Tag Archives: magia negra

Amarrações, amarrações de necromancia

necromancia2
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarrações de necromancia

amarrações, amarrações amorosas, amarrações de magia negra, bruxarias de amarração, amarrações poderosas, amarrações infalíveis, amarrações para marido, amarrações para mulher, amarrações para esposa, amarrações para esposo, amarrações para amante, amarrações para ex, amarrações para amor voltar, magia negra, bruxos, bruxaria, necromancia,

O que são amarrações com recurso a necromancia?

cranio

È reconhecido que objectos que estiveram relacionados com a morte ou que foram intervenientes num processo de passagem deste mundo dos vivos para o mundo dos mortos, são desde sempre considerados objectos investidos de particular poder para agir sobre o mundo dos espíritos. Por isso mesmo as relíquias sagradas são tao importantes na história do misticismo, como por exemplo: lascas da cruz onde cristo foi cruxificado, lascas dos pregos usados na crucificação de Cristo, lascas ou pedaços de ossos retirados de santos apos o seu falecimento, objetos pessoais de santos e que estavam presentes no momento do falecimento do santo, etc.  Vejamos um exemplo:

Os pregos da crucificação de cristo ou a madeira da sua cruz, foram objectos que estiveram presentes no exato momento da morte de Jesus, ou seja: estiveram em contato com o seu corpo e a sua alma no momento em que Jesus morreu e o seu espírito abandonou o corpo para se encaminhar para o mundo dos espíritos. Ora: isso investe esses objetos com um magnetismo particular que é absorvido do momento em que uma alma sai deste mundo físico e a sua alma se encaminha para o mundo do esprito. Nesse momento em ocorre esse fenómeno chamado de morte – que é o fenómeno através do qual uma alma abandona o seu corpo físico e perpassa o véu que separa este mundo carnal do mundo dos espíritos – é gerada uma pequena fissura entre estes dois mundos, e energias são libertadas do mundo do Alem para este mundo, e os objectos que estão ali intimamente relacionados com esse momento são imbuídos de fortes energias espirituais. È como se esses objetos tivessem sido brevemente – apenas por alguns segundos – mergulhados no mundo do Alem e em contato direto com a própria morte, pelo que quando regressam ao seu estado normal neste mundo, eles vem investidos dessa energia espiritual sobrenatural.

Também o santo sudário é um desses exemplos, pois sendo o lençol que envolveu o corpo de Cristo apos a sua morte, porem também estava a envolver o corpo de Cristo quando – passados três dias – o espirito de Jesus regressou a este mundo. Pois então: esse objecto esteve intimamente presente no momento em que ocorreu a abertura de uma fissura no véu que separa o mundo dos mortos do mundo dos vivos, e em que o espirito de Jesus regressou do Outro mundo para este nosso mundo. È como se uma porta tivesse sido momentaneamente aberta, e esse tecido do sudário fosse magnetizado com as energias provindas do Alem, tornando-o num objeto investido de uma intensidade espiritual muito especial.

Necromância4

O mesmo pode suceder com objetos com os quais uma pessoa já falecida tinha uma relação espiritual muito íntima, uma empatia emocional extremamente marcante, tao marcante e tão íntima que faz como se esse objeto fosse como uma parte dessa mesma pessoa. Pode-se tratar de um anel, de uma peça de roupa, de um livro, de um colar, de qualquer objeto tao intimo e no qual a pessoa depositou as suas memorias ou os seus sentimentos de uma forma tao profunda, que se tornou um reflexo espiritual dessa pessoa, de tal forma que esse objeto passa a ser como se fosse um membro psíquico do corpo físico dessa pessoa,  pois que as vibrações e energias dessa pessoa foram depositadas e impregnadas nesse objeto.

Pois bem: no momento do falecimento – quando a alma está a viajar deste mundo dos vivos para o outro mundo dos mortos, e quando se abre a fissura entre os dois mundos – esse tipo de objetos pode receber vibrações do mundo do Alem, ficando assim – tais objetos pessoais do defunto – investidos de uma aura espiritual poderosa.

Também certos locais podem ser investidos dessa mesma intensidade mística, tais como locais onde pessoas faleceram, ou onde estão depositados os restos mortais de pessoas desencarnadas.  Do ponto de vista religioso, a  Basílica de são Pedro – no Vaticano – esta basicamente fundada em cima de um cemitério, pois por debaixo da basílica encontram-se sepultadas as ossadas de santos do cristianismo, e é ali por baixo da basílica que são sepultados os papas falecidos. Ora: uma igreja edificada em cima de um cemitério – conforme qualquer local edificado por cima de um cemitério e onde se realizam rituais esotéricos – é essencialmente um local altamente propicio a atrair espíritos, fenómenos sobrenaturais e aparições, e é por isso um local assombrado pelo mundo dos espíritos, e quem edificou a basílica de são Pedro bem que sabia destes factos espirituais.  O mesmo fenómeno pode ocorrer em cemitérios, casas assombradas, locais privados ou espaços públicos onde ocorreram falecimentos, etc.

Pois bem:

As amarrações de necromancia são amarrações celebradas em locais com esta natureza esotérica, ou seja:

em locais investidos de um grande magnetismo espiritual e que constituem um poderoso chamamento de espíritos e assombrações, pois são locais marcados pela morte, e onde o véu que separa o mundo dos mortos do mundo dos vivos é mais ténue e mais propicio á invocação de espíritos.

As amarrações de necromancia são por isso amarrações realizadas em locais assombrados, ou usando-se de objetos ligados á morte de um defunto, que é o momento em que uma alma abandona este mundo dos vivos para perpassar o véu do Além e entrar no mundo dos mortos.

As amarrações de necromancia são por isso amarrações necromantes, ou seja, são amarrações celebradas usando-se de técnicas de necromancia, ou seja: técnicas de magia negra que consistem no contato directo com o mundo dos mortos ou o mundo dos espíritos.

Que efeitos tem as amarrações de necromancia?

Fantasmas – o que são fantasmas3

Nas amarrações de necromancia, a pessoa amarrada será noite apos noite visitada por assombrações e visões noturnas que irão a atormentar até que ela vá ceder e se entregar ao mandante da amarração. Nas amarrações de necromancia, a pessoa fica livre de espernear e teimar como entender, pois ela não deve desconfiar que foi embruxada. Porem: Nas amarrações de necromancia, o purgatório de assombrações ira perdurar sem cessar ate que a pessoa se canse, e se entregue. Nas amarrações de necromancia, obviamente que tudo isso se trata de um processo de espiritual de assombrações de cemitério e de demónios, do qual a pessoa não se vai lembrar durante o dia, para que nem ela nem as pessoas á sua volta desconfiem que a pessoa foi embruxada. E porem: Nas amarrações de necromancia, á noite o tormento das assombrações voltará sempre para assombrar, até que a criatura embruxada e assombrada se entregue.

Por isso, a criatura amarrada pelas amarrações de necromancia estará condenada a entregar-se ao mandante da amarração, e enquanto teimar em não ceder então será em espirito fustigada no seu espirito pelos tormentos das assombrações e aparições, e assim será noite apos noite – em espirito no seu espirito – ate que a pessoa se entregue.

Aviso sobre amarrações de necromancia:

Nas amarrações de necromancia, esta amarração é um ritual de magia negra poderoso, pelo que quando está a ser celebrada em cemitério ou em locais assombrados, podem-se ver vultos ou assombrações, sentir ventos uivando, sentir alterações de temperatura, escutar murmúrios de espíritos, ver serpentes, ver larvas, vermes ou insectos, ver animais rondando como gatos negros, sapos, serpentes, ou cães negros, ou bodes negros, ver mochos voando por cima do bruxos, ou ver um corvo negro, ou ouvir uivos de animais, pois que se está invocando a espíritos e assombrações que se manifestam no momento da conjuração. Por isso: não vá empreender nestes rituais se não for um bruxo treinado para lidar neles, pois que o incauto ou curioso poderá acabar possuído de espíritos, e sofrendo fatalidades.

Observação final sobre amarrações de necromancia:

Nas amarrações de necromancia, ninguém jamais veja nem vá tocar nesse trabalho sepultado em local assombrado. Se alguma vez você por acidente encontrar e vir um trabalho desses, volte a sepulta-lo imediatamente e não lhe toque jamais !, pois você corre o risco de acabar possuído por possessões e horríveis flagelos!

Quer amarrações?

Bruxarias de amarração ?

Escreva-nos!

amarrações, amarrações amorosas, amarrações de magia negra, bruxarias de amarração, amarrações poderosas, amarrações infalíveis, amarrações para marido, amarrações para mulher, amarrações para esposa, amarrações para esposo, amarrações para amante, amarrações para ex, amarrações para amor voltar, magia negra, bruxos, bruxaria, necromancia,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Necromancia, magia negra, bruxaria,

necromancia1
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Necromancia, magia negra, bruxaria,

necromancia, magia negra, bruxos, bruxaria,

Ao longo dos últimos milhares de anos, a palavra “necromancia”, interpretada por diferentes pessoas de maneiras muito diferentes. O leigo sabe que é algo que tem a ver com espíritos, mas provavelmente pouco mais saberá.

necromancia2

O termo necromancia é derivado da palavra latina “necromantia”, que provem de um conceito clássico pós clássico. O significado grego é uma amalgama dos termos ‘nekros’ que significa “cadáver” e “mantiea”, que significa profecia ou revelação. Ou seja: trata-se da arte oculta de entrar em contato com espíritos de mortos para lhes pedir auxilio numa certa demanda, sendo que os espíritos desencarnados de cemitério respondem indicando o caminho de sabedoria que se deve trilhar para se alcançar um determinado objectivo neste mundo dos vivos. Essa sabedoria transmitida pelos mortos é quase sempre recebida – e pelo necromante – na forma de visões ou mensagens espirituais nem sempre fáceis de interpretar pelo necromante, pois os mortos que já não tem corpo já não falam com a boca mas sim com através do espirito, e por isso eles não se fazem ouvir por palavras como os seres vivos deste mundo, mas sim através de manifestações sobrenaturais e espirituais próprias do mundo dos defuntos. Por isso, nem sempre é fácil decifrar as mensagens que as assombrações estão a passar lá do outro mundo dos mortos para este mundo dos vivos, e por vezes o processo poder ser perturbador, assustador e aterrorizante.

Esta arte faz parte dos mais ocultos pergaminhos da magia negra, e é uma das mais temidas formas de magia negra, por lidar diretamente com o mundo dos mortos e a esfera das assombrações de cemitério.

O exemplo mais proeminente de uma instância, envolvendo necromancia, é aquele em que Ulisses visita o reino da morte, conforme descrito no poema Odisseia de Homero . A tradição da necromancia era muito comum antes do Renascimento por toda a Europa Oriental, especialmente na Grécia, Sérvia e Roma, etc.

Os necromantes babilônicos eram chamados de ‘manzazuu’ e os espíritos que criavam foram encaminhados para “etemmu”.

necromancia7

Os necromantes são pessoas que tendem a sofrer terríveis padecimentos espirituais, pois não é fácil passar o véu espiritual que separa o mundo dos mortos do mundo dos vivos, e acolher em si o contacto com almas e assombrações de entes já defuntos. São por isso pessoas assombradas e torturadas por assombrações de cemitério, mas que usam a sua arte nas artes da magia negra.

​​Quando Ulisses viaja para a esfera de morte, há uma referência ao poder dos necromantes, que até o século 18, foram amplamente classificados como xamãs.

Os necromantes foram frequentemente chamados de “conjuradores de ossos”, o que é uma alusão á sua presença nocturna em cemitérios, onde através dos ossos de defuntos iniciavam o perigoso, extenuante e doloroso processo de contato com o mundo dos mortos, o que consiste numa pratica espiritual que tem pesadas influências da cultura ritualista pagã. Nesse arte de criar uma ponte entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos, aos ossos de defunto o necromante acaba por juntar rituais ocultos vigorosos e a oferenda de sangue de gado negro, ou aves negra, ou ate mesmo do seu próprio sangue.

Os rituais dos necromantes são dirigidos ás trevas, ou seja: áquela dimensão oculta e obscura onde habitam as assombrações de cemitério, e são rituais perigosos se foram executados por leigos, pois quem vai contatar com as trevas pode acabar preso nas trevas se não dominar as artes da necromancia.

Na sequência do Renascimento, surpreendentemente, algumas alusões bíblicas foram consideradas no que diz respeito às práticas dos necromantes.

Isso deve-se principalmente às Escrituras hebraicas, e existem várias evidências para provar que essas teorias são verdadeiras. Senão, olhai o exemplo da bruxa de Endor enquanto uma mulher praticante da bruxaria e da necromancia, e que é comprovada no Antigo Testamento.

necromancia3

Entre essas referencias históricas á necromancia, no Antigo Testamento surge aquela que consta do I Livro de Samuel, onde se fala da bruxa de Endor, e ali está escrito:

Então disse Saul aos seus criados: Buscai-me uma mulher que tenha o espírito de bruxa. E os seus criados lhe disseram: Eis que em En-Dor há uma mulher necromante que tem o espírito bruxa.
E Saul se disfarçou, e vestiu outras roupas, e foi ele com dois homens, e de noite chegaram à mulher; e disse: Peço-te que pelo teu espírito de feiticeira, e me faças subir do mundo dos mortos a quem eu te disser.
Então a mulher lhe disse:

A quem te farei subir?

E disse ele: Faze-me subir a Samuel.
E o rei lhe disse: Não temas; que é que vês?

Então a mulher disse a Saul: Vejo deuses que sobem da terra.
E lhe disse: Como é a sua figura?

E disse ela: Vem subindo um homem ancião, e está envolto numa capa. Entendendo Saul que era Samuel, inclinou-se com o rosto em terra, e se prostrou.
Samuel disse a Saul: Por que me inquietaste, fazendo-me subir?
1 Samuel 28:7-15

Pois assim se sabe:

necromancia-missa-negra

A chamada bruxa de Endor era uma necromante que morava no vilarejo de Endor – no vale de Jizreel – e que foi consultada pelo Rei Saul quando este desejou comunicar com o espirito do defunto de Samuel. A bruxa fez a sua arte necromante, e o espirito de Samuel subiu a este mundo dos vivos vindo do mundo dos mortos, e comunicou com o Rei Saul. Este relato histórico está registado da Bíblia, e confirma a existência do fenómeno necromante.

Assim, a necromancia sobreviveu até aos dias de hoje, e continua ainda a existir, e as suas praticas manifestam resultados eficazes tanto hoje como na antiguidade.

A necromancia é um mistério das trevas, é um mistério tão profundo e oculto quanto o mistério da própria morte e a vida após a morte, e por isso e é um mistério que deve ser lidado com respeito e apenas por bruxos e necromantes experientes nas artes da magia negra.

Quer verdadeira bruxaria?

Quer trabalhos de magia negra?

Contacte-nos!

necromancia, magia negra, bruxos, bruxaria,

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Os Pactos com o Diabo em bruxaria e Magia Negra

trabalho-de-amarracao
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Os Pactos com o Diabo em bruxaria e Magia Negra

pactos com diabo, pactos satânicos, magia negra, bruxos, bruxaria,

magia de sangue

Ao longo dos seculos muito se tem debatido sobre o comercio infernal que são os Pactos, ou seja:

como estabelece o contrato geralmente conhecido como Contrato do Diabo.

Mefistófeles é  o demônio alemão, cujo contrato demoníaco selado com Faustus tornou-se uma lenda, e foi considerado por muitos nomes na literatura clássica.

Normalmente, um pacto oral convocando demônios ou invocações – aliado á oferenda do candidato a bruxo e servo do Diabo – é usado para atrair as forças das trevas, não sendo necessariamente preciso recorrer a um documento físico.

A pessoa que oferece a sua alma é retratada como excessivamente ambiciosa, tendo prioridades materialistas, etc …

No século XV, quando a inquisição e a caça às bruxas eram predominantes, esse contrato demoníaco era encarado como uma realidade indesmentível. Mas o facto é que o demônio ou a bruxa aparentemente nunca deixaram uma prova física do negócio, ou então poucos originais sobreviveram até aos nossos dias. Em vez disso, o bruxo ou a bruxa recebiam na sua carne ou na sua pele um símbolo demoníaco que selava o contrato infernal.

O chamado documento escrito – quando havia – geralmente era criado usando o sangue do conjurador do diabo. Nos documentos que se diz que existiram também há rumores de estarem ali inscrita a assinatura do demônio. Em livros como “A menor chave de Salomão”, esses sinais são chamados de “assinatura diabólica”.

image004

Uma outra estória famosa é a de Teófilo, um clérigo – vicário da Igreja de Adanas na Sicília,  Itália – que fez pacto com o Diabo . Segundo o padre Crasset, este episodio histórico foi confirmado por S. Pedro Damião, S. Bernardo, S. Boaventura, S. Antônio e outros santos. Diz-se que o pergaminho onde Teófilo assinou o Pacto foi resgatado do Inferno pela Virgem Maria.

Ora, estes são facto relatados na historia da Igreja, e isso sugere o reconhecimento cristão da teoria mítica sobre o Diabo, e dos seus poderes.

Por outro lado, a noção do Paganismo e da bruxaria é uma realidade aceite e validada nas mais altas esferas da Igreja.

A famosa obra Malleus Maleficarum discute várias supostas instâncias de pactos com o diabo … Geralmente, esses pactos sempre tiveram uma influência satânica que leva a pessoa influenciada aos caminhos da bruxaria. Os elementos satânicos na bruxaria são considerados muito influentes ao longo dos seculos, e não devem ser desprezados.

A bruxaria não esconde seu passado histórico, e por isso não esconde que tem fortes alusões à associação com Satanás.

Por volta do século X, o texto de Paulius Draconius foi adaptado para um poema narrativo que elabora a história de Teófilo, um vicário Italiano da Igreja de Adanas na Sicília –  Itália –  que fez pacto com o diabo, sendo que os eventos infernais foram testemunhados por vários santos, tais como S. Pedro Damião, S. Bernardo, S. Boaventura, e S. Antônio.

pactos

Giuseppe Tartini  – Sec XVII – foi um famoso músico italiano que abertamente afirmou ter encontrado o Diabo em sonhos. Quando Tartini tinha 21 anos, ele sonhou que o Demônio apareceu em seus sonhos e que tocou uma canção deslumbrante em um violino.

Ao acordar, Giuseppe Tartini tentou reproduzir os acordes da tal canção, porém só conseguiu fazer versões inferiores. Depois de algum tempo, ele conseguiu recriar parte da canção, originando uma de suas obras mais conhecidas: “O Trilo do Diabo”. Depois de compor essa sonata, Tartini ficou famosíssimo tornou-se num grande músico de renome.

Há também a história do padre Urbain Grandier e das relações  demoníacas desse padre francês que são bastante curiosas. Urbain Grandier era um padre francês –  um sacerdote católico –  que serviu no convento de Londun em 1615. Também dele se diz que foi visitado pelo Diabo, e que fez Pacto com Satanás em troca de ver satisfeitos os seus desejos. Neste caso, um documento foi encontrado nos seus aposentos, redigido em latim, onde constava um pacto com o Demônio.

No sec XVII o famoso Abade Guibourg – que muitas missas negras celebrou para a nobreza e aristocracia da corte do rei de França – também foi escolhido pelo diabo para fazer pacto demoníaco.

Em resumo:

Na bruxaria, os negócios com o diabo não são considerados puníveis ou pecaminosos.

E pergunta-se:

Mas o Diabo aceita a alma de qualquer pessoa?

Não.

Ninguém escolhe o Diabo, o Diabo é que escolhe quem, lhe convém.

Por isso mesmo é que uns são bruxos, e outros são pessoas normais que recorrem aos bruxos e ás suas artes ocultas.

A maioria das pessoas tem a ideia que o Diabo anda por aí desesperadamente procurando e implorando por almas, e nada poderia estar mais errado.

Ora olhai:

Se para ser servo de Deus o cristão tem de mostrar total sacrifico e veneração ao Senhor, e tem de seguir os Mandamentos e Sacramentos de Deus com o maior rigor, pois – caso contrario –  ver-se-á afastado da Graça de Deus, então:

porque se pensa que o Diabo é diferente?, e que o diabo anda por aí nas ruas da amargura a mendigar qualquer alma de qualquer pessoa, como um cachorro mendigando por um osso ?

Nada poderia estar mais errado.

feitiçaria- feitiços

O diabo escolhe aquele que quer para seu servo e bruxo, conforme Deus escolhe quem quer para seu servo e seu santo.

Nenhum santo escolheu ser santo, mas sim foi visitado e escolhido por Deus.

Da mesma forma:

nenhum bruxo escolheu ser bruxo, mas sim foi visitado e escolhido pelo Diabo.

Por isso mesmo, assim se pode ler na obra de são Cipriano:

o teu Deus antigo é o Rei dos Céus e eu sou o Rei dos Infernos. Ele dá leis aos seus vassalos e eu dou-as aos meus.

Enguerimanços de são Cipriano ou prodígios do diabo, pag 260

Pois assim se sabe:

Deus tem os seus vassalos, e o Diabo também tem os seus vassalos, e para ser vassalo de um de outro – seja de Deus ou do Diabo – não basta querer nem desatar a fazer pactos idiotas que muita gente faz por aí e que depois não dão em nada, mas sim é preciso primeiro ser escolhido seja por Deus ou seja pelo Diabo.

E como se é escolhido?

A entidade que lhe escolher vai-se-lhe manifestar, e depois vai fazer de tudo para guiar a sua vida no sentido desse desígnio, até ao ponto em que você não possa mais recusar as evidencias, e aceite o seu destino. È aí –  nesse momento –  que a entidade revela como proceder ao Pacto, e por isso os verdadeiros e ocultos Pactos são misteriosos e desconhecidos dos leigos e ignorantes nos assuntos no espirito.

Mais assim se pode ler na ora de são Cipriano:

Cipriano chamou em seu socorro a Lúcifer (…) que lhe garantiu:

-Elvira será tua. Terás porem, que seguir as seguintes instruções

obra de são Cipriano, versando sobre «Nascimento vida e obra de são Cipriano»,  capitulo «Cipriano e Elvira», Pag 20

Pois assim se sabe:

era recorrendo de Lucifer que são Cipriano abria caminhos aos seus feitos ocultos.

Tanto são Cipriano como a bruxa Èvora tinham Pacto firmado com ao Diabo, e é dai que retiraram os saberes para lidar nas artes do oculto.

Olhai que assim está escrito na obra de sao Cipriano:

– (…) Respondeu Cipriano, não sabes que pertenço a Lúcifer, porque firmei pacto com ele, (…)  Então retira-te da minha vista, quando não, usarei das minhas artes diabólicas

Obra de são Cipriano, Capitulo «são Cipriano e são Gregório tiveram um encontro no qual disputaram acerca da fé católica, ficando são Gregório vencedor e são Cipriano derrotado»,Pag 295

Pois então:

São Cipriano tinha pacto firmado com Lúcifer, e esse pacto é que dá caminho e sabedoria para o uso das artes infernais.

Por isso:

Quando recorrer de um bruxo, não tenha receio pela sua alma, pois quem tem a alma empenhada para operar nas artes do oculto é o bruxo, e não você. A si, cabe-lhe apenas colher o fruto da semente que as artes do Diabo plantam em seu favor através do bruxo.

Quer bruxos de verdade?

Quer bruxaria de verdade?

Escreva-nos!

pactos com diabo, pactos satânicos, magia negra, bruxos, bruxaria,

 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Magia negra no mundo ao longo dos seculos

Amarração-da-cabra-preta
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Magia negra no mundo ao longo dos seculos

magia negra, magia negra no mundo, bruxaria, bruxos, missas negras, estudos sobre magia negra,

sigilos3

Todos nós já ouvimos sobre a Magia Negra em algum momento de nossas vidas e muitos dentre nós têm a noção de que não é algo de bom.

A maioria acredita que indivíduos que praticam magia negra tendem a verter vários tipos de influência negativa e ruim sobre si mesmos e sobre as pessoas vitimas da magia negra.

Embora tal crença tenha sempre existido desde o início da história, também se viu que muitos praticaram a magia negra apenas para alcançar algumas coisas impossíveis de alcançar neste mundo, e que não poderiam ser alcançadas de outra forma senão pela magia negra.

A principal intenção de praticar esses tipos de magia negra sempre foi invocar e manipular as forças das trevas e do demónio.

Daí muitos consideram que esse tipo de ato é mau e que, de um jeito ou de outro, acaba por prejudicar não apenas a pessoa que é vitima da magia negra, mas também acaba por ter um pesado preço espiritual no bruxo que pratica a magia negra.

Pois por isso ser verdade, é que os bruxos não cobram nada barato as suas artes ocultas, pois que de cada vez que moldam um feitiço de magia negra, e de cada vez que metem as suas mãos na magia negra, os bruxos estão a paulatinamente empenhando a sua alma ás trevas.

Uma das criticas que se fazem sobre a magia negra, é que a magia negra molda os destinos da sua vitima privando-a do livre-arbítrio, ou seja: a vitima de magia negra fica destinada a seguir pelos caminhos de vida que a magia negra decretar, quer ela queira ou não.

Tratam-se por isso de feitiços que são moldados sem o livre arbítrio da vítima, mas, por outro compreenda-se:

Pitonisa-en-Delfos

muitas das vezes não há outra forma de alcançar um objectivo impossível senão usando de meios impossíveis, ou seja: sem quebrar as regras da logica e da ciência deste mundo, e sem vergar e dobrar o tecido da existência, pois apenas assim é possível – por vezes – trazer a pessoa amada de volta quando ela se recusa a voltar, ou apenas assim é possível conseguir uma promoção laboral ou um negocio quando quem decide se recusa a dar-lhe essas benesses, ou apenas assim é possível fazer-lhe ter sorte no jogo, ou apenas assim é possível dar ou tirar potencia sexual a uma pessoa rival, ou apenas assim é possível fazer uma mulher engravidar quando os médicos já disseram que isso é impossível.

Existem várias formas de magia negra que são praticadas em diferentes regiões do mundo.

Na verdade, pelos quatro catos do mundo, existem diversos tipos de culturas que seguem diferentes praticas de magia negra.

Em diferentes regiões do mundo pratica-se magia negra em várias formas, como;

A África tem mais sacrifícios feitos de animais e oferendas de sangue, Nas regiões da América, a magia negra é de um tipo mais simples, onde há menos sacrifícios de sangue e mais apelo a espíritos de trevas e assombrações demoníacas que habitam na natureza.

Nos países asiáticos, a magia negra é usada em conjunção com as ancestrais mitologias dos deuses e espíritos de antepassados.

Nos países europeus a magia negra basicamente consiste em usar maldições e encantos de salmos, assim realizando-se  missas Negras.

Por isso, verificou-se que várias regiões e culturas diferentes têm diversas formas de magia negra.

Porem:

A verdade é que o fenómeno da magia negra existe em todas as culturas do mundo, que sempre existiu pelos quatro cantos do mundo ao longo de milhares de anos, e mesmo assim – apesar dos desenvolvimentos científicos – a magia negra sobreviveu ate aos dias de hoje, e por isso: poderão todas as culturas do mundo estar erradas?, ao longo de todos estes milhares de anos?

Mas no fundo, todas as formas de magia negra tem um traço em comum, e que é :

A magia negra basicamente tende a invocar várias forças do universo e da natureza, aproveitando-as conjurar demónios e espíritos de trevas, de forma a que neste mundo se obtenham efeitos considerados improváveis, inexplicáveis e impossíveis.

Também foi notado ao longo da historia da magia negra que muitos praticantes de magia negra também usaram a magia negra para fins de cura, ou seja:

Nalguns casos, essas práticas de magia negra também foram usadas para afastar espíritos ruins ou malignos de entrar em corpos fracos, assim como para curar doenças incuráveis que tenham uma origem espiritual, e ate mesmo para dar o dom da fertilidade a mulheres estéreis, e ate mesmo curar gado enfermo ou expurgar explorações agrícolas amaldiçoadas e limpar aguas potáveis infestadas de bruxaria.

A magia negra moderna ou contemporânea usa mais as bruxarias e as maldições, recorrendo também de sacrifícios animais e missas negras.

Porquê o recurso ás oferendas de sangue de gado negro ou ave negra?

amarracao1

O recurso ao sangue de oferendas animais negras provem da velha tradição de magia negra que considera o sangue como uma espécie de «moeda» de troca espiritual através da qual se pratica um comercio infernal entre este mundo dos vivos e o mundo dos mortos e demónios, ou seja:

faz-se um comercio infernal de «troça por troca», isto é: paga-se aos demónios com oferenda de sangue de gado negro – ou ave negra – para que os demónios e espíritos das trevas – aceitando esse pagamento – venham a este mundo executar a tarefa que lhe foi encomendada.

Porquê o recurso ás missas negras?

355

Já o recurso á missa negra funciona como a inversão de uma missa branca, ou seja:

enquanto que a missa branca tem por finalidade agradar ao espirito de Deus e faze-Lo descer a quem o invoca para d’Ele se receber as suas bênçãos e seus proveitos, já a missa negra tem por finalidade agradar ao espirito do Diabo e faze-lo subir a este mundo, para dele se receber as suas bruxarias e seus proveitos.

Por isso mesmo durante a idade média havia muitos padres, monges e abades que durante o dia celebravam a missa branca a Deus, e á noite celebravam a missa negra ao Diabo, para grande satisfação dos reis, rainhas, nobres e aristocratas que pagavam a peso de ouro esses diabólicos favores e benesses infernais.

Magia - segredos da magia

Embora a magia negra tenha sido realizada em várias regiões do mundo e de várias formas, sua influência sobre os seres humanos sempre foi quase a mesma, que é uma influencia tao poderosa que é inegável.

O fenómeno demoníaco e da magia negra já foi estudado por teólogos, antropólogos, cientistas, e ninguém conseguiu chegar a uma conclusão cientifica que explique como é que a magia negra consegue tantos prodígios impossíveis, mas o facto é que consegue!, e com resultados comprovados e que se repetem sem falhar ao longo dos seculos, e atravessando transversalmente todas as mais diferentes culturas dos quatro cantos do mundo.

Quer magia negra de verdade?

Quer missas negras de verdade?

Quer bruxaria de verdade?

Escreva-nos!

magia negra, magia negra no mundo, bruxaria, bruxos, missas negras, estudos sobre magia negra,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Historia da magia negra, necromancia, bruxaria

pentagrama
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Historia da magia negra, necromancia, bruxaria,

magia negra, necromancia, contato com espíritos, bruxaria, feitiçaria, bruxos, historia da magia negra, historia d bruxaria, magia negra e ciência, bruxaria e ciência,

A magia negra

sigilo4

A magia negra – uma das forças espirituais mais fortes e poderosas do universo – tornou-se uma das mais confiáveis ​​e seguras fontes de soluções para problemas para as pessoas em todo o mundo. Longe vão os tempos foram em que as pessoas se encolhiam apenas diante a menção das artes das trevas e discriminavam a magia negra. No mundo moderno, a magia negra já é um fenómeno espiritual amplamente estudado, seja pela teologia, seja pela antropologia,etc.

É surpreendente notar que milhares de anos atrás, quando a magia negra surgiu pela primeira vez, foi considerada como um pecado. As pessoas que praticavam a magia negra eram perseguidas e executadas. Isso representou um momento da historia da humanidade em que a liberdade religiosa das pessoas não era respeitada. Nesses tempos vivíamos sobre uma tirania religiosa inteolerante, ignorante e que não tolerava outras religiões, e nesses tempos a magia negra foi considerada um crime geralmente punido com a morte.

Na época medieval, quando a magia negra estava no auge, também era o problema mais falado entre as pessoas. Foi amplamente praticado, mas não abertamente. Os livres debates de ideias sobre magia negra ou práticas de artes negras foram estritamente proibidas. Os ensaios de bruxas e caças ás bruxas são um tema popular, o que é familiar a todos. As pessoas foram executadas impiedosamente por praticar bruxaria e isso deu origem a um medo furioso entre as pessoas comuns em relação à magia negra. Desde a Idade Média, a magia negra floresceu e deu origem a vários ramos, o mais importante deles sendo bruxaria, feitiçaria, necromancia, etc. A bruxaria é o tipo de magia negra mais amplamente utilizado. A necromancia concentrou-se principalmente na comunicação com os mortos.

A necromancia

tabua-ouija3

A necromancia envolve principalmente a comunicação com os mortos através de várias formas, como convocar os espíritos ou fazer com que os espíritos aparecem como manifestações corporais, ou que o mundo dos mortos se manifeste em fenómenos físicos que se materializam neste mundo dos vivos.

A necromancia é considerada uma arte proibida, principalmente devido à sua conexão com os mortos. É amplamente associado ao xamanismo, embora difira disso em sua própria maneira.

Há referências à necromancia na “Odisséia” de Homero e outros textos gregos clássicos. Há também referencia á necromancia na própria Biblia, com o celebre episodio da bruxa de Endor.

A necromancia é um dos tipos mais importantes de magia negra e também é a mais eficaz e a mais complexa.

Os círculos mágicos são partes relevantes da necromancia. As práticas relacionadas à necromancia envolvem um procedimento extremamente complicado e um conjunto de muito treino e experiência são necessárias.

A necromancia remonta às antigas civilizações gregas, quando essa forma de bruxaria era extremamente comum e considerada uma parte essencial da vida de alguém.

A crença da vida após a morte foi associada á noção que conjurando os espíritos dos mortos, era possível obter revelações dos espíritos desencarnados, assim como que essas assombrações se manifestassem neste mundo com efeitos concretos. Certos necromantes antigos praticaram alguns terríveis rituais em cemitérios, mas esses rituais desapareceram gradualmente e abriram caminho para um uso mais prático.

A Necromancia é uma arte extremamente difícil de dominar e há poucos praticantes que podem realizar com êxito essas práticas. Para realizar um ritual com perfeição, é necessário um conjunto de treinos e muita experiencia para que nada dê errado.

A necromancia envolve convocar os espíritos escuros, portanto, medidas de precaução devem ser mantidas para evitar desastres ou eventos indesejáveis.

Vários textos populares falam sobre a necromancia, pois é um assunto invulgarmente encantador. Um dos livros mais famosos chamado ‘The Necronomicon’ por H.P Lovecraft, ( 20 de agosto de 1890 — 15 de março de 1937),  é um grimório de ficção estabelecido que fala sobre a necromancia. Como H.P Lovecraft concebeu o título ainda é um mistério para seus leitores, mas a inclinação do autor para a magia negra não era um segredo. O próprio H.P Lovecraft proclamou que ele foi imensamente influenciado pela literatura e escrituras gregas, onde o processo de necromancia é comum. Mesmo os textos romanos mencionam a necromancia, que H.P Lovecraft mais tarde se referiu. Curiosamente, o livro ‘necronomicon’ foi freqüentemente citado como um livro proibido devido ao seu conteúdo sobrenatural, que lidava principalmente com as artes das trevas. Mas com os fãs de H.P Lovecraft lendo e circulando em ampla base, este livro não poderia continuar proibido por muito tempo. Depois de alguns anos de sua publicação, Lovecraft escreveu pseudo-história de necronomicon, denominada “História do Necronomicon”. Este livro foi escrito principalmente para satisfazer a curiosidade dos fãs que queriam saber mais sobre o assunto e o livro de Lovecraft apenas desencadeou sua excitação sobre o assunto.

Livros que são semelhantes ao Necronomicon muitas vezes foram escritos e circulados entre as pessoas, antes e depois do lançamento do livro.

A magia negra, a bruxaria, e as provas cientificas

A magia negra é uma das fontes mais ocultas do mistério do espirito para muitos.

A bruxaria é uma das outras formas de magia negra, e é aplicada de várias maneiras, através de feitiços, encantamentos, rituais, etc.

É notável como a feitiçaria fez o caminho para a mente das pessoas e fez um nome para si mesmo como uma solução sobrenatural extremamente funcional.

É verdade que às vezes o mundo das trevas parece não ter logica segundo o raciocínio comum do ser humano, e porem:

agora mesmo os cientistas começam a descobrir que á dimensões existenciais subatómicas onde todas as leis da logica e da física se desvanecem, e entramos num universo verdadeiramente incompreensível e magico, onde tudo é feito de fenómenos antes considerados impossíveis.

Há quem – por isso –  defenda que o mundo dos espíritos, dos espectros e dos fenómenos sobrenaturais residem e provem dessas dimensões que os cientistas apenas agora começaram a detectar e conhecer.

materia_negra

Se há 1 seculo atras você dissesse aos cientistas que 90% da matéria que constitui o nosso universo não se pode ver nem tocar, e porem existe e está lá, provavelmente diriam que você era louco, porque tudo o que existe no universo é suposto poder ser tocado, pesado e medido. Porem:

agora os cientistas descobriram que afinal não sabemos onde está 90% da matéria que constitui o universo, e que essa matéria se chama de matéria negra.

O mesmo se passa com a energia que flui no universo: os cientistas descobriram que não sabem onde estão 90% da energia que flui pelo universo, e que a essa energias intocáveis chamam-lhe de energia negra.

Por isso:

cada vez mais se prova que existem outras dimensões, outros estados de materia e outros estados de energia que até hoje eram desconhecidos da ciência, e que por isso espíritos e mundo espiritual são uma realidade, e ironicamente é a ciência que está a facultar essas provas.

A história da magia negra é uma provação muito complexa e as artes das trevas tiveram que passar por vários altos e baixos para finalmente chegar a um palco tão fácil de aceitar e aplicar em vidas normais.

O processo de mudança não foi fácil, mas os praticantes e entusiastas têm sido fiéis.

A fé é o que impediu as artes das sombras de desaparecer todos esses anos. Seja bruxaria ou necromancia, as artes ocultas têm sido uma fonte de quantidades extremas de pesquisas e estudos que levaram as pessoas a acreditar e a magia negra e abraçá-la.

Hoje, a magia negra está em uma posição em que é impossível negar sua presença dentro das vidas comuns e seus efeitos são amplamente reconhecidos. Mais: a taxa de sucesso da magia negra é impecável, e é ainda mais uma razão para as pessoas confiarem nela.

A magia negra é um fenômeno complexo, mas que dá resultados concretos.

Quer bruxaria de verdade?

Quer magia negra de verdade?

Escreva-nos!

magia negra, necromancia, contato com espíritos, bruxaria, feitiçaria, bruxos, historia da magia negra, historia d bruxaria, magia negra e ciência, bruxaria e ciência, 

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarração do caixão

amarracoes666
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarração do caixão

Amarrações, amarração, bruxaria de amarração, magia negra, feitiços de amarração, amarração do caixão, bruxos, magia satânica,

Há certas leis do nosso mundo físico, assim como há certas leis do mundo do espirito.

Por exemplo:

Neste mundo físico, os nossos corpos estão lutando continuamente contra invasores sob a forma de bactérias, vírus e germes. Se nossas células parassem de lutar e matar invasores nocivos, rapidamente ficaríamos doentes e morreríamos. Este é um fato da vida e é uma lei natural.

Da mesma forma:

No mundo espiritual há uma tremenda força mística das trevas, que é a magia negra, e que ajuda a combater todas as coisas que nos fazem espiritualmente doentes e atormentados.

Por exemplo:

A falta de um amor, a falta de um lar, a falta de prosperidade, a falta de sorte, a falta de filhos, a falta de justiça quando se é injustiçado, a falta de um casamento,  tudo isso tem consequências no espirito, e podem levar uma pessoa á ruina, á infelicidade e á desgraça.

Pois então:

Conforme o corpo tem células e moléculas que visam matar os germes e vírus, pois também a magia negra tem a força para eliminar os obstáculos á sua felicidade.

Amarrações do caixão

bruxaria3As amarrações do caixão são poderosas bruxarias de amarração de magia negra.

Nas amarrações do caixão, construa-se um pequeno caixão de madeira. Nas amarrações do caixão, o caixão deve ser feito de madeira de acácia. A madeira de acácia tem poderosas propriedades de apelo ao espirito, e por isso mesmo os altares que Deus ordenou que os altares que Lhe fossem edificados, fossem-no em madeira de acácia, pois assim está escrito:

E farás um altar; de madeira de acácia o farás. 

Êxodo 30:1

Pois assim se sabe: A madeira de acácia tem especiais propriedades místicas.

Nas amarrações do caixão, leve-se o caixão para terreno de cemitério ás 3 da madrugada, onde ali é celebrada a bruxaria de amarração.

Nas amarrações do caixão, façam-se oferendas de 3 galos negros – que são oferendados com faca de prata – sendo que o sangue deve ser imediatamente derramado sobre o caixão de acácia, assim como se deve com o sangue desenhar um pentagrama na terra de cemitério, junto a uma campa fúnebre recente.

Nas amarrações do caixão, coloca-se o caixão no centro do pentagrama, acendem-se 5 velas negras ungidas em gordura de animal negra,  e entoam-se litanias ocultas de magia negra, de forma a conjurar ao Diabo e ás assombrações de defuntos.

Nas amarrações do caixão, quando assim se está a fazer, coloca-se a foto da criatura que se deseja amarar dentro do caixão, onde ali também são depositados os 3 corações ainda frescos dos 3 galos pretos oferendados.

Nas amarrações do caixão, sele-se o caixão com 6 pregos de caixão, e prossiga-se com as litanias infernais ate que ardam completamente as 5 velas negras ungidas a sebo de animal negro.

Nas amarrações do caixão, quando tudo estiver concluído, sepulte-se o caixão e os restos de velas numa sepultura 7 palmos abaixo da terra.

Aviso:

espiritosNas amarrações do caixão, esta amarração é um ritual de magia negra poderoso, pelo que quando está a ser celebrada em cemitério, podem-se ver vultos ou assombrações, sentir ventos uivando, sentir alterações de temperatura, escutar murmúrios de espíritos, ver serpentes, ver vermes ou insectos, ver animais rondando como gatos negros, ou cães negros, ou bodes negros, ver mochos voando por cima do bruxos, ou ver um corvo negro, e ouvir uivos de animais, pois que se está invocando a espíritos e assombrações que se manifestam no momento da conjuração. Por isso: não vá fazer estes rituais se não for um bruxo treinado para lidar neles, pois que o incauto ou curioso poderá acabar possuído de espíritos, e sofrendo fatalidades.

Que efeitos tem as amarrações do caixão ?

amarração de magia negra3Enquanto o caixão permanecer sepultado naquele cemitério, então a pessoa amarrada será noite apos noite visitada por assombrações e visões noturnas que irão a atormentar até que ela vá ceder e se entregar ao mandante da amarração. Nas amarrações do caixão, a pessoa fica livre de espernear e teimar como quiser e entender, pois ela não deve desconfiar que foi embruxada. Porem: Nas amarrações do caixão, o purgatório de assombrações ira perdurar sem cessar ate que a pessoa se canse, e se entregue. Nas amarrações do caixão, obviamente que tudo isso se trata de um processo de espiritual de assombrações de cemitério e de demónios, do qual a pessoa não se vai lembrar durante o dia, para que nem ela nem as pessoas á sua volta desconfiem que a pessoa foi embruxada. E porem: Nas amarrações do caixão, á noite o tormento das assombrações voltará sempre para assombrar, até que a criatura embruxada se entregue.

Assim, a criatura amarrada estará condenada a entregar-se ao mandante da amarração, e enquanto teimar em não ceder então será em espirito fustigada no seu espirito pelos tormentos do inferno e do Diabo, e assim será noite apos noite – no seu espirito e nos seus sonhos – ate que a pessoa se entregue.

Observação final:

Nas amarrações do caixão,, ninguém jamais veja nem vá tocar nesse trabalho sepultado junto de sepultura de defunto. Se alguma vez você por acidente encontrar e vir um trabalho desses, volte a sepulta-lo imediatamente e não lhe toque jamais !, pois você será possuído por demónios e horríveis flagelos!

Quer amarrações?

Quer amarração de verdade ?

Escreva-nos!

Amarrações, amarração, bruxaria de amarração, magia negra, feitiços de amarração, amarração do caixão, bruxos, magia satânica,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Bruxaria de amarração, bruxaria do espelho negro, amarração do espelho negro

amarração de magia negra3
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Bruxaria de amarração, bruxaria do espelho negro, amarração do espelho negro

Bruxarias de amarração, trabalhos de amarração, feitiços de amarração, amarrações, amarração, magia negra de amarração, magia negra, trabalhos de magia negra, amarrações amorosas, amarrações,

espelho_negroUm espelho negro é um espelho usado para a invocação de espíritos e assombrações. Nesse espelho são inscritos símbolos ocultos de bruxaria, e quando esse espelho esta a ser feito são nele derramadas e ungidas 66 gotas de sangue de gado negro na sua feitura, isto sempre ás 3 da madrugada, e numa encruzilhada assombrada.

Os bruxos egípcios faziam espelhos mágicos a partir de prata polida, e na bruxaria de amarração do espelho negro os espelhos usados em magia negra deve ser feitos com base nessa prata polida.

O uso de espelhos para magia aparece na Bíblia, em Êxodo 38,8, onde se lê que espelhos era fabricados para as mulheres que serviam ao templo do espirito, pois que com eles essas mulheres entravam em contacto com os espíritos.

Na bruxaria de amarração do espelho negro , sobre o espelho negro deve-se colocar a foto da pessoa que se pretende amarrar, e no momento de fazer a bruxaria de amarração deve-se rodear o espelho negro com terra de cemitério provinda de uma sepultura fresca de 7 dias.

Na bruxaria de amarração do espelho negro, nesse momento, deve-se dizer: «spelucum nigrum», e depois entoar uma litania infernal e oculta ensinada por são Cipriano.

Na bruxaria de amarração do espelho negro, nesse momento deve-se derramar o sangue de ave negra sobre o espelho negro, assim como o pó de uma formula secreta de pó vodu feita á base e ossos cremados de defunto recente.

Na bruxaria de amarração do espelho negro, assim fazendo-se, o espelho funciona como uma porta entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos, e assim sendo eis que assombrações do mundo dos mortos serão chamadas a este mundo dos vivos.

Aviso:

Na bruxaria de amarração do espelho negro nunca ninguem deve tentar esta bruxaria senão bruxos experientes, pois caso contrario o curioso ou inexperiente acabará possuído por espíritos, e sofrendo fatalidade em si ou naqueles á sua volta.

Porem:

Na bruxaria de amarração do espelho negro, sendo bem usada, a invocação de espíritos feita através de um espelho negro é infalível !, e a criatura que se deseja será amarrada com bruxaria de amarração !

Quer bruxaria de amarração?

Escreva-nos!

Bruxarias de amarração, trabalhos de amarração, feitiços de amarração, amarrações, amarração, magia negra de amarração, magia negra, trabalhos de magia negra, amarrações amorosas, amarrações,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarração do perfume de defunto

altar24
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

Amarrações, amarração do perfume de defunto

Amarração, amarrações, trabalhos de amarração, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, magia negra, magia negra para amarrar amor,

Fotos do verdadeiro e antigo altar místico de são Cipriano6Os perfumes são usados em bruxaria desde tempos imemoriais. Já no Antigo Egipto – nos tempos de Moisés e dos bruxos do Egito – são conhecidas bruxarias para fins amorosos com base em perfumes que depois eram sepultados junto de vasos com os restos mortais de defuntos, sendo que assim se fazia uma poderosa invocação de espíritos.

Como é feita a bruxaria de amarração com perfume?

Na bruxaria de amarração com perfume, é usado um perfume vermelho de rosas num frasco de prata pura.

Porquê o perfume de rosas?

Quando se sente o cheiro inexplicável de rosas, significa que se está presente uma entidade espiritual feminina e poderosa, conforme Nossa Senhora, ou Pomba Gira.

Porque se apela a entidades como Pomba Gira?

Por assim ensinou são Cipriano:

Aos traduzirmos esta outra parte, nos lembramos que a entidade correspondente a Lilith, ( citada por São Cipriano ), dos hebreus, é a mesma Astartéia dos babilónicos, ou a Bombodjiro, ( ou pomba gira), dos feiticeiros do brasil, e coincidentemente as oferendas são idênticas

Obra de são Cipriano extraída de Flos-Sanctorum, pag 43

Pois assim se sabe:

O apelo a espíritos femininos feito através de perfume é agradável a esses espíritos, especialmente se foram conjurados com oferendas de sangue e litanias de magia negra.

Isto explicado:

Porque se usam os perfumes nesta amarração?

É reconhecido pela Igreja que existe o odor da santidade, ou seja: um odor agradável aos espíritos que emana de um defunto, e que atrai ás entidades e assombrações.

A isso chama-se uma relíquia religiosa, ou uma relíquia de santos, que é muito aproveitada na religião da Santeria, que é um culto aos santos e aos espíritos.

Porque se atribuem aos aromas da santidade uma propriedade mística?

Por assim esta escrito na palavra de Deus:

Eis que és formosa, meu amor, eis que és formosa;
Cânticos 4:1

Até que refresque o dia, e fujam as sombras, irei ao monte da mirra, e ao outeiro do incenso.
Cânticos 4:6

Que belos são os teus amores, minha irmã, esposa minha! Quanto melhor é o teu amor do que o vinho! E o aroma dos teus ungüentos do que o de todas as especiarias!
Cânticos 4:10

16 Levanta-te, vento norte, e vem tu, vento sul; assopra no meu jardim, para que destilem os seus aromas. 

Livro de Cânticos 4, 16

Pois assim se sabe:

Já desde o tempo dos bruxos Egípcios e dos profetas Hebraicos, eis que em questões amorosas, os espíritos podem ser conjurados através de aromas, e disso dá prova a Bíblia, pois que ensina que os aromas que destilam de uma certa formula mística podem conjurar espíritos amorosos em causas amorosas.

Como é preparada essa formula de aroma místico?

Antes demais, é usado um perfume de rosas que foi santificado com água benta ao longo de 66 noites, sempre em terreiro de Igreja, e ás 3 da madrugada, que é a hora dos espíritos das trevas e dos defuntos.

Depois.

taca-prata2O perfume é derramado num frasco de pura prata consagrada.

No frasco de pura prata onde está o perfuma de rosas santificadas, são vertidos os seguintes ingredientes:

6 gotas de sangue de gado negro no perfume

3 pitadas de cinzas de ossos de um defunto desencarnado há 7 dias

3 pitadas de escamas de serpente negra

6 pitadas de incenso de magia negra

Passados 13 dias de trabalhar em cemitério nesta formula – sempre ás 3 da madrugada, que é a hora dos espíritos infernais e de defuntos –  então o frasco de pura prata é selado com um selo de cera vermelha, cera essa na qual foi misturada sangue de ave negra.

vodu-3A esse selo de cera chama-se um lacre, que é um material feito á base de cera que endurece rapidamente num papiro.

A confirmação do lacre é feito com um sinete, que é um objecto de ouro onde está inscrito um símbolo místico oculto, e que sendo esse símbolo infernal inscrito no lacre, então fará a confirmação de pacto espiritual com as assombrações, e irá selar a bruxaria.

Depois de selado com o lacre do sinete com o símbolo infernal e oculto, o vaso de prata com o perfume infernal deverá ser sepultado em cemitério junto de 3 campas ainda frescas, formando elas uma encruzilhada.

7 dias depois deste ritual estar feito, os espíritos vao-se manifestar!, e logo depois a pessoa amarrada estará a sentir os efeitos da amarração.

Não falha !!

Porem:

Não se meta a fazer esta bruxaria pelas suas próprias mãos, pois que desconhecendo os segredos da bruxaria voce poderá acabar por ser possuído por espíritos, e sofrendo fatalidades em si ou naqueles que você mais ama!

Por isso:

Quer amarração?

Quer bruxaria de amarração?

Quer bruxaria para trazer amor de volta?

Escreva-nos!

Amarração, amarrações, trabalhos de amarração, bruxaria de amarração, bruxarias de amarração, magia negra, magia negra para amarrar amor,

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarrações: magia branca ou magia negra?

filme veridico the exorcist
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarrações: magia branca ou magia negra?

sigilo-ouroA magia branca e magia negra são apenas rótulos.

Quando na igreja estamos a fazer um exorcismo, já estamos – tecnicamente falando – a praticar um acto de magia negra, porque magia negra ocorre a partir do momento em que entramos contacto com espíritos impuros, e todos os exorcistas sabem disso.

 

E porem:

deliver-us-from-evil-2Quando estamos a fazer esse acto de magia negra – que é o exorcismo –  é para salvar a vida ou a alma de alguém que está espiritualmente possuído ou enfermo.

O próprio vaticano tem um seminário privado para treinar exorcistas, e o próprio Papa João Paulo II praticou 3 grandes exorcismos no seu sacerdócio. Por isso: o próprio Vaticano reconhece o exorcismo como um ato de magia negra, que é um ato de entrar em contato com espíritos impuros. E porem: lidando e limpando com o negro é que se alcança o branco.

Jesus Ele mesmo entrou em contato com o demónio quando esteve 40 dias no deserto, e sofreu as suas tentações, e assim o fez para o expulsar.

Jesus Ele mesmo entrou em contato com uma legião de demónios – na região de Gerasenos – e os expulsou para uma manada de porcos.

Jesus ficou famoso por expulsar muitos demonios, e ele andava de terra em terra expulsando demônios, e por isso as multidões procuravam-no de tal forma que por vezes ele nao conseguia atender a todos. Vide o Envagelho de Marcos.

Jesus foi por isso um exorcista, e por isso mesmo foi acusado de impureza por estar em contato com espiritos impuros, e até de praticar feitiçaria. Vide o Evangelho de Mateus.

São inúmeros os exemplos bíblicos de se entrar em contacto com espíritos inferiores para se alcançar um bem superior, pois apenas sujando as mãos é que se lava uma roupa, e nao há medico que faça uma cirurgia sem sujar as mãos para salvar o seu paciente, nem há um sacerdote que não tenha de lidar com trevas para guiar á luz.

Pois bem:

contactar com espíritos inferiores é magia negra !!, mesmo que isso sirva para depois se fazer o bem!, e apenas os leigos desconhecem isso !

Por isso:

sigilo5Na magia negra estamos a entrar em contacto com algo escuro para alcançar algo de luz, e estamos a meter as mãos na impureza para lavar a impureza, conforme quem lava  sua roupa tem de meter as mãos na sujidade para alcançar a limpeza.

Meter as mãos na impureza é aquilo a que as pessoas chamam de magia negra, mas meter as mãos na impureza para alcançar a pureza é que é o objectivo, e por isso todo esse preconceito não faz sentido.

Isso é como um medico que tem de enfrentar a doença para combater a doença e salvar um paciente, ou seja:

ele tem de entrar em contacto com a doença, para causar uma cura.

Ou seja:

The RiteQuando estamos a fazer uma limpeza espiritual, estamos entrar em contacto com energias negativas conforme o medico entra em contacto com a doença do seu paciente, e porem:

estamos a fazer isso – a tal dita magia negra, que é entrar em contacto com as trevas  – para salvar e abrir caminhos a uma pessoa, tal conforme um medico entra em contacto com a doença para salvar o seu paciente.

Toda a gente pensa que o pecado escandaliza um padre, e porem um verdadeiro padre não se escandaliza com o pecado, tal conforme um medico não se escandaliza com a doença, pois é na doença que o medico tem que trabalhar, assim como é no pecado que o sacerdote tem de trabalhar.

Por vezes o padre tem de recorrer ao negro para alcançar o branco, tal conforme o medico insere uma vacina numa pessoa com um vírus mau para inocular essa pessoa, e salva-la da doença.

Olhai:

Um pedreiro não se escandaliza com a pedra imperfeita, mas sim ele pega na pedra imperfeita e trabalha-a ate ela ficar perfeita e servir para edificar uma casa. Um pescador não se escandaliza com a rede imperfeita, mas sim ele remenda a rede ate ela ficar perfeita para pescar peixe. Um carpinteiro não se escandaliza com a madeira imperfeita, mas sim ele trabalha essa madeira ate ela ficar perfeita e fazer uma boa mesa onde comermos.

Pois da mesma forma:

o sacerdote não se escandaliza com o pecado nem com a magia negra – que é o contato com espíritos impuros – para conseguir alcançar a pureza e a felicidade de quem o procura.

Por então:

É isso que se faz na amarração, é isso que se faz nas amarrações, que é por vezes ter de meter as mãos na impureza para poder dar pureza!, ou seja:

por vezes o carpinteiro tem de recorrer da má madeira para a trabalhar, e fazer dela uma boa madeira para se fazer uma boa obra.

È isto que se passa nas amarrações amorosas, limpando a impureza e abrindo caminho a felicidade.

Quer uma verdadeira amarração?

Quer amarrações de verdade?

Escreva-nos.

Recomende, partilhe e vote nesta matéria

amarraçao, amarraçao contra traiçao amorosa

baphomet2
Recomende, partilhe e vote nesta matéria

enterrar trabalhose a pessoa amada anda fria, ou distante, ou sem interesse, então se ela ainda não traiu porem  é certo que isso vai acontecer!, e por isso:

antes da traiçao suceder, é melhor prevenir que remediar, e por isso: eis que esta amarraçao para evitar a pérfida da traição deve ser realizada com a maior urgência!, antes que a dor da traiçao amorosa ocorra.

E porem:

se a pessoa amada já traiu, entao eis que se deve recorrer desta amarraçao para reatar e recuperar essa pessoa amada, pois pior que a dor da traiçao é perder quem se ama para sempre!

Então:

a desmoralização e dor que provem de sofrer a traição de quem se ama é – sem sombra de duvida – motivo do maior tormento seja para a mulher traída, seja para o homem traído.

Pois por isso, desde tempos imemoriais que seculares bruxarias de amarraçao tem sido praticadas para evitar a traição do homem, a traição da mulher, ou no limite para reatar e recuperar a pessoa amada que traiu e se afastou!

nessa amarração para evitar a traiçao, serão usados elementos que garantem que os espíritos conjurados descerão e atenderão ao pedido de amarraçao, e por isso:

1

Papiro virgem será usado, onde se fará a inscrição de símbolos mágicos secretos e ocultos, ( ou assinaturas demoníacas), pois esses garantem que a bruxaria oficiada será atendida e aceite pelos espiritos invocados;

2

Hóstia consagrada para eucaristia e vinho sagrado de eucaristia serão empregues, pois tal empreendimento – quando usado da forma correta –  garante o chamamento das infernais entidades é acolhido sem entraves, e com diligencia

3

Incensos ocultos são ardidos, pois eles são motivo de odores e perfumas agradáveis aos espiritos invocados, assim assegurando a sua descida e atuação na demanda que está sendo trabalhada.

4

Pó de cinzas de um defunto é aspergido conforme regras ocultas, pois assim se fazendo então assim se está garantindo a ligação entre as pessoas que se pretende amarrar num ritual oculto .

5

Oferendas de animais negros e perfeitos – sem qualquer defeito – serão realizadas, pois isso assegura que conforme carne e sangue foi entregue aos espiritos, pois os espiritos na carne no sangue das criaturas amarradas irá atuar para ali selar essa amarração.

6

Infernais litanias serao oradas por forma conjurar as providencias dos espíritos invocados

saco-ossos-bruxariaPois assim sendo, na amarraçao para evitar traiçao, assim será feito:

Na amarraçao para evitar traiçao, dois corações de gado menor negro e sem qualquer imperfeição serão cozidos um ao outro, e assim fazendo-se eis que o coração das duas pessoas que se querem amarrar serão unidos para jamais poderem viver um sem o outro.

Na amarraçao para evitar traiçao, o órgão sexual desse gado menor negro sem qualquer imperfeição será cozido com 6 linhas 6 vezes ligadas na carne do sexo dessa oferenda, e será atado com 6 nós 6 vezes atados, por forma a que a pessoa amarrada jamais consiga trair ou voltar a trair, pois que o seu sexo fechar-se-á, murchará, e secará no hora de querer ter relações sexuais fora do relacionamento de quem encomendou a amarração.

Na amarraçao para evitar traiçao, tudo isto deve ser feito e repetido por 12 noites consecutivas, ao longo da celebração de 12 missas negras, e tudo isso, ( com todos os elementos, materiais e procedimentos que acabamos de descrever), tem a sua boa despesa para poder ser adquirido e feito!

Porem, olhai:

O resultado bem compensa a despesa, pois o resultado da amarração para castigar a pessoa que não se entrega é imediato, pois conforme 7 noites são nesse ritual investidos, pois apos 7 dias os efeitos dessa magia começarão ocorrendo, e pessoa amarrada será espiritualmente castigada com castigo apos castigo, e por isso ela se entregará mansinha que nem o mais manso dos cordeirinhos!

Olhai também:

Esta bruxaria de são Cipriano de amarração para castigar a pessoa amada que recusa a se entregar, ela é bruxaria de amarração que é realizada em encruzilhada fêmea, ou seja, daquelas encruzilhadas em forma de «T».

Olhai também:

Escusado será também dizer que muitos procedimentos ocultos e secretos não são aqui mencionados, pois que poderiam os leigos e desconhecedores ir mexer naquilo que não devem mexer, e acabar sendo possuídos pelos espíritos infernais conjurados, pois tudo isso descamba sempre em fatalidade!

Então:

quer amarração para castigar a pessoa que se recusa a se entregar?

quer bruxaria de amarração para castigar quem se recusa a ceder amorosamente?

Então:

Escreva-nos!

Recomende, partilhe e vote nesta matéria
1 2 3 8