenda os trabalhos de amarração com sigilos, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:
Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)
[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »
Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:
Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?
Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.
Por isso:
– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!
Pois por isso:
– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.
Assim sendo:
– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

Que efeitos causam os trabalhos de amarração com sigilos?
sigilo4Nos trabalhos de amarração com sigilos, conforme os espíritos são invocados através do símbolo oculto desenhado , ( em solo sagrado), com cré sagrado ou sangue de oferenda preta, ( e entoando-se a correta litania ou encantamento em latim, adicionando-se as 3 gotas de sangue do mago santeiro), pois também os espíritos ali conjurados aceitarão a demanda que lhe foi requerida através de requerimento oculto de santo, e dai em diante esses espíritos – conforme se manifestaram na hora de serem conjurados através dos sigilos ocultos – então daí em diante essas mesmas assombrações manifestar-se-ão no espirito da criatura amarrada!, ali em espirito atormentando e assombrado a alma dessa criatura ate que ela vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração com sigilos.
Por isso:
Nos trabalhos de amarração com sigilos, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e se pavoneando com outra pessoa, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua teimosia e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?
Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

trabalhos de amarração, amarrações amorosas, amarrações, trabalhos de amarração com sigilos, o que são sigilos, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração das patas de galinha preta

amarracoes666
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração das patas de galinha preta

Quem ama quer ser amado!, e por isso quando nos perguntam: «Será que ao usar de uma amarração não estou a ser egoísta?», então sempre respondemos: «Todo o amor tem algo de egoísta!, pois quem ama quer a pessoa amada para si!, e não para outrem!, e por isso: se você ama essa pessoa então deixe-se de duvidas existenciais!, mas antes meta mãos á obra!, e faça por conquistar esse amor!, pois se você ficar aí de braços cruzados divagando na existêncialidade e vendo as nuvens passar, então outrem vai pegar aquilo que é seu!, e você vai perder esse amor!, pois nada que é bom nesta vida vem sem alguma luta, sem algum sacrifício e sem algum empenho!»

Isto explicado:

Quantas vezes – sempre assim foi, e sempre assim será – não se ama alguém que teima em se afastar?, e em pisar por caminhos distantes?, e que em insiste em se distanciar?

Pois então:

invocacao-espiritos2Estes trabalhos de amarração das patas de galinha preta, são adequados á pessoa que insiste em se afastar de quem lhe ama, e que insiste em pisar por caminhos distantes de quem lhe ama, e que teima em andar dando os passos da sua vida com outras pessoas.

Neste trabalho de amarração de são Cipriano e de Santeria, é usada a oferenda de uma galinha preta que foi criada unicamente para o uso em ofícios de magia, e que foi por isso bem tratada, e sempre alimentada de forma generosa, e sendo a cada lua cheia consagrada aos espíritos através de certos preceitos ocultos.

O uso de ave negra em rituais de são Cipriano e na religião de Santeria é de grande relevância mística, pois que assim se pode ler la obra de são Cipriano:

Depois de estudar bem o livro (…) lançou a mão de uma galinha preta própria para as esconjurações diabólicas

Obra de são Cipriano, versando sobre «Erguimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo», capítulo 2º, Pag 248

Pois assim sendo, eis que assim se sabe: a oferenda que for de galinha preta ou ave negra é própria para as conjurações mais portentosas, e é preceito adequado á invocação e conjuração das mais portentosas magias negras de preta linha.

Isto explicado:

saco-ossos-bruxaria52 patas de galinha preta são colocadas no centro de um pentagrama desenhado a sangue dessa mesma galinha preta, e ladeado de diagramas ou sigilos ocultos desenhados em cré sagrado.

As 2 patas são atadas com fita de seda vermelha que foi previamente consagrada a Maria Padilha.

Porque se consagrada a fita de seda vermelha a Maria Padilha?

Porque na obra de são Cipriano assim podermos ler:

Aos traduzirmos esta outra parte, nos lembramos que a entidade correspondente a Lilith, ( citada por São Cipriano ), dos hebreus, é a mesma Astartéia dos babilónicos, ou a Bombodjiro, ( ou pomba gira), dos feiticeiros do brasil, e coincidentemente as oferendas são idênticas

Obra de são Cipriano extraída de Flos-Sanctorum, pag 43

Nota:
O Flos Sanctorum é uma colecção de textos medievais onde se descreve a vida dos santos. Trata-se de nobres e ancestrais volumes de compilações de lendas ou histórias de santos, elaborada no século XIII. Nesta obra podem-se encontrar excertos da obra de são Cipriano, que são parte fiel dos saberes do próprio livro de são Cipriano, e que junto com os manuscritos da bruxa Évora foram botados numa arca e levados para o Vaticano.

Pois assim se sabe que em assuntos amorosos difíceis, eis que, ( já ensinava são Cipriano na sua obra), estas entidades – já veneradas há milênios em ancestrais culturas, e que continuam sendo invocadas por certas religiões africanas, franco-crioulas e Brasileiras – são de grande valia para acudir a problemas amorosas complicados.

Isto explicado:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, 2 patas de galinha preta são colocadas no centro de um pentagrama desenhado a sangue dessa mesma galinha preta, sendo o pentagrama ladeado de diagramas ou sigilos ocultos desenhados em cré sagrado.

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, as 2 patas são atadas com fita de seda vermelha que foi previamente consagrada a Maria Padilha, conforme os ensinamentos de são Cipriano que antes explicamos.

Sobre as duas patas de galinha preta são soprados 6 sopros de pó vodu de amarração.

Sendo soprado o pó vodu, deve logo ser recitado um encantamento oculto e latim conforme são Cipriano o ensinou, e assim se invocarão os espíritos para desceram em que se pretende amarrar amorosamente através dos trabalhos de amarração das patas de galinha preta.

Porque se usa o Latim nestas poderosas invocações?

Porque assim ensinou são Cipriano na sua obra:

ainda hoje se diz que o hebraico é a língua sagrada (…) a igreja católica usou sempre o latim

Obra de são Cipriano, capitulo «O espirito preciso do corpo, dizia em seus manuscritos são Cipriano», pag 391,392

Assim se sabe: línguas ancestrais – como o latim – são as línguas sagradas que devem ser usadas seja em orações, ou seja em encantamentos. Pois então: Por isso mesmo são Cipriano deixou os seus encantamentos ocultos escritos em hebraico e latim, para que apenas aqueles conhecedores do oculto as pudessem usar e delas retirando bons proveitos, sendo que não devem os leigos e curiosos ir-se meter a empreender nestas artes sem ter o conhecimento certo sobre estes encantamentos!, pois que poderão atrair sobre si mesmo grandes flagelos espirituais, pragas, maldiçoes e infestações de assombrações malignas!

Isto explicado:

Os pés de galinha preta são trabalhos provindos de ancestral tradição de feitiçaria africana, e eles são trabalhos de amarração poderosos tanto quando se quer laçar uma forte maldição sobre alguém, como quando se quer impedir que os passos da vida de alguém se afastem de quem lhe mandou amarrar.

Pois assim sendo:

Conforme as 2 patas de galinha preta estão ali atadas pela fita de Maria Padilha no centro de um pentagrama desenhado a sangue de ave negra, ( sendo o adequado encantamento de latim recitado), pois também os passos dessa pessoa amarrada sofrerão em espírito os tormentos do purgatório de cada vez que se quiser afastar para longe da mandante da amarração.

Que efeitos causam os trabalhos de amarração das patas de galinha preta?

amarração de magia negra2Dai em diante – apos o trabalho de amarração das patas de galinha preta estar feito – a pessoa amarrada pode teimar em andar por onde quiser e com quem quiser, e ela pode teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiser, que porem os espíritos, aparições e assombrações estarão sempre em espirito fustigando no espirito dessa pessoa!, e assim será pelo tempo que for necessário – e que os espíritos determinarem – ate que essa pessoa se entregue a quem lhe mandou amarrar.

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta,( conforme em todos os trabalhos que lidam com invocação de espíritos e assombrações), é bem possível que a pessoa amarrada comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que comece tendo pesadelos, que sinta frio ou calor sem explicação, que sinta afrontamentos, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta um peso em cansaço em cima do corpo, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revolta, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que  ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!

Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração das patas de galinha preta,.

Assim sendo:

Fantasmas – o que são fantasmas2Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, a alma da pessoa amarrada será em espirito fustigada, castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso a pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, – bem que pode andar por aí como se nada fosse, e ela bem que se pode afastar como quiser, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem na criatura – enfeitiçada pelos pelos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!),  fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e assim será sempre que ela vai dormir na solidão da escuridão e da sua cama – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Cuidai:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a cartomantes ou videntes – não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada),  jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são invisíveis  e indetetáveis !, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:

Os trabalhos de amarração das patas de galinha preta, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com assombrações e aparições, ( de que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e isso assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se acabe entregando a quem lhe mandou amarrar!

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que – perpetuamente de 7 em 7 noites –  os espíritos ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

 

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!

Assim sendo:

Os trabalhos de amarração das patas de galinha preta, sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.

Cuidai também:

– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:

Sendo os trabalhos de amarração das patas de galinha preta celebrados e concluídos, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago santeiro que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:

manifestações de assombrações, sensações de arrepios, ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou suceder verem-se coisas que se movem sem explicação logica, manifestações de vultos, estranhas brisas de vento, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por sentir estar sendo observada por uma entidade invisível.

Porem, e conforme sempre dizemos:

Isso tudo são manifestações próprias de uma destes trabalhos de amarração das patas de galinha preta, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que  esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas,  por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!

Mais dizemos:

A quem encomenda os trabalhos de amarração das patas de galinha preta, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:

magia de sangue

Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

 

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

 

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

 

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

 

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

 

Com funcionam os trabalhos de amarração das patas de galinha preta?

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, conforme no pentagrama riscado a sangue de galinha preta oferendada, ( ladeado de sigilos riscados a cré sagrado e velas negras ungidas em gordura animal), foram ali apresentadas as 2 patas de galinha preta atadas pela fita de Maria Padilha, ( e sendo o adequado encantamento de latim recitado), pois também os pés dessa criatura amarrada ficarão tao amarrados como os pés da galinha preta foram amarrados pela fita vermelha de Maria Padilha, e por isso:

a criatura amarrada bem que se poderá querer afastar de quem lhe mandou amarrar, que porem em espirito os seus caminhos de vida estarão constrangidos, atados e amarrados!, e por isso de cada vez que essa pessoa insistir em dar passos para longe de quem lhe mandou amarrar, então os espíritos e assombrações manifestar-se-ão na alma dessa criatura, para que ela jamais encontre felicidade que sempre dure na sua vida!, ate que ela desista de se afastar, e se entregue ao mandante da amarração.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração das patas de galinha preta, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e pavoneando-se com outra pessoa qualquer, então mais os espíritos invocados em espirito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua casmurrice!, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

 

Trabalhos de amarração, amarrações amorosas, amarrações, trabalhos de amarração das patas de galinha preta,, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração da tábua de Ouija

tabua-ouija4
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração da tábua de Ouija

A tábua de ouija é um instrumento de comunicação com espíritos, fazendo esses espíritos atravessarem a névoa da fronteira que separa o mundo dos vivos do mundo dos mortos, e assim poderem os mortos comunicar com os vivos.
Porem:

é sabido e reconhecido que este é um instrumento espiritual perigoso, pois que são incontáveis os caso de curiosos que se meteram a brincar com este tipo de recuso espiritual, ( julgando tratar-se de apenas um jogo inofensivo), e que depois acabaram por sofrer tremendas possessões demoníacas, ou acabaram mesmo vendo a sua casa, o seu lar e as pessoas amadas atingidas por horríveis fenómenos malignos !!
Por isso: apenas deve lidar neste tipos de poderosos trabalhos de amarração um sacerdote devidamente treinado para lidar com este tipo de recurso espiritual.
Como são feitos os trabalhos de amarração da tabua de Ouija
tabua-ouija3A tábua de ouija deve ser colocada sobre um manto negro no qual foi desenhado – com cré sagrado – um pentagrama. A tábua de ouija deve estar no centro desse pentagrama, ladeada de 5 velas negras ungidas em gordura animal.
Deve-se fazer este trabalho de amarração apenas ás 3 da madrugada, e o quarto ou sala onde se faz esta inovação deve estar e perfeita escuridão, estando apenas acesas as 5 velas negras em redor do pentagrama desenhado com cré sagrado no manto negro.
Deve depois ser entoada uma oculta litania – em latim – de invocação de espíritos. Através da tabua de ouija os espíritos manifestar-se-ão na tabua,( movendo o ponteiro da tabua de Ouija), e a partir desse momento o sacerdote de Santeria saberá que está na presença dos espíritos invocados.
Porem, cuidado que se deixa este aviso:
devem ser colocadas perguntas de teste ao espírito invocado!, pois ao lidar com este tipo de trabalho, tanto se pode acabar invocando os espíritos desejados, como também podem aparecerem espíritos maus, enganadores e perturbadores, pelo que este tipo de rituais jamais deve ser exercido senão por sacerdotes treinados, pois que indo o leigo ou desconhecedor meter-se a fazer deste tipo de operações espirituais, então poderá acabar infestado de possessões demoníacas que o poderão atingir a si, ou atingir as pessoas que o rodeiam.
Isto explicado:
Tendo os espíritos adequados aceite vir a este mundo e manifestar-se, então esse é o momento certo para agir rapidamente.
Nesse momento – em que os espíritos se estão manifestando na tabua de Ouija – deve essa mesma tábua ser polvilhada com pó de amarração vodu !
Logo de seguida – sem perder tempo – deve nesse momento, ( com uma faca de prata consagrada), uma ave negra ser oferendada aos espíritos convocados. O sangue da oferenda de ave negra deve ser vertido numa taça branca, e deve essa taça ser colocada diante da tabua de ouija, enquanto que nesse momento, devem-se entoar 6 litanias de amarração amorosa, recitando nelas o nome da criatura que se deseja amarrar ao mandante do trabalho de amarração. As litanias de amarração amorosa são ancestrais e ocultas, e apenas são Cipriano as ensinou correctamente!, e por isso não deve ir lidar neste trabalho quem não as souber pronunciar devidamente!, pois que se arriscará a grandes flagelos espirituais da parte dos espíritos que não atenderão ao requerimento que não lhes seja bem feito!, e antes se virarão contra o leigo inexperiente que ali lhes estiverem invocando!
Assim sendo tudo bem feito nestes trabalhos de amarração da tabua de Ouija, então os espíritos invocados aceitarão a demanda que lhe foi ali feita em requerimento espiritual, e dai em diante – sem apelo nem agravo – esses espíritos e aparições perseguirão e em espirito infestarão a criatura amarrada ate que ela se entregue a quem a mandou amarrar.
Os Trabalhos de amarração da tábua de Ouija estando celebrados, então conforme os espíritos se manifestaram na tábua de Ouija – no momento de terem sido invocados com pó vodu e o sangue de oferenda de ave negra vertido no recipiente branco ,( colocado diante no pentagrama riscado a cré sagrado, e com as 6 secretas litanias em latim que são Cipriano ensinou) – então esses mesmo espíritos aceitarão a demanda que lhe foi apresentada através de requerimento oculto de santo, e dai em diante esses espíritos – conforme se manifestaram na tábua de Ouija – manifestar-se-ão daí em diante no espirito da criatura amarrada!, ali em espírito atormentando e assombrado a alma dessa criatura ate que ela vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração da tabua de Ouija.
Por isso:
Dai em diante a pessoa amarrada pode teimar em andar por onde quiser e com quem quiser, e ela pode teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiser, que porem os espíritos, aparições e assombrações estarão sempre em espirito fustigando no espirito dessa pessoa!, e assim será pelo tempo que for necessário – e que os espíritos determinarem – ate que essa pessoa se entregue a quem lhe mandou amarrar.
Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, é bem possível que a pessoa amarrada comece tendo pesadelos, que comece escutando estranhos ruídos na sua casa, que comece vendo lâmpadas piscar sem explicação, que veja vultos ou assombrações, que sofra avarias inesperadas em todo o tipo de equipamentos eletrónicos ou mecânicos, que sofra alterações de humor inesperadas, que sinta dores de cabeça, que sinta afrontamentos, que sinta o estomago cheio e pesado sem porem nada ter comido que o justifique, que sinta um peso em cansaço em cima do corpo, que dê arrotos inesperados e sem justificação, que se sinta desorientada e tendo atitudes como se não estivesse em si mesma, que manifeste por vezes revolta, rebelde, ou tenha atitudes desagradáveis, que se entregue – sem saber porquê – a uma certa boémia desvairada, que ande perdia por maus caminhos ou andando amorosamente com as pessoas erradas, pois essa criatura infestada por espíritos será perturbada e assombrada de todas as formas imagináveis!!, e assim será para a desorientar a um ponto em que , (estando de tal maneira perturbada, desorientada e perdida!!), essa criatura amarrada não tendo mais saída nem solução, então ela vá encontrar abrigo e segurança junto de quem lhe mandou amarrar!, e se lhe entregue!
Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, querendo isto dizer:

.Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração da tabua de Ouija.

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso:
a pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração da tabua de Ouija – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:

Na criatura – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração da tabua de Ouija – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!), fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – e assim será sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Cuidai:

Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a videntes ou cartomantes – não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada), jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Então:

Os trabalhos de amarração da tabua de Ouija, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:

Os trabalhos de amarração da tabua de Ouija, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:

Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que os espíritos – perpetuamente de 7 em 7 noites – ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso:
embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração, e por isso:
Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

 

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

tabua-ouija5Os trabalhos de amarração da tabua de Ouija, são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!
Por isso:
Os trabalhos de amarração da tabua de Ouija sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também que:
– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:
Estando os trabalhos de amarração da tabua de Ouija celebrados e concluídos, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago santeiro que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:
Ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, sensações de arrepios, manifestações de assombrações, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação logica, estranhas brisas de vento, manifestações de vultos, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.
Porem, e conforme sempre dizemos:
Isso tudo são manifestações próprias de uma destes trabalhos de amarração da tabua de Ouija, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Mais dizemos:
A quem encomenda os trabalhos de amarração da tabua de Ouija, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:
Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espirito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

 

Com funcionam os trabalhos de amarração da tábua de Ouija?

tabua-ouija1Nos trabalhos de amarração da tábua de Ouija, conforme os espíritos se manifestaram na tábua de Ouija no momento de terem sido invocados com pó vodu, com as litanias ocultas de latim e com o sangue de oferenda de ave negra vertido no recipiente branco ,( colocado diante no pentagrama riscado a cré sagrado), então esses mesmo espíritos aceitarão a demanda que lhe foi requerida através de requerimento oculto de santo, e dai em diante esses espíritos – conforme se manifestaram na tabua de Ouija – manifestar-se-ão dai em diante no espírito da criatura amarrada!, ali em espírito atormentando e assombrado a alma dessa criatura ate que ela vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração da tabua de Ouija.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração da tabua de Ouija, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e se pavoneando com outra pessoa, então mais os espíritos invocados em espírito assombrarão como aparições e espíritos na alma dessa criatura, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espírito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída por aparições, ate que se desista da sua teimosia e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?
Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

trabalhos de amarração, amarrações amorosas, amarrações, trabalhos de amarração da tábua de Ouija, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração dos ossos de santo

saco-ossos-bruxaria
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração dos ossos de santo

Há pessoas de coração irrequieto, de coração confuso, de coração que não consegue ficar quieto, que são pessoas inconstantes, que são pessoas que mudam de ideias como o vento, que são pessoas que ontem juraram amor mas hoje já falam de separação ou agem com afastamento, e essas pessoas são difíceis de amar!, pois elas são voláteis!, e elas deixam-se levar pelas influencias de outros.
Pior:
Há pessoas extremamente influenciáveis e voláteis!, seja á má influencia de amantes, ou seja á má influencia de familiares, seja á má influencia de amigos, ou seja á má influencia de um ex -relacionamento, etc,
Pois por isso, essas pessoas de coração inconstante e influenciável mudam de sentimento conforme os seus humores, ou conforme as influências dos outros, e por isso: essas pessoas de coração influenciável e inconstante, elas deixam quem as ama num imenso sofrimento espiritual e amoroso.
Então:
Para esse tipo de pessoas com o coração inconstante ou influenciável, existem os trabalhos de amarração dos ossos de santo.
Como são feitos os trabalhos de amarração dos ossos de santo?
saco-ossos-bruxaria5Os trabalhos de amarração dos ossos de santo são ideais para pessoas que teimam e insistem por se afastar, e andar em caminhos por caminhos longe de quem lhe ama, e que são pessoas influenciáveis por outras pessoas, (seja por familiares, ou amigos, ou ex-cônjuge, ou amante, etc), ou que são pessoas de coração volátil e que muda da água para o vinho, e por isso:
todo aquele que – nessas circunstancias – vê a pessoa por si amada teimando em andar com outras pessoas, ou teimando e ir para longe, ou que não pára jamais quieto perto de quem lhe ama, então este trabalho de santo tem tradições milenares e milenares resultados em todo o mundo.
Os trabalhos de amarração dos ossos de santo são feitos com ossos de animal sacrifical – de uma oferenda especialmente criada para se entregar em acto magico – são ungidos com óleos santos de baptismo, assim com são aspergidos em sal sagrado. Assim se fazendo, então assim se santificam esses ossos. Depois esses ossos são passados pelo fogo de uma fogueira santa feita com carvão sagrado de igreja, para que sejam purificados. Este processo demora 7 luas cheias a ser oficiado.
Assim sendo feito, então – nos trabalhos de amarração dos ossos de santo – os ossos já consagrados e purificados são levados para solo sagrado, onde são quebrados em pilão africano, ( de forma a ficarem reduzidos a pequenos pedaços), e esses pedaços de ossos consagrados e purificados são colocados no centro de um pentagrama que foi desenhado com crés sagrado, e que foi riscado nesse solo sagrado.
Os ossos quebrados – que estão no centro do pentagrama riscado com cré sagrado em solo sagrado – são aspergidos com água benta, e nesse momento são – usando-se de latim – baptizados em nome de um espirito de santo que se deseje invocar.
Assim se fazendo, então – nos trabalhos de amarração dos ossos de santo – aqueles ossos assumem propriedade de relíquia santa, pois sobre eles descerá o espirito do santo invocado.
As santas Relíquias de ossário são um poderoso instrumento de curas espirituais, e centenas de centenários templos e igrejas por todo o mundo fazem uso de poder místicos das relíquias de ossários para invocar aos espíritos dos santos, e para desse modo operar grandes prodígios espirituais.
Depois de assim estar celebrado, então os ossos já santificados, (e que são de grande valia para a invocação de espíritos santos), retornam ao pilão africano, onde são esmigalhados ate ficarem em pó.
Este pó é vertido num pequeno saco de veludo vermelho, sendo que lhe é adicionado pó vodu de amarração, ervas místicas de propriedades ocultas, e 3 gotas de sangue do mago santeiro que está elaborando este trabalho de amarração.
O saco é depois selado com cinco pontos cruzados de fio vermelho de seda a India, e assim deve ser feito conforme assim está escrito na obra de são Cipriano:

Dai-lhe cinco pontos em cruz, dizendo: «fulano ou fulana, eu te enfeitiço pelo poder de Maria Padilha, e de toda a sua família, para que não vejas sol nem lua enquanto não te casares comigo, isto pelo poder da magica da feiticeira de meia idade»
Obra de são Cipriano, os mistérios da feitiçaria, capitulo «trabalho que se faz (…) para se amar» Pag 297

Pois então:
saco-ossos-bruxaria2O saco vodu com os ossos de santo deve ser cosido com cinco pontos em cruz, assim se recitando de cada vez que se remata um desses pontos.
Isto estando feito, então o saco é posto a repousar por 3 noites ao luar de lua cheia.
Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, este é um saco vodu de amarração com ossos de relíquia de santo que foram produzidos de forma a invocar espíritos santos, para que eles desçam e operem prodígios do espirito no espirito de quem se lhes pedir para ali trabalharem.
Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, o saco Vodu com os ossos de santo é depois sepultado numa encruzilhada deserta, erma e assombrada, e assim ali deverá ficar sepultado esse saco e forma a quem ninguém jamais o veja!, e ninguém jamais lhe toque!
Com funcionam os trabalhos de amarração dos ossos de santo?
Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, pois conforme os ossos de santo estão quebrados naquele saco vodu, ( enterrado que foi numa encruzilhada deserta, erma e assombrada), pois também os ossos do corpo da pessoa amarrada podem teimar em andar por onde quiserem e com quem quiseram, e os seus dentes podem teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiserem, que porem o espirito de santo entrará sempre nos ossos e nos dentes dessa criatura amarrada para em espirito lhe fechar a felicidade amorosa, ate que ela se entregue a quem lhe mandou amarrar.
Por isso:
Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, quanto mais a pessoa insistir em andar sorrindo e se pavoneando com outra pessoa, então mais os espíritos invocados em espirito penetrarão nos ossos e na alma dessa criatura, e mais o espirito invocado em espirito castigará nessa pessoa, e por isso ela jamais irá encontrar felicidade que sempre dure, ( nem paz que sempre perdure), na sua vida!, pois em espirito essa criatura estará sempre sendo assombrada e possuída, ate que se desista da sua teimosia e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!
Quando os trabalhos de amarração dos ossos de santo começam a dar efeitos?

saco-ossos-bruxaria4Os trabalhos de amarração dos ossos de santo são o trabalho ideal para situações em que alguém está sendo muito influenciado por familiares, ou por ex-cônjuges, ou por amantes, ou por amigos, ou por outras pessoas que persistem em fazer o coração da pessoa amada, ( que é um coração influenciável e volátil), andar a mudar da água para o vinho, e a afastar-se de que ama essa pessoa !!

Assim sendo:

Isto explicado, voltamos a dar o ensinamento de que sempre dizemos sobre trabalhos de são Cipriano com invocação de espíritos, ou seja:

Os trabalhos de são Cipriano com invocação de espíritos começam a manifestar os seus efeitos 7 dias após estarem concluídos, e depois de darem os seus efeitos e manifestações, então dai em diante eles persistirão em espirito insistindo e persistindo na criara amarrada ate que ela ceda!, e no momento pelos espíritos determinado ela cederá!

Por isso, voltamos a explicar conforme já antes explicamos:

Porque dizemos e professamos que demora 7 dias para que o trabalho do santo desça numa pessoa que o pediu?

Porque assim ensinou e está escrito na obra de são Cipriano:

lava-se em agua de três procedências: do mar, da cachoeira e da chuva. A seguir (…) diz-se: «Pelas sete pragas, pelas sete maravilhas(…)»
Obra de Aço de são Cipriano, Cap 3, «Estudos e experiencias de são Cipriano», versando sobre «Os sete prodígios de Siderol», Pag 112

Pois assim se sabe:

Sete são as pragas do santo, assim como sete são as bênçãos do santo.
Pois da mesma forma, quer isto dizer para aqueles que são entendidos e conhecedores no segredo e no preceito do santo:

Conforme 7 são as bênçãos do santo, e conforme 7 são as pragas do santo, pois também 7 são os dias para que obra do santo desça neste mundo, querendo isto dizer: são necessários 7 dias para que os espíritos invocados venham a este mundo.

Pois assim sendo, eis que assim se sabe:

São necessários 7 dias apos a conclusão de um trabalho de Alta Magia – negra ou branca – para que os espíritos invocados venham a este mundo, e apos esses 7 dias os espíritos manifestar-se-ão, e depois disso – dai em diante e findo esse prazo de 7 dias – então os espritos trabalharão pelo tempo que for necessário ate que a sua obra se edifique.

E por isso:

– 7 dias é o tempo que se deve esperar com serenidade e fé, para que sejamos escutados pelos espíritos!, e dai em diante a obra dos espíritos depois desce a quem a invocou.

Pois então:

– Apos esses 7 dias, eis que a obra do espirito descerá!, e eis que ela se manifestará !, e dai em diante ela trabalhará pelo tempo que for necessário – sempre sem cessar nem parar! – ate que a pessoa amarrada se entregue.

OBSERVAÇÕES GERAIS SOBRE TRABALHOS DE SANTERIA COM INVOCAÇÃO DE ESPÍRITOS

conjuracao-espiritosCuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

Os trabalhos de amarração dos ossos de santo, eles são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso – conforme todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos – estes são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!
Por isso:
Os trabalhos de amarração dos ossos de santo sendo manipulados da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também que:
– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:
Estando os trabalhos de amarração dos ossos de santo celebrados e concluídos, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:
Ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, sensações de arrepios, manifestações de assombrações, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação logica, estranhas brisas de vento, manifestações de vultos, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.
Porem, e conforme sempre dizemos:
Isso tudo são manifestações próprias de uma destes trabalhos de amarração dos ossos de santo, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Mais dizemos:
A quem encomenda os trabalhos de amarração dos ossos de santo, eis que voltamos a avisar conforme sempre avisamos:
Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espírito colher bom fruto, ao invés de andar afrontando os espíritos, e depois colher tudo ao contrario daquilo que aos espíritos se foi pedir.

Efeitos dos trabalhos de amarração dos ossos de santo

Os trabalhos de amarração dos ossos de santo são – conforme já explicamos – ideais para situações em que alguém é demasiadamente volúvel e permeável ás influências de outras pessoas, ( seja de familiares, seja de ex-conjugues, seja de amigos, seja de amantes, etc), e que por isso fica mudando da água para o vinho por causa dessas influências.

Assim sendo:

Estando os trabalhos de amarração dos ossos de santo celebrados, então conforme os ossos de santo estão moídos e vertidos naquele saco vodu junto como pó vodu, ( e estando esse saco enterrado numa encruzilhada deserta, erma e assombrada), pois também os ossos do corpo da pessoa amarrada poderão insistir e teimar em andar por onde quiserem e com quem quiseram, e os seus dentes podem teimar em andar sorrindo de felicidade ao lado de quem quiserem, que porem o espirito de santo entrará sempre nos ossos e nos dentes dessa criatura amarrada para em espirito lhe fechar a felicidade amorosa, ate que ela se entregue a quem lhe mandou amarrar.
Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, ou seja:

.Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante das amarrações do fruto proibido.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, e por isso: a pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração dos ossos de santo – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:

Na pessoa – enfeitiçada pelos trabalhos de amarração dos ossos de santo – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, eis que assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!), fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Cuidai:

Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Assim sendo:

Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a tarólogos, videntes ou cartomantes – não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada), jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Então:

Os trabalhos de amarração dos ossos de santo, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:

Os trabalhos de amarração dos ossos de santo, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante de noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:

Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo, ( conforme em todos os trabalhos de Santeria!), é isso que os espíritos – perpetuamente de 7 em 7 noites – ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso: embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante das amarrações do facalhão de prata, e por isso:
Nos trabalhos de amarração dos ossos de santo demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?
Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

Trabalhos de amarração, amarrações amorosas, amarrações, trabalhos de amarração dos ossos de santo, trabalhos de amarração para pessoas inconstantes, trabalhos de amarração para pessoas influenciáveis, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, feitiços de amarração, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações do facalhão de prata

facalhao-prata4
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações do facalhão de prata, ou amarrações da espada dos anjos caídos

Há situações – sempre assim foi desde tempos imemoriais – em que a pessoa amada é irredutível, é teimosa, ou então aconteceram problemas que ela se recusa a esquecer e persiste guardando mágoa e ressentimentos!, e tudo isso será um obstáctulo ao amor.

Pois então:

Nessas situações deve-se usar a amarração do facalhão de prata, pois que são trabalhos de amarração ideais para fazer abrir corações teimosos e ressentidos com brigas, com ciúmes, com discórdias, e com todo o tipo de problemas que podem fechar um coração, e que este trabalho de amarração irá fazer abrir.

Como é feita a amarração do facalhão de prata

Na amarração do facalhão de prata é oferendado um coração de gado maior, querendo isto dizer: trata-se um coração de boi negro que foi criado, tratado e cuidado em fazendo ou machamba africana exclusivamente para ser oferendado a um ritual de magia.

A este tipo de animal é dada a beber água benta todos os domingos, assim como todas as luas cheias ele é alimentado com uma ração na qual foi esfarelada 7 porções de hóstia de igreja, e será esse animal tratado com a maior reverencia e criado de acordo com cuidados preceitos religiosos e místicos, pelo que bem se pode ver que não é fácil nem barato ter recurso a animal deste tamanho, e tratado deste jeito.

Muita gente – na sua ignorância – diz que oferendas animais são coisa do demónio, e que não devem ser praticadas. Pois a isso sempre respondemos:

Olhai que assim está escrito:

Balaão pediu a Balac: «Manda que me construam aqui sete altares e que me preparem sete bois e sete carneiros.»
Balac cumpriu as indicações de Balaão e juntos ofereceram um boi e um carneiro sobre cada altar.
Depois Balaão disse a Balac: «Fica aqui ao pé dos teus holocaustos, enquanto eu vou ver se o SENHOR vem ao meu encontro. Depois comunico-te aquilo que o SENHOR me disser.»
Balaão foi a uma colina isolada.
Deus foi ter com ele e Balaão disse-Lhe: «Mandei construir os sete altares e ofereci um boi e um carneiro em sacrifício sobre cada altar.»
O SENHOR indicou a Balaão o que devia dizer e acrescentou: «Vai de novo ter com Balac e fala da maneira que eu te disse.»

Números 23, 1-5

Pois assim se fica sabendo:

O profeta Balaão ao oferendar as oferendas animais conforme mandam os preceitos da Lei de Deus, então o Espirito de Deus escutou-o, desceu-lhe e manifestou-se-lhe.
Assim sendo:
A oferenda de animais está dita e prescrita na Bíblia!, e ela é usada há milénios conforme a Lei de Deus!, e não se pode por isso olhar apenas para as partes da Sagrada Escritura que nos interessam, e depois hipocritamente ignorar as outras partes que não nos interessam!, pois a Lei de Deus é apenas uma!
Isto explicado:
Depois de ser oferendado o coração do boi, então o restante da carne do animal será sempre bem cuidada e oferecida aos pobres e necessitados, ( para lhes saciar a fome), pois que assim se pode ler na obra de são Cipriano:

– Diz-me,[ disse Lucifer], gostas de dar esmolas aos pobres?
– Gosto. [ respondeu o aldeão ]
– Pois então, dar-lhes-ás todo o dinheiro que tens (…) Não te disse já, alma vencida, que primeiro tens que dar tudo aos pobres?

Erguimanços de são Cipriano, Cap 4º, Pag 252

Pois assim se fica sabendo:

Ensinam os ancestrais ensinamentos de são Cipriano, que os mais poderosos espíritos – neste tipo de demanda espiritual que aqui estamos tratando – exigem que depois de um ritual ser consumado, ( e eles não são fáceis nem baratos de fazer), então desse ritual se tire proveito para dar esmola e caridade aos pobres e os necessitados, e por isso:

quando se lida em trabalhos do espirito, então tudo aquilo que de um animal sobrar desses rituais,( e for bom para se consumir saudavelmente), então deve ser entregue á caridade!, para assim ajudar aos pobres e necessitados, e de forma a que toda a fome seja caridosamente saciada com tudo aquilo de carne que foi aos espíritos oferendando, a fim que se cumpra com este mandamento de são Cipriano.

Isto explicado:

O coração de gado maior é colocado – em solo sagrado de tempo de Santeria – no centro de pentagrama riscado a sangue e ladeado de sigilos ou diagramas ocultos, também esses riscados com o sangue desse mesmo boi negro oferendado.

Rodeando o pentagrama, devem estar 5 velas negras acesas e ungidas na gordura animal da oferenda de gado maior.

O coração de gado maior, (colocado no centro de um pentagrama desenhado a sangue e ladeado de sigilos ocultos, assim como de 5 velas negras ungidas em gordura animal), o coração de gado maior é batizado através de aspersões de agua benta, e esse coração será baptizado com o nome da pessoa que se deseja amarrar, sendo depois polvilhado com pó vodu, de forma a sobre ele se atrair uma conjuração de espíritos.

Assim estando feito, então o coração de gado maior é trespassado por um facalhão de prata que foi previamente ungido em óleos sagrados de Israel, assim como defumado com incensos sagrados do oriente.

Assim sendo:

Conforme o facalhão de prata trespassa e abre aquele coração, pois também a alma e o espirito da pessoa amarrada será em espirito trespassada e aberta a um poderoso feitiço, e por isso os espíritos invocados irão descer e assombrar essa pessoa pelo tempo que for necessário ate que ela vá ceder, vergar e se entregar ao mandante da amarração.

Como irá agir o facalhão de prata?

Explica-se:

O facalhão de prata representa a espada dos anjos.

facalhao-prata5Foi com a sua espada que são Jorge lutou contra o dragão, foi com a sua espada que Camael expulsou Adão e Eva do paraíso, foi com a sua espada que Uriel foi colocado ás portas do Èden para o guardar depois da expulsão de Adão e Eva, foi com a sua espada que são Miguel lutou contra Lucifer, e Lucifer, ( sendo também ele um anjo), também possui a sua espada, assim como todos os anjos originalmente caídos possuem as suas espadas.

Assim sendo:

O facalhão de prata deve ser forjado em prata pura, e deve ser trabalhado por 7 noites de lua cheia. Depois de estar feito, o facalhão deve ser ungido em óleos sagrados santos e ocultos, ( que são também altamente voláteis), sendo que nesse momento de consagração da lamina de prata, então os óleos são inflamados com uma chama, e a lamina da espada arderá como ardem as espadas flamejantes dos anjos. Nesse ritual purificador pretende-se consagrar o facalhão de prata aos espíritos, para que dai em diante não haja espirito nem criatura espiritual onde aquele facalhão não possa intervir através de um acto magico.

Pois então:
É por isso que conforme o facalhão de prata trespassa e abre aquele coração oferendado em ritual, ( coração baptizado com o nome da criatura que se deseja amarrar), pois também a alma e o espirito da pessoa amarrada serão em espirito trespassados e abertos ao poderoso feitiço das amarrações do facalhão de prata, e por isso os espíritos invocados irão descer e assombrar essa pessoa pelo tempo que for necessário ate que ela vá ceder, vergar e se entregar ao mandante da amarração.

Algumas pessoas costumam dizer:

«Mas falaram-me que a pessoa que quero amarrar tem o corpo fechado, e por isso nada entra nele»

Pois a isso respondemos:

Conforme a espada de anjos e anjos caídos entra em tudo que é espirito, pois também o facalhão de prata devidamente forjado e consagrado entrará no espirito e na alma de qualquer pessoa que se deseje abrir a um feitiço!, e contra isso não há escapatória!

Como funcionam as amarrações do facalhão de prata?

facalhao-prata1As amarrações do facalhão de prata são o trabalho ideal para situações em que alguém tem o corpo fechado e resistente a feitiços.

Da mesma forma:

As amarrações do facalhão de prata são ideais para fazer abrir corações teimosos e ressentidos com brigas, com ciúmes, com discórdias, e com todo o tipo de problemas que podem fechar um coração, e que este trabalho de amarração irá fazer abrir.

Isto explicado, voltamos a dar o ensinamento de que sempre dizemos sobre trabalhos de são Cipriano com invocação de espíritos, ou seja:

Os trabalhos de são Cipriano com invocação de espíritos começam a manifestar os seus efeitos 7 dias apos estarem concluídos, e depois de darem os seus efeitos e manifestações, então dai em diante eles persistirão em espirito insistindo e persistindo na criara amarrada ate que ela ceda!, e no momento pelos espíritos determinado ela cederá!

Por isso, explicamos conforme já antes explicamos:

Porque dizemos e professamos que demora 7 dias para que o trabalho do santo desça numa pessoa que o pediu?

Porque assim ensinou e está escrito na obra de são Cipriano:

lava-se em agua de três procedências: do mar, da cachoeira e da chuva. A seguir (…) diz-se: «Pelas sete pragas, pelas sete maravilhas(…)»

Obra de Aço de são Cipriano, Cap 3, «Estudos e experiencias de são Cipriano», versando sobre «Os sete prodígios de Siderol», Pag 112

Pois assim se sabe:

Sete são as pragas do santo, assim como sete são as bênçãos do santo.
Pois da mesma forma, quer isto dizer para aqueles que são entendidos e conhecedores no segredo e no preceito do santo:

Conforme 7 são as bênçãos do santo, e conforme 7 são as pragas do santo, pois também 7 são os dias para que a obra do santo desça neste mundo, querendo isto dizer: são necessários 7 dias para que os espíritos invocados venham a este mundo.

Pois assim sendo, eis que assim se sabe:

São necessários 7 dias apos a conclusão de um trabalho de Alta Magia – negra ou branca – para que os espíritos invocados venham a este mundo, e apos esses 7 dias os espíritos manifestar-se-ão, e depois disso – dai em diante e findo esse prazo de 7 dias – então os espritos trabalharão pelo tempo que for necessário ate que a sua obra se edifique.

E por isso:

– 7 dias é o tempo que se deve esperar com serenidade e fé, para que sejamos escutados pelos espíritos!, e dai em diante a obra dos espíritos depois desce a quem a invocou.

Pois então:

– Apos esses 7 dias, eis que a obra do espirito descerá!, e eis que ela se manifestará!, e dai em diante ela trabalhará pelo tempo que for necessário – sempre sem cessar nem parar! – ate que a pessoa amarrada se entregue.

Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria – recomendações usuais:

As amarrações do facalhão de prata são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!
Por isso:
As amarrações do facalhão de prata sendo manipuladas da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, de perigosas assombrações, ou de causar grande mal ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também que:
– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:
Estando as amarrações do facalhão de prata celebradas e concluídas, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:
Ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, sensações de arrepios, manifestações de assombrações, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação logica, estranhas brisas de vento, manifestações de vultos, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.
Porem, e conforme sempre dizemos:
Isso tudo são manifestações próprias de uma destas amarrações do facalhão de prata, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Mais dizemos:
A quem encomenda as amarrações do facalhão de prata, eis que devereis cuidar:
Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação, a ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e eles movem-se sempre por caminhos incompressíveis, e por isso o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das picuinhas impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espírito colher bom fruto, ao invés de colher tudo ao contrario daquilo que se foi aos espíritos pedir.

Efeitos das amarrações do facalhão de prata

facalhao-prata3As amarrações do facalhão de prata são – conforme já explicamos – ideais para situações em que alguém é demasiadamente teimoso!, ou em que alguém tem o seu corpo fechado e é por isso muito resistente a entrarem-se feitiços.

Estando as amarrações do facalhão de prata celebradas, então conforme o coração do gado maior, ( baptizado que foi em ritual oculto com o nome da pessoa amarrada), é trespassado e aberto pelo facalhão de prata, então também o coração, a alma e o espirito dessa criatura será em espirito trespassado e aberto pelo feitiço de amarração amorosa, e dai em diante, ( estando celebradas as amarrações do facalhão de prata), então eis que espíritos serão chamados a vir do mundo dos mortos ao nosso mundo dos vivos, e assombrar a criatura amarrada!, e assim será sem misericórdia, nem perdão, nem apelo, nem agravo!, e por isso essa criatura amarrada pelas amarrações do facalhão de prata será em espírito infestada de aparições, de assombrações e de espíritos na sua alma e no seu espirito!

Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, ou seja:

— Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante das amarrações do fruto proibido.

Por isso:

neste tipo de amarrações do facalhão de prata, a alma da pessoa amarrada será em espírito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites após 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, pois que conforme naquele ritual oculto o coração de boi negro foi aberto pelo facalhão de prata, pois também o espirito dessa criatura foi aberto e ficou vulnerável ao feitiço de amarração, pois que o seu espirito foi aberto pelo facalhão de prata, que é como a espada de um anjo ou anjo caído abrindo tudo aquilo que quiser e entender.

E por isso:

A pessoa – enfeitiçada por amarrações do facalhão de prata – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:

Na pessoa – enfeitiçada por amarrações do facalhão de prata – a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.

Por isso:

Nas amarrações do facalhão de prata, assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!), fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.

Note:

Nas amarrações do facalhão de prata, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!

Assim sendo:

Nas amarrações do facalhão de prata, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo que ande consultando a videntes ou cartomantes – não fique jamais a saber que foi o alvo de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que a rodeiam ,(e que estão á volta da criatura amarrada), jamais vão sequer desconfiar que essa criatura foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem quaisquer suspeitas!

Então:

As amarrações do facalhão de prata, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:

As amarrações do facalhão de prata, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante de noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão marcas e cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpetuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois olhai:
Nas amarrações do facalhão de prata, é isso que os espíritos – perpetuamente de 7 em 7 noites – ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso: embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante das amarrações do facalhão de prata, e por isso:
Nas amarrações do facalhão de prata demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?
Quer verdadeiras amarrações amorosas?

Escreva-nos!

amarrações do facalhão de prata, amarrações da espada de anjos caídos, trabalhos de amarração de Santeria, trabalhos de amarração vodu, trabalhos de amarração, amarrações, trabalhos de amarração com invocação de espíritos, amarrações amorosas, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações do fruto proibido

fruto-proibido2
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações do fruto proibido

Diz o povo que:

«o fruto proibido é sempre o mais desejado.»

Pois então:
Por vezes – assim tem sido desde tempos imemoriais – isso é mesmo verdade!, e por isso as amarrações do fruto proibido são o ideal para quem deseja amarrar alguém que não suposto poder ter, ( seja por convenção social, seja por motivos familiares, seja porque se é casada, etc), ou enfim : para se poder conquistar um amante – ou uma amante – que não é licito possuir!
Olhai:
O fruto proibido foi aquele através do qual Eva foi fazer a tentação recair sobre Adão quando assim era proibido, e foi através desse fruto que Eva fez Adão cair na tentação.
Pois então:
Da mesma forma, é através da amarração do fruto proibido que uma mulher poderá fazer um homem cair na tentação, ou um homem fará uma mulher cair na tentação!, mesmo quando assim seja proibido!, e até nas mais difíceis ou constrangedoras circunstancias em que nasce um desejo irresistível por alguém que não é licito possuir amorosamente.
Na mitologia cristã sempre se diz que o fruto proibido é uma maça.
E porem:
fruto-proibido4Na verdade as velhas e milenares sabedorias de ancestrais rabinos – e fortes tradições do Midrash – professam que se trata não de uma maçã, mas sim do baga da uva!, e quem mais percebe dos milenares segredos do Antigo Testamento são os sábios hebraicos, pois foram eles que ao longo de milénios escreveram e transcreveram os textos sagrados, assim como conservaram os segredos neles contidos ocultamente.
Ou seja:
a uva quando processada e fermentada dá em vinho, por isso ela, (na forma de vinho), desinibe os homens e as mulheres, e – na verdade – Adão e Eva tendo descoberto como se embriagar com o fruto da videira, (conforme mais tarde aconteceu com Lot e as suas duas filhas – vide: Gen 19, 30-38), então desinibiram-se e cometeram o pecado da carnalidade!, coisa que Deus lhes proibiu no Èden, pois que Adão e Eva eram como irmãos num estado de pureza, e por isso Deus ter-lhes-ia ordenado , (sabendo os efeitos sedutores e inebriantes daquela baga de uva), que jamais tocassem nem processassem o fruto da videira!, coisa que Eva acabou por levar Adão a fazer!
Para além disso, as mitologias greco-romanas confirmaram esta ideia dos ancestrais rabinos, pois que a uva esteve sempre associada ao deus Baco, ás suas sacerdotisas bancantes, á ebriedade e aos rituais de luxuriosos das bacantes que eram anualmente festejados em honra do deus Baco.
Por isso:
As mais ancestrais escolas teológicas não consideram a maçã enquanto o fruto proibido, mas sim a uva, ou a baga da uva, ou o cacho da uva!, e em resumo: o seu sub-produto, que é o vinho!
Por isso mesmo, é que certas teorias do Midrash hebraico consideram que foi por esse motivo, ( para expiar o pecado de Adão e Eva que foi cometido no Èden através do vinho), que então o vinho passou a ser usado em rituais dedicados á expiação de pecados, e a Deus.
Mais tarde, o cristianismo viria a perpetuar essa tradição rabínica do fruto proibido usado como elemento redentor através do vinho da Eucaristia, sendo que:
enquanto o vinho no cristianismo representa o sangue de Cristo que nos traz redenção, pois da mesma forma o vinho nas tradições rabínicas representa a redenção pelo pecado de Adão e Eva no Èden.
Pois então:
Conforme as mais ancestrais tradições – que remontam a Adão e Eva, assim como a Lot e as suas filhas – a uva é o fruto proibido que abre a porta ao que é proibido!, então é por isso com esse fruto proibido que se podem celebrar as mais fortes magias amorosas para se colher frutos amorosos proibidos!
Como são feitas as amarrações do fruto proibido
fruto-proibido-deus-bacoAs amarrações do fruto proibido são sempre feitas numa encruzilhada deserta á volta da qual existem vinhas, e sob o luar de lua cheia.
No centro dessa encruzilhada devem ser riscados, ( com cré sagrado), sigilos ou símbolos invocatórios de espíritos.
No centro desses sigilos ou diagramas ocultos, deve ser colocada uma taça de prata que antes foi consagrada em igreja.
No centro da taça de prata consagrada em igreja, são vertidas 7 porções de vinho santo de eucaristia, pois que o vinho é o produto o fruto proibido, e que é a baga de uva. Há quem também use vinho kosher hebraico proveniente de Israel.
Na taça deve depois ser colocado – no centro do vinho – um coração de ave negra oferendado no momento, com o uso de uma faca de prata consagrada e sem imperfeições.
Porque se usa uma ave negra?
Porque assim ensina o ensinamento de são Cipriano:
Assim se pode ler na obra de são Cipriano:

Depois de estudar bem o livro (…) lançou a mão de uma galinha preta própria para as esconjurações diabólicas
Obra de são Cipriano, versando sobre «Erguimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo», capítulo 2º, Pag 248

Pois assim sendo: a oferenda de ave negra é própria para as conjurações mais portentosas, e é preceito adequado á invocação e conjuração das mais portentosas magias.
Isto explicado:
Na taça deve ser polvilhado pó de amarração vodu, assim como sal do mar vermelho, e deve o coração ser trespassado com 5 alfinetes de prata.
Neste momento devem-se entoar 5 litanias ocultas de amarração, e assim deve ser feito de cada vez que se perpassa – com as 5 agulhas de prata – no coração colocado no vinho santo, que está na taça de prata consagrada, e que se encontra no meio de sigilos místicos riscados na encruzilhada ladeada de vinhas.
Pois então:
Nas amarrações do fruto proibido, conforme o coração que esta no vinho – que é o fruto do fruto proibido – está ali polvilhado de pó vodu e trespassado pelos alfinetes de prata consagrada, então também o coração da pessoa que ilicitamente se deseja acabará entregando-se a todos os desejos do mandate da amarração!
Cuidados a ter com amarrações do fruto proibido
As amarrações do fruto proibido são trabalhos de amarração de Santeria, e por isso são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a milenares técnicas de invocação de espíritos!
Por isso:
As amarrações do fruto proibido sendo manipuladas da forma errada – por curiosos, desconhecedores, ou leigos – então podem infestar esses leigos e curiosos de fatais possessões demoníacas, ou de causar grandes tragedias ou estagnação na sua vida, ou na vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também que:
– conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:
Estando as amarrações do fruto proibido celebradas e concluídas, então é muito provável que possam ocorrerem diversos fenómenos rodeando o mago que ali foi executar as amarrações do fruto proibido, tais como:
Ocorrência de ruídos estranhos e inexplicáveis, sensações de arrepios, manifestações de assombrações, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação logica, estranhas brisas de vento, manifestações de vultos, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa ali presente se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.
Porem, e conforme sempre dizemos:
Tudo isso são manifestações próprias de uma destas amarrações do fruto proibido, e que ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), por isso devem ser exercidos apenas por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam treinados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Mais dizemos:
A quem encomenda as amarrações do fruto proibido, eis que devereis cuidar:
Neste tipo de trabalhos, ( como em todos os trabalhos que lidam com invocações de espíritos), não se deve jamais andar a toda a hora a olhar o relógio, e todos os dias olhando o calendário, e a todo o tempo caído em impaciências, duvidas e inquietações, pois olhai que assim está escrito na obra de são Cipriano:

«[Implorou Siderol]: perdão, perdão, Lúcifer (…)

[Respondeu Lúcifer]: não te disse já, (…), que na minha lei também é preciso ter paciência? »

Obra de são Cipriano, «Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do Diabo», capitulo 8º, pagina 260

Assim se fica sabendo:

Os prodígios de são Cipriano não ocorrem na «impaciência», mas sim eles florescem na «fé» e eles frutificam na «paciência», pois que ensina são Cipriano que o tempo dos espíritos não é o tempo das pressas picuinhas dos homens, e por isso: seja na magia branca, ou seja na magia negra, ( e seja em qualquer trabalho de invocação de espíritos), a lei dos espíritos manda ter paciência, pois acaso não está escrito: «na minha lei também é preciso paciência»?

Pois então: Seja na magia negra ou branca, eis que a obra de são Cipriano garante que com «fé» e «paciência» todos os frutos do espírito são infalíveis!, e porem agindo ao contrario então poder-se-á colher tudo ao contrario daquilo que se deseja!.

Por isso:

– A inquietação e ansiedade e as duvidas são veneno que mata o fruto da obra do espirito, pois que a duvida é o veneno da fé, e pois que quem tendo visto os espíritos manifestarem-se então não pode mais ter duvida alguma!, mas sim deve trilhar no caminho da certeza!, e deixar os espíritos trabalhar e edificar conforme eles querem, pelo tempo que eles determinarem, e pelos caminhos que eles escolherem!

Pois por isso:

– Neste tipo de poderosos trabalhos deve-se adoptar essa postura espiritual e deixar aos espíritos trabalhar, pois eles trabalham sempre por caminhos misteriosos, e eles operam sempre por trilhos insondáveis, e o seu fruto acaba sempre florescendo no tempo pelos espíritos marcado, e não no tempo das impaciências humanas.

Assim sendo:

– Respeitai esta regra para do espírito colher bom fruto, ao invés de colher tudo ao contrario daquilo que se foi aos espíritos pedir.

Como funcionam as amarrações do fruto proibido?
as amarrações do fruto proibido são o trabalho ideal para quem deseja amarrar alguém que não se pode ter – porque é alguém proibido! – e por isso este trabalho aplica-se ás mais constrangedoras situações em que alguém deseja outrem, e porem não pode expor publicamente esse seu desejo!
Por isso:
Nesse tipo de situações, então é conveniente que seja a pessoa desejada a vir-se entregar em segredo, pois que dessa forma grandes dissabores serão evitados, e assim se poderá desfrutar com grande prazer desses secretos desejos que alguém tem por outrem, a quem não pode legitimamente possuir.
Por isso mesmo, repetimos:
fruto-proibido5– O fruto proibido foi aquele através do qual Eva foi fazer a tentação recair sobre Adão quando assim era proibido, e foi através desse fruto que Eva fez Adão cair na tentação.
Pois da mesma forma:
é através da amarração do fruto proibido que uma mulher poderá fazer um homem cair na tentação, ou um homem fará uma mulher cair na tentação!, mesmo quando assim seja proibido!, seja lá porque motivo for.
Isto explicado, voltamos a dar o ensinamento de que sempre damos sobre trabalhos de são Cipriano com invocação de espritos, ou seja:
Os trabalhos de são Cipriano com invocação de espíritos começam a manifestar os seus efeitos 7 dias apos estarem concluídos, e depois de darem os seus efeitos e manifestações, então dai em diante eles persistirão em espirito insistindo e persistindo na criara amarrada ate que ela ceda!, e no momento pelos espíritos determinado ela cederá!
Por isso, explicamos conforme já antes explicamos:
Porque professamos que demora 7 dias para que o trabalho do santo desça numa pessoa que o pediu?
Porque assim ensinou e está escrito na obra de são Cipriano:

lava-se em agua de três procedências: do mar, da cachoeira e da chuva. A seguir (…) diz-se: «Pelas sete pragas, pelas sete maravilhas(…)»
Obra de Aço de são Cipriano, Cap 3, «Estudos e experiencias de são Cipriano», versando sobre «Os sete prodígios de Siderol», Pag 112

Pois assim se sabe:
Sete são as pragas do santo, assim como sete são as bênçãos do santo.
Pois da mesma forma, quer isto dizer para aqueles que são entendidos e conhecedores no segredo e no preceito do santo:
Conforme 7 são as bençoes do santo, e conforme 7 são as pragas do santo, pois também 7 são os dias para que a obra do santo desça neste mundo, querendo isto dizer: são necessários 7 dias para que os espíritos invocados venham a este mundo.
Pois assim sendo, eis que assim se sabe:
São necessários 7 dias apos a conclusão de um trabalho de Alta Magia – negra ou branca – para que os espíritos invocados venham a este mundo, e apos esses 7 dias os espíritos manifestar-se-ão, e depois disso – dai em diante e findo esse prazo de 7 dias – então os espritos trabalharão pelo tempo que for necessário ate que a sua obra se edifique.
E por isso:
– 7 dias é o tempo que se deve esperar com serenidade e fé, para que sejamos escutados pelos espíritos!, e dai em diante a obra dos espíritos depois desce a quem a invocou.
Pois então:
– Apos esses 7 dias, eis que a obra do espirito descerá!, e eis que ela se manifestará!, e dai em diante ela trabalhará pelo tempo que for necessário – sempre sem cessar nem parar! – ate que a pessoa amarrada se entregue.
Efeitos dos trabalhos de amarração o fruto proibido
fruto-proibido3As amarrações do fruto proibido são – conforme já explicamos – ideais para situações em que se tem um desejo secreto por alguém, e porem, ( seja porque motivo for), não se pode abertamente arriscar avançar nessa pessoa, e por isso a situação exige a maior prudência, e por isso o desejável é que seja a pessoa desejava a vir comer na mão do mandante da amarração, e que tudo ocorra com a maior discrição!, assim se satisfazendo os desejos secretos que alguém tem por outrem que lhe é proibido ter.
As amarrações do fruto proibido são realizadas em encruzilhada, e dai em diante, ( estando celebradas as amarrações do fruto proibido), então eis que espíritos serão chamados a vir do mundo dos mortos ao nosso mundo dos vivos, e assombrar a criatura amarrada!, e assim será sem misericórdia, nem perdão, nem apelo, nem agravo!, e por isso essa criatura amarrada pelas amarrações do fruto proibido será em espirito infestada de aparições, de assombrações e de espíritos na sua alma e no seu espirito!
Por isso, vemos repetir o ensinamento de santo que sempre anunciamos, ou seja:
— Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante das amarrações do fruto proibido.
Por isso:
neste tipo de amarrações do fruto proibido, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, tal conforme naquela encruzilhada o fruto proibido de Deus foi mergulhado em sangue e foi entregue aos espíritos em nome dessa pessoa amarrada, pois que essa pessoa amarrada é o fruto proibido de quem a mandou amarrar.
E por isso:
A pessoa – enfeitiçada por amarrações do fruto proibido – bem que pode andar pela rua como se nada fosse, e ela bem que pode andar todos os dias com um sorriso estampado na cara, e ela bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem:
Na pessoa – enfeitiçada por amarrações do fruto proibido – a sua alma e o seu espírito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.
Por isso:
Nas amarrações do fruto proibido, assombrações, aparições e espíritos de defuntos persistirão, ( pelo tempo que for necessário!), fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – sempre que ela vai dormir na solidão da penumbra do seu leito – ate que essa pessoa acabe cedendo, e se vá entregar a quem a mandou amarrar amorosamente.
Porem, tome nota:
Nas amarrações do fruto proibido, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que aqui descrevemos – e como sempre ensinamos – irá passar-se inconscientemente na pessoa amarrada, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de um trabalho de amarração, mas antes quer-se que ela pense que se foi entregar ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade essa criatura apenas se vá entregar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!
Assim sendo:
Nas amarrações do fruto proibido, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo indo consultar a cartomantes ou videntes – não fique jamais a saber que foi vitima de um trabalho de amarração!, e ainda menos possam as pessoas á volta da criatura amarrada jamais desconfiar que ela foi alvo de uma amarração amorosa, e jamais se levantarem suspeitas!
Então:
As amarrações do fruto proibido, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), são indetetáveis e invisíveis!, pelo que – repetimos – são feitos de forma a não causar suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso:
As amarrações do fruto proibido, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), agem durante de noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está na penumbra do seu leito e rodeada da escuridão, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espírito com terríveis aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão cicatrizes de tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpétuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois é isso que os espíritos ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso: embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração do fruto probido, e por isso: demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Escreva-nos!

amarrações do fruto proibido, trabalhos de amarração de Santeria, trabalhos de amarração vodu, trabalhos de amarração, amarrações, trabalhos de amarração com invocação de espíritos, amarrações amorosas, macumba de amarração,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração de Santeria

vodu
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Trabalhos de amarração de Santeria

Costumamos dizer nesta nossa linha da religião da Santeria:

«Na religião da Santeria somos 100% Cristãos, e porem somos também 110% santeiros e vodu!»

Olhai:
A um sacerdote cristão chama-se de padre, a um sacerdote evangélico chama-se de pastor, a um sacerdote hebraico chama-se de Rabino, a um sacerdote de Umbanda, (Umbanda é uma palavra que provem de Quimbunda de Angola), chama-se Pai de Santo, e a um sacerdote de Santeria chama-se de Santeiro ou Santeira.
Então:
Em Santeria somos santeiros, ou seja: somos sacerdotes desta nossa religião de Santeria, e nela cremos em Cristo, e professamos a nossa devoção aos santos, e por isso – porque cristo era um santo, o santo acima de todos os santos – então cremos que todos os santos são espíritos ancestrais que persistem em espirito vivendo no mundo dos espíritos.
Por isso:
cremos nas invocações dos espíritos!, e cremos nos espíritos!, e cremos nas assombrações e aparições, e professamos que os espíritos descem neste mundo conforme forem adequadamente invocados, para em espirito destinar e decretar conforme aquilo que lhes for conjurado!, e que dai em diante – 7 dias apos um trabalho de espíritos estar concluído – então os espíritos, as aparições e as assombrações permanecerão neste mundo manifestando-se, e dai em diante os espíritos permanecerão neste mundo em espirito edificando – pelo tempo que for necessário – ate que a bênção ou maldição que lhes for demandada então acabe por ser concretizada!
Os espíritos se forem bem invocados,( através dos rituais certos), podem atravessar através da fronteira ou do véu das nevoas e neblinas que separam o nosso mundo dos vivos, do mundo dos mortos.
E como se fazem as invocações de espíritos na Santeria?
vodu-1As inovações de espíritos na Santeria fazendo-se sempre em solo sagrado, (como o tereno um cemitério, ou um terreiro de santo, ou no solo de um templo de santeria , ou em encruzilhada assombrada), onde fazem-se ali se riscam diagramas ou símbolos ocultos desenhados em cré branco e sagrado, assim como com o sangue de oferendas de ave negra, aos quais se chamam pontos riscados.
Nas invocações de Santeria e vodu aos espíritos, é usado um pó místico preparado conforme as ancestrais tradições de Africa.
Nesse pó Vodu de Santeria, são usados ingredientes como sal sagrado, pó de ossos de defuntos, raízes de Adão e Eva, sementes de Violeta Africa da Tanzânia, 6 porções de sangue coagulado e migado de 6 oferendas de gado negro, coração de morcego já defumado e migado, erva do diabo de Africa, 6 porções de enxofre, pó de vísceras de oferendas de aves negras consagradas aos espíritos, favas migadas em pilão negro conforme são Cipriano ensinou nas suas magicas, pó de incenso sagrado, variadas especiarias do oriente, e um conjunto de ervas ocultas que são segredo milenar. Escusado será dizer que não revelamos aqui toda a formula do pó magico vodu, para que não vão desconhecedores ir meter as suas mãos num assunto que , ( sendo lidado por desconhecedores), lhes poderia causar infortúnios e fatalidades, e por isso mesmo é que tal forma do pó vodu permanece em segredo há seculos, e nem os cientistas – com a sua bateria de testes – nem mesmo assim ainda a conseguiram desvendar.
Nos trabalhos de amarração de Santeria, esse pó vodu é preparado ao longo de 6 luas cheias, e depois consagrado em rituais vodu – numa encruzilhada assombrada – por mais 6 luas cheias, e finalmente estará preparado para ser usado apos mais 6 luas cheias dele ter sido vertido numa pequena caixa de madeira de aveleira que foi sepultada numa sepultura de um cemitério, e ali ficou repousando com os espíritos e almas até á noite de ser exumada do cemitério para poder se usada.
Um tal pó vodu provem das mais ancestrais sabedorias e formulas ocultas da milenar Africa ,e ele é um poderoso meio de invocação das almas, dos espíritos e das aparições.
Nos trabalhos de amarração de Santeria, o pó vodu é soprado sobre um boneco vodu colocado no centro de um pergaminho virgem , no qual foram desenhados sigilos ou símbolos ocultos com o sangue de 5 oferendas de gado negro.
Nesse mesmo momento, uma ave negra sem imperfeiçoes é oferenda aos espíritos através do uso de uma catana , ( ou facão de mato usado numa machamba), sendo a catana antes oleada com uma poção sagrada, fumegada com finos tabacos africanos, e aspergida com bebida fermentada agradável aos espíritos que se estão invocando no momento do oferendamento.
Depois disso, é entoada uma litania oculta de amarração vodu, ( ás quais se chamam pontos cantados), para que conforme naquele boneco se esta trabalhando, pois também o espirito da pessoa que se deseja amarrar seja em espiro infestado e trabalhado pelos espíritos que se estão invocando.
vodu-5Em redor do ritual, são presenciadas oferendas alimentícias agradáveis aos espíritos, sendo que – conforme ensina a Bíblia – no caso de ser comida se chama oblações, e no caso de serem bebidas se chama libações.
Conforme já antes explicamos, eis que assim se faz:
Tais oferendas de comida, ( ou oblações) assim como oferendas de bebida, ( ou libações), assim como de finos tabacos, perfumes e incensos que são oferendados no ritual de Santeria ou vodu, eles devem ser sido antes preparados conforme um exigente código de confecção, pois que devem ser totalmente agradáveis aos espíritos invocados.
Por isso:
conforme a comida Kosher hebraica deve ser confeccionada segundo rigorosos procedimentos bíblicos, pois também aqui ocorre o mesmo, ou seja:
os animais devem ser oferendados sem se lhes causar qualquer sofrimento, e sempre com uma lamina pura sem quaisquer imperfeiçoes, e destinada exclusivamente aos rituais de oferendamento.
Mais:
As carnes das oferendas devem ser antes temperadas com ervas de Africa e salgadas de uma certa forma adequada.
Mais:
todas as aves e o gado que são oferecidos aos espíritos, devem antes ter sido especialmente criados da forma certa – para que sejam adequados a uma oferenda espiritual.
Mais:
os ovos que se usarem devem ser puros e sem defeito, e devem provir de uma ave negra especialmente criada para efeitos de rituais vodu.
os peixes oferendados devem ter sido pescados de fresco e talhados da forma certa sob um luar de lua cheia. Também as farinhas e os vegetais devem ser sempre provir de terrenos que foram consagrados aos espíritos, assim como os azeites e óleos usados para cozinhar devem ter sido previamente ritualizados ao longo de 7 luas.
Por ultimo:
o vinho e as bebidas fermentadas devem ter sido trabalhados de acordo com preceitos espiritais que as tornem santas e adequadas ao seu uso em rituais de oferendas aos espíritos.
Sendo um tal ritual vodu e de Santeria bem praticado, então espíritos serão conjurados e invocados a descer e escutar o pedido de amarração amorosa que se lhes vai declarar!, e assim sendo:
dai em diante esses espíritos e assombrações permanecerão em espirito trabalhando e assombrando – pelo tempo que for necessário – ate que a sua missão seja cumprida!, e eles jamais largarão a criatura enfeitiçada pelos trabalho de amarração de Santeria senão quando essa pessoa ceder e se entregar ao mandante da amarração.
Como funcionam os trabalhos de amarração de Santeria e vodu?
Como todos os trabalhos deste portento, eles começam dando efeitos 7 dias apos estarem concluídos, e depois de darem os seus efeitos e manifestações, então dai em diante eles persistirão em espírito insistindo e persistindo na criatura amarrada ate que ela ceda!, e no momento pelos espíritos determinado ela cederá!
Explicamos agora como já antes explicamos:
Porque dizemos que demora 7 dias para que o trabalho do santo desça numa pessoa que o pediu?
Porque assim está escrito na Palavra de Deus:

durante sete dias, não se afastem, porque só ao fim de sete dias é que está concluída a cerimónia da vossa consagração
Levítico 8,33

Pois então
Assim se sabe que são necessário 7 dias para que alguém seja consagrado ao espirito, (pois que Deus é espirito!, e Jesus é espirito!, e os santos são espíritos!), e por isso são necessários 7 dias para que alguém seja consagrado ao espirito, e para que dai em diante a obra do espirito desça em quem nela esta procurando consagração e auxilio!, e por isso:
7 dias é o tempo que se deve esperar com serenidade e fé, para que sejamos consagrados ao espirito!, e dai em diante a obra dos espíritos depois desça a quem a invocou.
Pois então:
Apos esses 7 dias, eis que a obra do espirito descerá!, e eis que ela se manifestará!, e dai em diante ela trabalhará pelo tempo que for necessário – sempre sem cessar nem parar! – ate que a pessoa amarrada se entregue.
Cuidados a ter com trabalhos de amarração de Santeria e vodu
Os trabalhos de amarração de Santeria e vodu são trabalhos místicos poderosos, feitos com recurso a ancestrais técnicas de invocação de espíritos!
Por isso:
Os trabalhos de amarração de Santeria e vodu sendo usados da forma errada – por desconhecedores, curiosos ou leigos – então podem infestar esses curiosos de terríveis possessões demoníacas, ou de causar grandes tragédias e estagnação á vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de trabalhos um mago santeiro preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também, que conforme sempre avisamos, então mais uma vez vamos repetir:
Estando os trabalhos de amarração de Santeria e vodu celebrados e concluídos, ( e eles devem ser repetidos por mais de uma dezena de noites em cemitério, ou em encruzilhada assombrada deserta que exista no meio de um campo isolado, ermo e deserto, ladeado de árvores), então é muito provável que possam ocorrerem sons estranhos, arrepios, manifestações de assombrações, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), ou acontecer ver-se coisas que se movem sem explicação lógica, estranhas brisas de vento, manifestações de vultos, falhas em lanternas ou equipamentos elétricos que se tenham levado para o local, alterações de temperatura anormais, ou ate que a pessoa se sinta incomodada por pressentir estar sendo observada por uma entidade invisível.
Porem, conforme sempre dizemos:
Tudo isso serão manifestações próprias de um destes poderosos trabalhos de amarração de Santeria e vodu, e que apenas devem ser por isso praticados por sacerdotes santeiros treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso estejam preparados para lidar nestas artes ocultas!, pois que indo o curioso, o desconhecedor, ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria e vodu, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Efeitos dos trabalhos de amarração de Santeria e vodu
vodu-3Os trabalhos de amarração de Santeria e vodu são poderosas amarrações feitas com recurso a ancestrais praticas ocultas africanas!, e por isso conforme esses rituais são assentados em cemitério ou encruzilhada ou em templo vodu, então eis que espíritos serão chamados a vir a este mundo e assombrar a criatura amarrada!, e assim será sem misericórdia, nem perdão, nem apelo nem agravo!, e por isso essa criatura amarrada será em espirito infestada de aparições, de assombrações e de espíritos na sua alma e no seu espirito!
Por isso, vamos estar repetindo o que sempre dizemos, ou seja:
– Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos trabalhos de amarração de Santeria e vodu.
Por isso:
neste tipo de trabalhos de amarração de Santeria e vodu a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, tal conforme naquele ritual de Santeria o boneco vodu, ( representando a criatura amarrada), foi ali trabalhado pelo feitiço de Santeria e vodu.
E por isso:
A pessoa – enfeitiçada por trabalhos de amarração de Santeria e vodu – bem que pode andar pela rua com um sorriso estampado na cara, e bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos.
Por isso:
Nos trabalhos de amarração de Santeria e vodu, as assombrações, as aparições e os espíritos de defuntos persistirão fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – sempre que ela vai dormir na solidão da escuridão – ate que essa pessoa vá ceder, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar amorosamente.
Note-se:
Nos trabalhos de amarração de Santeria e vodu, ( conforme em todos os grandes trabalhos de Santeria), tudo isto que descrevemos – e como sempre ensinamos – passar-se-á inconscientemente na pessoa amarrada por trabalhos de amarração de Santeria e vodu, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de uma feitiçaria de amarração amorosa, mas antes quer-se que ela pense que voltou ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade ela apenas vá voltar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!
Assim sendo:
Nos trabalhos de amarração de Santeria e vodu, os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo indo consultar a cartomantes, tarólogos ou videntes – não fique jamais a saber que foi vitima de um feitiço de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que rodeiam a criatura amarrada jamais desconfiar que ela foi alvo de um feitiço de amarração amorosa, pois tudo deve parecer normal, e jamais levantar suspeitas!
Então:
Os trabalhos de amarração de Santeria e vodu são indetetáveis e invisíveis!, pelo que não causam suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso mesmo eles agem durante de noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está no seu leito e rodeada da escuridão lá no seu quarto, ali assombrando essa criatura amarrada e trabalhando no seu espirito com terríveis aparições e assombrações, ( que ela não se lembrará quando acordar, mas que lhe deixarão tormentos sobre tormentos na sua alma!), e assim ocorrerá perpétuamente de 7 em 7 noites, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar!, pois é isso que os espíritos vão fazer, ou seja: as assombrações ficarão murmurando, sussurrando e zurzindo todas as noites na alma da pessoa, e por isso: embora depois a pessoa conscientemente não tenha recordação disso, porem a sua alma e o seu espirito bem sabem que apenas terão sossego quando se entregarem ao mandante da amarração de Santeria e vodu, e por isso: demore o que demorar, essa pessoa – sem sequer saber nem tendo consciência porque o fez – acabará entregando-se!

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Escreva-nos!

trabalhos de amarração de Santeria, trabalhos de amarração vodu, trabalhos de amarração, trabalhos de amarração com invocação de espíritos, amarrações amorosas, macumba de amarração, amarrações,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Feitiços de amarração da taça de prata com sal do mar morto

taca-prata2
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Feitiços de amarração da taça de prata com sal do mar morto

Quem já não amou e porem – por diversas circunstancias – perdeu a pessoa amada?
Quem já viveu essa dor, sabe bem que uma vida sem amor não é vida!, que pior será se essa pessoa amada, ( seja por intromissão de outrem, ou seja porque é demasiado teimosa), então persitir em não abrir o seu coração, nem ceder na sua teimosia.
Pois então:
Porque são Cipriano bem sabia que os remédios do espírito são tão importantes como os remédios do corpo, ( pois que se os remédios do corpo curam as moléstias do corpo e prologam a vida, porem a vida sem amor não é vida!), então o santo muito se dedicou aos mais profundos mistérios do oculto, para através do espírito dar cura ás enfermidades do espirito, conforme os médicos são cura ás enfermidades do corpo.
sal-mar-morto2Pois em tais estudos místicos, eis que que se encontra uma poderosa formula espiritual que remonta a tempos bíblicos ancestrais, e que são os feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto.
Os feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto são uma poderosa e ancestral conjuração de espíritos, e que – conforme bem podereis aqui confirmar – lidam com fortes invocações que tanto podem apelar a anjos, como a demónios, como a espíritos de defuntos.
Assim sendo:
A conjuração de espíritos – dos feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto – deve ser feita com uma taça de prata, na qual deve ser colocado sal consagrado do mar morto antes misturado e pisado – num pilão de pau preto africano – junto com carvão santo de igreja.
Nos feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto, deve ser adicionado incenso do oriente, ( de onde provem os 3 reis magos que abençoaram a vinda de Jesus Cristo a este mundo), assim como adicionadas ervas hissopo de Israel, e madeira de cedro do Líbano.
Na taça de prata, deve ser introduzido um papiro Egípcio virgem, onde ali foram escritos os nomes das pessoas que se pretende amarrar.
Assim estando feito, então – nos feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto – deve o mago deixar pingar 3 gotas do seu próprio sangue na taça de prata.
Tudo deve depois ser aspergido com inflamáveis óleos consagrados, assim como deve ser feitas libações de bebida fermentada, e depois tudo deve ser incendiado com um fosforo.
O conteúdo da taça de prata arderá em chamas, e fumo ascenderá aos céus, e nesse momento deve-se entoar um encantamento em latim, por forma a conjurar os espíritos.
Rodeando a taça de prata, devem estar oferendas de finas de comida, bebida, tabacos e objectos agradáveis ao espirito que se está conjurando, pois que isso lhes será agradável de ver quando desceram junto do conjurador.
oferenda-alimentosTais oferendas de comida, ( ou oblações) assim como oferendas de bebida, ( ou libações), assim como tabacos, perfumes e incensos devem ser sido antes preparadas conforme um exigente código de confecção, pois que devem ser impecavelmente agradáveis aos espíritos invocados. Tal como a comida Kosher hebraica deve ser preparada segundo rigorosos procedimentos bíblicos, também aqui ocorre o mesmo, ou seja: os animais devem ser colhidos sem se lhes causar qualquer sofrimento,(tal conforme na religião hebraica manda a tradição da «shechita»), e com uma faca de prata sem quaisquer imperfeiçoes, e destinada exclusivamente aos rituais de oferendamento.
As carnes das oferendas devem ser salgadas de um certo jeito com sal consagrado e ingredientes africanos ancestrais, assim como as aves e o gado que é oferecido, deve antes ter sido especialmente criado da forma certa – para que seja adequado a uma oferenda espiritual – assim os ovos devem ser puros e sem defeito, as ovas de peixe devem ser apenas as vermelhas, os peixes devem ter sido pescados de fresco e talhados da forma certa logo no momento da sua captura, as farinhas e os vegetais devem ser sempre provir de terrenos que foram consagrados aos espíritos, os azeites e óleos usados para cozinhar devem ter sido previamente ritualizados ao longo de varias luas, assim como o vinho ou as bebidas fermentadas devem ter sido trabalhados de acordo com regras espiritais que as tornem adequadas ao seu uso em rituais de oferendas aos espíritos.
Sendo um tal ritual bem praticado, então espíritos serão conjurados a descer e escutar o pedido de amarração amorosa que se lhes vai demandar!, e dai em diante esses espíritos permanecerão com o mandante da amarração – pelo tempo que for necessário – ate que a sua missão esteja cumprida!, e eles jamais largarão a criatura enfeitiçada pelo feitiço de amarração dos espíritos senão quando essa pessoa ceder e se entregar ao mandante da amarração.
Como funcionam os trabalho de amarração da taça de prata com sal do mar morto?
Como todos os trabalhos de tal envergadura, eles começam dando efeitos 7 dias apos estarem concluídos, e depois de darem os seus efeitos, então dai em diante eles persistirão em espirito insistindo e persistindo na criara amarrada ate que ela ceda!, e no momento pelos espíritos determinado ela cederá!
Porque dizemos que demora 7 dias para que o trabalho do santo desça numa pessoa que o pediu?
Porque assim está escrito na Palavra de Deus:

durante sete dias, não se afastem, porque só ao fim de sete dias é que está concluída a cerimónia da vossa consagração
Levítico 8,33

Pois então:
Assim se sabe que são necessário 7 dias para que alguém seja consagrado ao espirito – pois que Deus é espirito! – e por isso são necessários 7 dias para que alguém seja consagrado ao espirito, e para que dai em diante a obra do espirito desça em quem nela esta procurando consagração e auxilio!, e por isso:
7 dias é o tempo que se deve esperar com serenidade e fé, para que sejamos consagrados ao espirito!, e dai em diante a obra dos espíritos depois desça a quem a invocou.
Pois então:
Apos esses 7 dias, eis que a obra do espirito descerá!, e eis que ela se manifestará!, e dai em diante ela trabalhará pelo tempo que for necessário – sempre sem cessar nem parar! – ate que a pessoa amarrada se entregue.

Cuidados a ter com a celebração dos trabalhos da taça de prata com sal do mar morto
Porem, há que ter cuidado:
Este é um trabalho místico poderoso, feito com recurso a ancestrais técnicas de invocação de espíritos!, e por isso:
neste feitiço de amarração amorosa é usada uma peça de prata consagrada e ungida numa igreja de Roma, assim como são usados óleos sagrados de Israel, incensos do oriente, hissopo conforme foi usado quando as 10 pragas de Deus se abateram sobre o Egipto, carvões sagrados de igreja, e finalmente:
sal-mar-mortoo precioso sal do mar morto, que é um poderoso agente catalisador das mais fortes invocações espirituais.
Por isso:
usado da forma errada – por desconhecedores, curiosos ou leigos – este tipo de feitiço pode infestar uma pessoa de terríveis possessões demoníacas, ou de trazer grandes tragedias e estagnação á vida das pessoas á sua volta!, pelo que apenas deve operar neste tipo de feitiço um mago preparado e treinado para tal demanda.
Cuidai também, que sempre avisamos:
Estando este feitiço feito, ( e ele deve ser repetido por 14 noites num solo sagrado e consagrado de uma encruzilhada deserta que exista no meio de um campo ermo, isolado e deserto, ladeado de árvores), então é bem provável que possa – aquele que estiver no terreno da encruzilhada erma e deserta á meia-noite e ás 3 da madrugada de cada ritual – ocorrerem sons estranhos, manifestações de assombrações, arrepios, aparecimento de animais, (seja que tipo de bicho for: desde vermes, ou aves, ou cães, ou bodes, ou gatos, ou sapos, ou insectos, etc), estranhas brisas de vento, coisas que se movem sem explicação logica, alterações de temperatura anormais, manifestações de vultos, ou ate que o mago se sinta observado por uma entidade invisível. Se o mago for acompanhado de uma lanterna ou luz elétrica, é bem possível que o aparelho comece falhando, e ate mesmo possa avariar.
Porem:
Tudo isso serão manifestações próprias de um destes poderosos feitiços que recorrem das mais ancestrais magias, e que apenas devem ser por isso praticados por magos treinados em alta magia branca ou alta magia negra, e que por isso possam estar preparados para lidar com estas artes ocultas!, pois que indo o desconhecedor, o curioso ou o leigo meter as suas mãos neste tipo de trabalhos de amarração, então eis que esses infortunados poderão acabar sendo fáceis vitimas de terríveis possessões demoníacas, por vezes fatais!, para si mesmos ou para aqueles que mais amam!
Efeitos dos trabalhos de amarraçao da taça de prata com sal do mar morto
taca-prataAssim explicado, cuidai:
Esta é uma poderosa amarração feita com recurso a trabalhos de amarração com taça de prata de sal do mar morto – que aos mortos e aos espíritos pode invocar com o maior poder!! – e por isso:
Conforme o sal do mar morto ardeu naquela taça de prata naquela erma encruzilhada, pois espíritos serão chamados a vir a este mundo e assombrar a criatura amarrada!, e assim será sem misericórdia, nem perdão, nem apelo nem agravo!, e por isso essa criatura amarrada será em espirito infestada de aparições, de assombrações e de espíritos na sua alma e no seu espirito!
Por isso, repetimos o que sempre dizemos, ou seja:
Demore o que demorar, e teime o que teimar, essa pessoa, ( 7 dias apos o trabalho estar feito), será todas as noites, ( de 7 em 7 noites, e pelo tempo que for necessário), sempre em espirito e no seu espirito assombrada sem cessar, ate que essa pessoa vá ceder e se entregar ao mandante dos feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto.
Por isso:
neste tipo de feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto, a alma da pessoa amarrada será em espirito castigada, assombrada e atormentada – 7 noites apos 7 noites, e pelo tempo que for necessário – por assombrações de espíritos defuntos e espíritos já partidos deste mundo!, tal conforme, (naquela erma encruzilhada), o sal do mar morto foi ardido numa taça de prata, com o sangue de um mago!
E por isso:
A pessoa – enfeitiçada por feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto – bem que pode andar pela rua com um sorriso estampado na cara, e bem que pode andar a pavonear-se de felicidade com outra pessoa qualquer, que porem a sua alma e o seu espirito estarão sempre – todas as 7 noites que passarem, e pelo tempo que for necessário – sendo fustigados e assombrados por aparições, por assombrações e por espíritos, e por isso:
As aparições, as assombrações e os espíritos persistirão fustigando e assombrando no espirito dessa criatura – sempre que ela vai dormir na solidão da escuridão – ate que essa pessoa vá ceder, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar amorosamente.
Por favor, note:
Tudo isto – como sempre ensinamos – passar-se-á inconscientemente na pessoa amarrada por feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto, pois que jamais se deseja que ela tenha consciência de que foi alvo de uma feitiçaria de amarração amorosa, mas antes quer-se que ela pense que voltou ao mandante da amarração de forma perfeitamente natural, embora na verdade ela apenas vá voltar porque foi em espirito – e no seu espirito – forçada a isso!!
Assim sendo:
Nos feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto, os espíritos irão sempre agir na criatura amarrada de forma inconsciente, invisível e discreta na criatura amarrada, para que ela – mesmo indo consultar a tarólogos ou videntes – não fique jamais a saber que foi vitima de um feitiço de amarração!, e ainda menos possam as pessoas que rodeiam a criatura amarrada jamais desconfiar que ela foi alvo de um feitiço de amarração amorosa, pois tudo deve parecer normal, e jamais levantar suspeitas!
Assim sendo:
Os feitiços de amarração da taça de prata e do sal do mar morto são indetetáveis e invisíveis!, pelo que não lançam suspeitas nem mesmo á própria pessoa que foi enfeitiçada!, e por isso mesmo eles agem durante a noite, ( de 7 em 7 noites, sempre sem cessar, e pelo tempo que for necessário), enquanto a criatura amarrada está no seu leito e rodeada da escuridão lá no seu quarto, ali assombrando e trabalhando no seu espirito com terríveis aparições e assombrações, e assim ocorrendo perpetuamente todas as luas cheias, ( pelo tempo que for necessário), ate que essa criatura se canse de tanto tormento, e se vá entregar a quem lhe mandou amarrar.

Quer verdadeiros trabalhos de amarração?

Escreva-nos!

 

trabalhos de amarração, trabalhos de amarração da taça de prata, trabalhos de amarração do mar morto, trabalhos de amarração com invocação de espíritos,amarrações amorosas, macumba de amarração, amarrações,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria
1 2 3 8